UnP sob novo comando

Universidade deixou de pertencer a rede global estadunidense

O Grupo Laureate assinou ontem (2), contrato com a Ânima Educação para venda de todos os seus ativos brasileiros, incluindo a Universidade Potiguar (UNP). A organização educacional paulista divulgou na semana passada que a oferta feita a equipe norte-americana havia sido escolhida como superior de forma definitiva.

A Ânima destacou que a compra envolve um total de R$ 4,4 bilhões, em que R$ 3,777 bilhões serão pagos em espécie a Laureate e R$ 623 milhões destinados ao pagamento de dívidas que serão assumidas pela empresa. A proposta engloba também R$ 203 milhões por 135 vagas de medicina pendentes de aprovação e ainda o pagamento a Ser Educacional por multa contratual de R$ 180 milhões devida pela Laureate.

A equipe norte-americana dirigia o Centro Universitário IBMR, no Rio de Janeiro, Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e Anhembi Morumbi, em São Paulo. Em setembro, a rede Laureate recebeu oferta de R$ 4 bilhões da Ser Educacional pela compra dos ativos.

A Ânima é uma das maiores instituições privadas de ensino superior no país, com mais de 140 mil alunos distribuídos nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Goiás, Minas Gerais, Bahia, Sergipe e Paraná. A transação com o Grupo Laureate deve ser concluída no final do segundo trimestre de 2021.