Polícias Civil e Militar prendem 8 pessoas em Assú em operação para desarticular facções criminosas

Foram expedidos 17 mandados de busca e 13 mandados de prisão.

Operação "Tapa Buraco" deflagrada na cidade de Assú — Foto: Hugo Andrade/ Intertv Costa Branca

Operação “Tapa Buraco” deflagrada na cidade de Assú — Foto: Hugo Andrade/ Intertv Costa Branca

Policiais Civis e Militares deflagraram na manhã desta quinta-feira (13), a operação “Tapa Buraco” na cidade de Assú, região Oeste do estado. Oito pessoas foram presas.

O objetivo da operação é desarticular facções criminosas investigadas pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas, na cidade de Assú e em outros municípios da região do Vale do Assú. Cerca de 90 agentes da Polícia Civil e 29 viaturas da Polícia Militar participaram da operação.

Foram expedidos 17 mandados de busca e 13 mandados de prisão, mas só 8 pessoas foram localizadas e presas. Cinco já foram encaminhadas ao sistema prisional e 3 ainda serão ouvidas. Outras 5 pessoas são consideradas foragidas. Com os suspeitos foram apreendidas armas, munição, trouxinhas de maconha, pedras de crack, dinheiro fracionado e celulares.

De acordo com o Delgado Paulo Pereira Júnior, titular da Delegacia de Assú, o objetivo da operação é enfraquecer facções que há algum tempo realizam crimes na região. “Estamos trabalhando nessas investigações já tem um ano. Durante essas investigações colhemos elementos que levaram aos mandados de busca e de prisão. investigamos denúncias de crimes de homicídio e tráfico de drogas”.

Os policiais cumpriram os mandados nos bairros Vertentes, Parati 2000, Cristóvão Dantas, Dom Elizeu e na comunidade Buraco D’água, onde a maior parte dos mandados foi cumprida. Por esse motivo a operação recebeu o nome de “Tapa Buraco”. Ao logo do dia a Polícia fará um novo balanço sobre a operação.

Fonte G1 RN

Policiais Civis e Militares deflagraram na manhã desta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *