Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo

OBRIGADO… MAIS UM ANO DE VIDA

Sou grato… A Deus pelo dom da vida. Aos meus avós/pais que me ensinaram a bondade, a generosidade e a gratidão. Aos que, de uma forma ou de outra me ensinaram a lutar, e a querer conquistar.

Trago comigo as marcas de uma longa caminhada. As vezes de um raro sorriso, e muitas vezes de lágrimas no silêncio da existência. Trago comigo, as minhas faltas. Falhas e o sorriso Deus, mesclado de uma lágrima.

No mundo teológico, há um ditado que diz: “quando oramos estamos fazendo pedidos a Deus, e quando refletimos estamos agradecendo”. Neste dia, começo, pelo caminho dos joelhos diante do rei universal e juiz dos mundos, com o coração meditando silenciosamente, agradecendo ao Senhor, pelo milagre, que é a minha vida, mesmo em dias escuros e ventos fortes.

Aprendi nestes muitos dias, que a vida é uma dádiva, e que eu sou responsável pelas minhas alegrais e tristezas.

E como os dias são longos, a consciência é forçada a amadurecer, o corpo é guiado, pela natureza, a se tornar cansado e fraco por mais um ano de vida.

Hoje venho diante de Ti, mostrar meu olhar, e agradecer, por mais um ano de vida, de aprendizado, e pelo teu amor demonstrado a cada instante. Não tenho nenhum pedido, quero apenas agradecer e Ti prometer que serei hoje melhor que ontem. Que serei paciente e bom.

Obrigado, meu Senhor! (Escritor: Ricardo Alfredo)

 

LEMBRANÇA DOS MEUS AVÓS/PAIS (dois anjos)

Estes dois anjos, é a minha avó-mãe e o meu avô-pai, Maria Lúcia e Alfredo Gabriel, já dormem. No entanto, como é dia dos pais, lembro-me que o meu avô me ensinou o caminho da decência, da bondade, da generosidade, da humildade e da educação. Mostrou-me o caminho da educação e com paciência me falou de amor ao próximo como fruto da sabedoria.

Ao olhar essa foto, meu coração de forma silenciosa, com os olhos cobertos de saudade e de lágrimas, que percorrem caprichosamente, reverência este grande homem.  Meu querido avô, daí onde estais, escute a minha voz, consegui, obrigado.

 

CERTEZA

“A razão ilumina a fé, fides et ratio”. (Teólogo Ricardo Alfredo)

“Quem tem luz exterior caminha sem tropeçar, quem tem luz interior caminha sem medo de viver”. (Escritor Augusto Cury)

 

 

 

A VOZ DO CORAÇÃO

“Quando os olhos estão cheios de fumaça, é porque o coração está em chamas”. (Escritor Ricardo Alfredo)

 

A VOZ DA RAZÃO

“Posso compreender o que restou de algo tão bonito…foi pouco, de tanto que existiu”. (Escritor Ricardo Alfredo)

 

CONSELHO…

“Ore, faz bem conversar com Deus”. (Teólogo Ricardo Alfredo)

 

ACJUS

O nosso presidente, o Dr. Wellington Barreto vem trabalhando no silêncio e em breve teremos novidades da academia. É só aguardar….

 

CONSTATAÇÃO

“O deserto te ensina lições que jamais o topo da montanha poderia lhe ensinar”.

 

 

FÉ E RAZÃO

Caro amigo, sociólogo e filósofo, tu me perguntantes a razão da minha fé, e de forma simples, vou lhe apresentar, um grande homem que viveu entre o povo.

Um homem que fez um doutorado, famoso pela sua capacidade oratória. E era considerado um gênio em seu tempo.

Entretanto, este homem, altivo e poderoso em palavras se converteu a um credo, a um homem que dizia ser o filho de Deus.

Em sua luta, perseguia a quem ele chamava de leigo no conhecimento e na fé, este homem mandou multidões para prisão, mandou açoitar santos e até participou de um homicídio. Seu nome é Paulo de Tarso, o perseguidor.

Porém, em sua busca, ouviu falar de um homem que curou os enfermos, que acolheu os necessitados, que sarou as feridas da alma, que doutrinou que todos fossem mansos e humildes de coração.

E esta mensagem, foi pouco a pouco, encontrado guarita em seu coração. Eis as palavras do doutor apóstolo Paulo.

“Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem.

Porque por ela os antigos alcançaram testemunho.

Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente.

Pela fé Abel ofereceu a Deus maior sacrifício do que Caim, pelo qual alcançou testemunho de que era justo, dando Deus testemunho dos seus dons, e por ela, depois de morto, ainda fala.

Pela fé Enoque foi trasladado para não ver a morte, e não foi achado, porque Deus o trasladara; visto como antes da sua trasladação alcançou testemunho de que agradara a Deus.

Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.

Pela fé Noé, divinamente avisado das coisas que ainda não se viam, temeu e, para salvação da sua família, preparou a arca, pela qual condenou o mundo, e foi feito herdeiro da justiça que é segundo a fé.

Pela fé Abraão, sendo chamado, obedeceu, indo para um lugar que havia de receber por herança; e saiu, sem saber para onde ia.

Pela fé habitou na terra da promessa, como em terra alheia, morando em cabanas com Isaque e Jacó, herdeiros com ele da mesma promessa.

Porque esperava a cidade que tem fundamentos, da qual o artífice e construtor é Deus.

Pela fé também a mesma Sara recebeu a virtude de conceber, e deu à luz já fora da idade; porquanto teve por fiel aquele que lho tinha prometido.

Por isso também de um, e esse já amortecido, descenderam tantos, em multidão, como as estrelas do céu, e como a areia inumerável que está na praia do mar.

Todos estes morreram na fé, sem terem recebido as promessas; mas vendo-as de longe, e crendo-as e abraçando-as, confessaram que eram estrangeiros e peregrinos na terra.

Porque, os que isto dizem, claramente mostram que buscam uma pátria.

E se, na verdade, se lembrassem daquela de onde haviam saído, teriam oportunidade de tornar.

Mas agora desejam uma melhor, isto é, a celestial. Por isso também Deus não se envergonha deles, de se chamar seu Deus, porque já lhes preparou uma cidade.
Pela fé ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado; sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito.

Sendo-lhe dito: Em Isaque será chamada a tua descendência, considerou que Deus era poderoso para até dentre os mortos o ressuscitar;
E daí também em figura ele o recobrou.

Pela fé Isaque abençoou Jacó e Esaú, no tocante às coisas futuras.

Pela fé Jacó, próximo da morte, abençoou cada um dos filhos de José, e adorou encostado à ponta do seu bordão.

Pela fé José, próximo da morte, fez menção da saída dos filhos de Israel, e deu ordem acerca de seus ossos.

Pela fé Moisés, já nascido, foi escondido três meses por seus pais, porque viram que era um menino formoso; e não temeram o mandamento do rei.

Pela fé Moisés, sendo já grande, recusou ser chamado filho da filha de Faraó,
Escolhendo antes ser maltratado com o povo de Deus, do que por um pouco de tempo ter o gozo do pecado; Tendo por maiores riquezas o vitupério de Cristo do que os tesouros do Egito; porque tinha em vista a recompensa.

Pela fé deixou o Egito, não temendo a ira do rei; porque ficou firme, como vendo o invisível.

Pela fé celebrou a páscoa e a aspersão do sangue, para que o destruidor dos primogênitos lhes não tocasse.

Pela fé passaram o Mar Vermelho, como por terra seca; o que intentando os egípcios, se afogaram.

Pela fé caíram os muros de Jericó, sendo rodeados durante sete dias.

Pela fé Raabe, a meretriz, não pereceu com os incrédulos, acolhendo em paz os espias.

E que mais direi? Faltar-me-ia o tempo contando de Gideão, e de Baraque, e de Sansão, e de Jefté, e de Davi, e de Samuel e dos profetas, Os quais pela fé venceram reinos, praticaram a justiça, alcançaram promessas, fecharam as bocas dos leões,

Apagaram a força do fogo, escaparam do fio da espada, da fraqueza tiraram forças, na batalha se esforçaram, puseram em fuga os exércitos dos estranhos.

As mulheres receberam pela ressurreição os seus mortos; uns foram torturados, não aceitando o seu livramento, para alcançarem uma melhor ressurreição;
E outros experimentaram escárnios e açoites, e até cadeias e prisões.

Foram apedrejados, serrados, tentados, mortos ao fio da espada; andaram vestidos de peles de ovelhas e de cabras, desamparados, aflitos e maltratados
(Dos quais o mundo não era digno), errantes pelos desertos, e montes, e pelas covas e cavernas da terra.

E todos estes, tendo tido testemunho pela fé, não alcançaram a promessa,
Provendo Deus alguma coisa melhor a nosso respeito, para que eles sem nós não fossem aperfeiçoados”. (Hebreus 11:1-40)

Portanto, essa é minha razão de fé. 

 

 

 

AMOL – Academia Mossoroense de Letras

Fundadores da academia mossoroense de letras – AMOL

 

 

AMOL

A Academia Mossoroense de Letras (AMOL), sobre a presidência do Dr. Helder Heronildes lançou mais uma revista Amol. Desta vez, a revista foi impressa e de forma digital, o que garante que todos tenham acesso as informações históricas da revista.

Os responsáveis pela revista é a comissão organizadora formada pelos imortais, tendo assinatura jornalística de Ricardo Alfredo e Wilson Bezerra.

ANIVERSÁRIOS – MÊS DE AGOSTO – FELIZ DIA DE LUZ, NASCEU MARIAH E ISABELLY.

As minhas filhas Mariah e Isabelly, neste mês de agosto está de idade nova.

Essas lindas moças são minhas filhas. Mesmo no silêncio da voz, eu sei que são amadas por Deus. E assim, agradeço imensamente a Deus pela proteção e amor que tem para conosco. Agradeço pela saúde de vocês, pelas suas conquistas! Que Deus continue iluminando as suas vidas! Não se esqueça… a generosidade e bondade, em dias escuros são pontos de amor. Ensinar e amar é ser generoso e bom! Feliz aniversário, que Deus, continuei lhe abençoando com o seu amor e sua generosidade. Parabéns.

EM BREVE

Lançamento do livro “o voto cristão e a política” Autor Ricardo Alfredo. Neste livro, estamos construindo conceitos, fundamentos e preceitos teológicos como ensina as sagradas letras. Como dizia Monteiro Lobato “Um país se faz com homens e livros”.

PENSAMENTO

“Só quem passa pela escuridão sabe a grandeza da Luz Interior… “. (Fernando Matos)

ELEIÇÕES 2020: CONHEÇA AS FUNÇÕES DO VEREADOR

Nas Eleições Municipais deste ano, os eleitores brasileiros irão às urnas para eleger representantes públicos para dois cargos: prefeito e vereador. O pleito está marcado para o dia 15 de novembro em 5.568 municípios espalhados pelos 26 estados do país. O número atual de aptos a votar é de mais de 148 milhões de eleitores.

Mas você sabe qual o papel do vereador em cada cidade? De acordo com a Constituição Federal, cabe ao vereador elaborar as leis municipais e fiscalizar a atuação do Executivo – no caso, o prefeito. São os vereadores que propõem, discutem e aprovam as normas a serem aplicadas no município, principalmente sobre matérias que envolvam impostos municipais, educação municipal, linhas de ônibus e saneamento, entre outros temas da cidade. Entre essas leis, também está a Lei Orçamentária Anual, que define como deverão ser aplicados os recursos provenientes dos impostos pagos pelos cidadãos. Também é dever do vereador acompanhar as ações do Executivo, verificando se estão sendo cumpridas as metas de governo e se estão sendo atendidas as normas legais.

A palavra “vereador” é do vocábulo “verea”, forma arcaica portuguesa de vereda ou caminho. Sendo assim, o vereador é aquele que vereia ou orienta o caminho, ou seja, ele é a ligação entre o povo e seu governo. Uma das missões do vereador é ouvir o que os eleitores querem para, então, propor e aprovar esses pedidos na respectiva Câmara Municipal, além de fiscalizar se o prefeito e seus secretários estão colocando essas demandas em prática. Por isso, é importante que o eleitor acompanhe a atuação do vereador ao longo do mandato para verificar se o trabalho está sendo bem desenvolvido.

Para tanto, os cidadãos podem ir às sessões legislativas ou mesmo conversar com os vereadores em seus gabinetes, que devem manter um canal aberto para seus eleitores. Eventuais irregularidades podem ser denunciadas ao Ministério Público, a quem cabe fiscalizar o poder público.

Falando em fiscalização, essa também é uma das atribuições do vereador, que tem o poder e o dever de fiscalizar a administração do prefeito, cuidando da aplicação dos recursos e observando o orçamento e a boa aplicação e gestão do dinheiro público.

Quem pode se candidatar?

Para se candidatar a vereador, o cidadão precisa ter o domicílio eleitoral na cidade em que pretende concorrer até seis meses antes da eleição, além de estar filiado a um partido político. Precisa ainda ter nacionalidade brasileira, ser alfabetizado, estar em dia com a Justiça Eleitoral, ser maior de 18 anos e, no caso dos homens, ter certificado de reservista.

O total de vagas para a Câmara de Vereadores depende do tamanho da população de cada cidade. O salário dos vereadores segue a mesma lógica, ou seja, em cidades pequenas, de até 10 mil pessoas, os salários devem ser no máximo 20% do salário de um deputado estadual daquele estado. O percentual aumenta de acordo com o número de habitantes, até chegar a 75%, no caso das cidades com mais de 500 mil habitantes. As regras estão dispostas no artigo 29, inciso VI, da Constituição Federal, que estabelece também o mínimo de nove e o máximo de 55 vereadores numa Câmara Municipal, obedecendo ao critério de proporcionalidade em relação ao número de habitantes.

O governo municipal divide-se em dois poderes independentes entre si, o Executivo (Prefeitura) e o Legislativo (Câmara de Vereadores), e independentes aos poderes e órgãos da União e dos Estados.

As funções que competem à atuação municipal estão previstas na Constituição Federal de 1988. Um município pode formular suas próprias leis, desde que não entrem em conflito com as leis de outras esferas, e têm autonomia para editar suas próprias Leis Orgânicas, ou seja, a compilação dos direitos, poderes e prioridades municipais.

O Prefeito

Eleito a cada quatro anos, é o chefe do Poder Executivo do município, com funções atribuídas às áreas políticas, executivas e administrativas.

Suas principais responsabilidades são: Defesa dos interesses públicos municipais; Intermediação política com outras esferas do poder; Aprovação, veto e elaboração de projetos de leis que estejam de acordo com a Câmara Municipal e com os interesses da população; Buscar parcerias junto à iniciativa privada; Viabilizar acesso aos bens essenciais como segurança, saúde e educação.

A utilização eficiente e transparente do dinheiro arrecadado pelo município também é papel do prefeito. A arrecadação se dá principalmente através de impostos municipais e de transferências da União e dos estados. Cabe aos vereadores a fiscalização dessa administração orçamentária. A Câmara Municipal foi encarregada pela Constituição da República de acompanhar a execução do orçamento do município e verificar a legalidade e legitimidade dos atos do Poder Executivo.

Quais são os tributos municipais?

A Prefeitura conta com o serviço de secretários (escolhidos pelo prefeito) e por servidores públicos, concursados ou indicados aos cargos.  As funções são divididas em secretarias responsáveis pela administração de determinados setores, como por exemplo a Secretaria de Obras; Secretaria de Meio Ambiente; Secretaria de Saúde; Secretaria de Educação etc.

 

ACJUS – Academia de Ciências Jurídicas e Sociais de Mossoró

Homens e mulheres que trabalham por uma sociedade igualitária e justa.

 

PENSAMENTO

“As lembranças, vão viver por muito tempo ainda…no silêncio do coração”. (Escritor Ricardo Alfredo)

 

OS VERDADEIROS HERÓIS DA FÉ

Baseado na leitura das sagradas letras, (a Bíblia), termos uma série de heróis da fé. Homens e mulheres que enfrentam o sistema pela fé e prevaleceram contra a mal.

Mesmo rejeitados e humilhados, pelo domínio mundano, preferiram as dores de Cristo do que as riquezas e os prazeres momentos da vida.

Estes heróis, não receberam logo seus troféus ou medalhas, entretanto, fixaram seus olhos na gloria eterna e seguiram a sua jornada. Viveram de forma inteligente, com temor a Deus, em obediência as leis humanas, sem deixa de seguir os conceitos do Justo Juiz dos mundos e Senhor do universo.

Gemeram de dores, choraram, sofreram, apanharam, foram presos, humilhados, rejeitos, maltratados. Homens e mulheres que o mundo não era digno de recebe-los. Porém, cumpriram sua carreira e guardaram a fé.

1- Abel – Deus aceitou seu sacrifício porque tinha fé

2- Enoque – foi arrebatado porque sua fé agradou a Deus

3- Noé – creu em Deus e construiu a arca

4- Abraão – em fé saiu de sua terra e viveu como nômade; ele creu e recebeu um filho em sua velhice

5- Isaque – mostrou sua fé nas promessas de Deus quando abençoou seus filhos

6- Jacó – também abençoou seus filhos com fé

7- José – creu na promessa de Deus e seus ossos foram levados para a terra prometida

8- Os pais de Moisés – com fé, esconderam seu filho do faraó

9- Moisés – pela fé rejeitou a posição de príncipe do Egito para liderar o povo de Israel

10- Raabe – salvou dois espiões israelitas porque cria em Deus

11- Gideão, Baraque, Sansão, Jefté, Davi e Samuel – todos deram bom testemunho por sua fé

LIÇÃO

“Nada é mais precioso do que a luz; mas o excesso ofusca”. (Textos Judaicos)

APRENDIZADO – A fé

“São versículos no Novo Testamento que fazem esta afirmação, do dom da fé.

“Porque no evangelho é revelada a justiça de Deus, uma justiça que do princípio ao fim é pela fé, como está escrito: “O justo viverá pela fé”. (Romanos 1:17);

“É evidente que diante de Deus ninguém é justificado pela Lei, pois “o justo viverá pela fé”. (Gálatas 3:11)

“Mas o meu justo viverá pela fé. E, se retroceder, não me agradarei dele”. (Hebreus 10:38);

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso não vem de vós; é dom de Deus.” Efésios 2:8

“De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus”. (Romanos 10:17)

PENSAMENTO

“Agarre-se a vossa fé deixe pra trás tudo aquilo que não te soma mais. Erradia sua luz interior”. (Shirlei Miriam de Souza)

POESIA – Pela luz dos olhos teus
Quando a luz dos olhos meus
E a luz dos olhos teus
Resolvem se encontrar
Ai que bom que isso é meu Deus
Que frio que me dá o encontro desse olhar
Mas se a luz dos olhos teus
Resiste aos olhos meus só p’ra me provocar
Meu amor, juro por Deus me sinto incendiar
Meu amor, juro por Deus
Que a luz dos olhos meus já não pode esperar
Quero a luz dos olhos meus
Na luz dos olhos teus sem mais lará-lará
Pela luz dos olhos teus
Eu acho meu amor que só se pode achar
Que a luz dos olhos meus precisa se casar. (Vinicius de Moraes)

AS BELAS CANÇÕES DA MPB – poéticas

Palavras (Roberto Carlos)

Não, tente me enganar
Vejo em seu olhar
que já não existe
Aquele mesmo amor
que nunca esperou
Acabar tão triste.

Não tente me dizer
palavras que eu
Já não acredito
Eu posso compreender
o que restou de um amor
Que foi tão bonito.

Eu fiz daquele amor
o meu sonho maior
Minha razão de tudo
Foi pouco o que restou
De tanto que existiu
Recordações e nada mais.
o que restou, recordações
e nada mais

Não, não vá me dizer
palavras que venham
Me fazer chorar depois
Eu sei que vou viver
Por muito tempo ainda
Das lembranças de nós dois.

MÚSICA GOSPEL – AS MAIS BELAS CANÇÕES CRISTÃS

Quão Grande É o Meu Deus – Soraya Moraes

Quão grande é o meu Deus

Cantarei quão grande é o meu Deus

E todos hão de ver

Quão grande é o meu Deus

Com esplendor de um rei

Em majestade e luz

Faz a terra se alegrar, faz a terra se alegrar

Ele é a própria luz

E as trevas vão fugir

Tremer com Sua voz, tremer com Sua voz

Quão grande é o meu Deus

Cantarei quão grande é o meu Deus

E todos hão de ver

Quão grande é o meu Deus

Por gerações Ele é

O tempo está em Tuas mãos

O começo, meio e fim, o começo, meio e fim

Três se formam em um

Filho, Espírito e Pai

Cordeiro e Leão, Cordeiro e Leão

Quão grande é o meu Deus

Cantarei quão grande é o meu Deus

E todos hão de ver

Quão grande é o meu Deus

Sobre todo nome é o Seu

Tu és digno do louvor

Eu cantarei

Quão grande é o meu Deus (é o meu Deus)

Quão grande é o meu Deus (eu cantarei)

Cantarei quão grande é o meu Deus, (Ele é grande, todos hão de ver)

E todos hão de ver (quão grande)

Quão grande é o meu Deus (eu cantarei)

Quão grande é o meu Deus

Cantarei quão grande é o meu Deus

E todos hão de ver

Quão grande é o meu Deus

Quão grande é o meu Deus

Cantarei quão grande é o meu Deus

E todos hão de ver

Quão grande é o meu Deus

Quão grande é o meu Deus

Cantarei quão grande é o meu Deus

E todos hão de ver

Quão grande é o meu Deus

 

REFLEXÃO – Uma Análise da Boa Semente

O autor deste salmo é desconhecido, para o mundo teológico. Porem, ele tem uma profunda relação como rei e sua esposa, ou seja, Salomão e uma Egípcia.

No mundo teológico há uma correlação entre este salmo e Cristo e sua esposa a igreja.

De modo geral este salmo, que é um hino de louvor, celebra o casamento de um rei com uma princesa.

Salmo 45

1- O meu coração trasborda de boas palavras; dirijo os meus versos ao rei; a minha língua é qual pena de um hábil escriba.

2- Tu és o mais formoso dos filhos dos homens; a graça se derramou nos teus lábios; por isso Deus te abençoou para sempre.

3- Cinge a tua espada à coxa, ó valente, na tua glória e majestade.

4- E em tua majestade cavalga vitoriosamente pela causa da verdade, da mansidão e da justiça, e a tua destra te ensina coisas terríveis.

5- As tuas flechas são agudas no coração dos inimigos do rei; os povos caem debaixo de ti.

6- O teu trono, ó Deus, subsiste pelos séculos dos séculos; cetro de eqüidade é o cetro do teu reino.

7- Amaste a justiça e odiaste a iniqüidade; por isso Deus, o teu Deus, te ungiu com óleo de alegria, mais do que a teus companheiros.

8- Todas as tuas vestes cheiram a mirra a aloés e a cássia; dos palácios de marfim os instrumentos de cordas e te alegram.

9- Filhas de reis estão entre as tuas ilustres donzelas; à tua mão direita está a rainha, ornada de ouro de Ofir.

10- Ouve, filha, e olha, e inclina teus ouvidos; esquece-te do teu povo e da casa de teu pai.

11- Então o rei se afeiçoará à tua formosura. Ele é teu senhor, presta-lhe, pois, homenagem.

12- A filha de Tiro estará ali com presentes; os ricos do povo suplicarão o teu favor.

13- A filha do rei está esplendente lá dentro do palácio; as suas vestes são entretecidas de ouro.

14- Em vestidos de cores brilhantes será conduzida ao rei; as virgens, suas companheiras que a seguem, serão trazidas à tua presença.

15- Com alegria e regozijo serão trazidas; elas entrarão no palácio do rei.

16- Em lugar de teus pais estarão teus filhos; tu os farás príncipes sobre toda a terra.

17- Farei lembrado o teu nome de geração em geração; pelo que os povos te louvarão eternamente.

Analise Teológica

Após uma introdução de um versículo, o poeta inspirado se dirige ao noivo (v. 2-9) e em seguida à noiva (v. 10-17); os dois últimos versículos constituem uma bênção sobre a união

1 – Transborda – Davi está tão comovido pela beleza de sua visão (ver MDC, 49) que não consegue deixar de expressá-la. A pregação que comove, como uma linda poesia, vem de uma alma que está agitada (ver Mt 12:34). 

2 – O mais formoso – Davi descreve sua visão profética de Jesus, o fulgor da glória do Pai (MDC, 49). Pode-se observar na paráfrase aramaica deste versículo que os judeus atribuíam a ele um significado messiânico: “Tua beleza, ó Rei Messias, é maior do que a dos filhos dos homens”. Nos v. 2 a 9, o rei é retratado como um homem, como um guerreiro, como um governante, e finalmente como um noivo no dia de seu casamento. 

por isso. Os dons da beleza e da eloquência persuasiva são considerados como prova da bênção divina.

3 – Cinge a espada – O rei não é apenas bonito e tem o dom de falar bem, ele também é forte em batalha. 

4 – O reino devia ser estabelecido não com orgulho e arrogância, mas com humildade e mansidão. 

6 – Para todo o sempre – O reinado do Messias não terá fim (ver Ap 11:15). 

7 – Ungiu. Do heb. mashach, raiz da palavra “Messias” (ver com. de Êx 29:7; Nm 3:3). 

8 – Todas as tuas vestes recendem a mirra, aloés e cássia – A frase é, literalmente, “mirra, aloés e cássia, todas as tuas vestes”. Suas vestes estavam tão saturadas de perfumes que parecia estar vestido de perfume. CBASD, vol. 3, p. 835.

mirra. Resina aromática de uma árvore encontrada na Arábia (ver Gn 43:11; Et 2:12; Cr 4:6; Mt 2:11; Jo 19:39). 

aloés. Substância flagrante produzida pela queima de uma madeira aromática da Índia e do Ceilão (ver Pv 7:17; Ct 4:14). Não deve ser confundida com a planta medicinal amarga chamada aloe vera. 

cássia. Casca semelhante à canela, porém menos aromática, proveniente da Índia. 

palácios de marfim. Palácios adornados com marfim, como o famoso palácio de Acabe, em Samaria (ver com. de 1Rs 22:39; cf. Am 3:15). 

9 – Filhas de reis – Uma vez que o casamento era realizado na opulência da corte, seria apropriado que as convidadas fossem mulheres fossem mulheres de sangue real. 

de ouro finíssimo de Ofir. Em vestes bordadas ou ornamentadas com o mais fino ouro (sobre a localização de Ofir, ver com. de 1Rs 9:28; cf. Jó 28:16). 

10 – Esquece… a casa de teu pai – O salmista adverte a noiva: “Não anele pela casa de teu pai, não compare o novo com o antigo, não tente trazer ideias estranhas a seu novo ambiente; rompa todas as associações que possam se interpor entre você e seu rei; identifique-se totalmente com seu marido.” Um belo exemplo de lealdade encontra0se na história de Rute e Noemi (ver Rt 1:16-18

11 – Cobiçará – A devoção ao marido a tornará mais bela e atraente aos seus olhos. Afeição sincera une marido e mulher. 

12 – Filha de Tiro – Pessoas abastadas trariam presentes, considerando um privilégio honrar desta forma o casamento. Na época do salmista, Tiro era provavelmente a cidade comercial mais próspera conhecida pelos judeus (sobre a riqueza de Tiro, ver Is 23:1-8; Ez 26, 27). 

13 – No interior – Aqui não se refere à glória e bondade de coração, mas à noiva adornada para o casamento que vai desde o interior de sua morada ao encontro do noivo. CBASD, vol. 3, p. 836.

14 – Em roupagens bordadas – Do heb. riqamoth, tecidos ou vestidos de cores variadas (ver Jz 5:30; Ez 16:10). 

15 – Com alegria – A comitiva da noiva sai para se encontrar com o noivo e ser conduzida ao palácio do rei. Com este versículo se encerram as palavras dirigidas à noiva. 

16 teus filhos – Os descendentes do rei ocuparão posições importantes. A glória do reino futuro substituirá a do reino anterior. Os v. 16 e 17 constituem uma bênção sobre o casamento real, dirigida ao rei. 

17 celebrado – As palavras deste versículo devem ser compreendidas como o louvor devido a Deus

Divisão teológica para estudo

1- Dos versículos1 – 3: Transborda, O mais formoso e cinge a espada

2- Dos versículos 4 – 8: O reino, para todo o sempre, ungiu e Todas as tuas vestes recendem a mirra, aloés e cássia

3- Dos versículos 9 – 16: filhas de reis, esquece… a casa de teu pai, cobiçará e com alegria.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *