Pesquisa Datafolha: avaliação do Congresso piora e do STF fica estável


Datafolha aponta piora na avaliação do Congresso
Datafolha aponta piora na avaliação do Congresso

Uma pesquisa do Datafolha, divulgada nesta segunda-feira (17) no jornal “Folha de S. Paulo”, aponta uma piora na avaliação do Congresso. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Em abril de 2019, 22% avaliavam como ótimo ou bom o desempenho dos senadores e deputados federais. Em julho, o índice caiu para 16%. Em agosto, 16% de novo. Em dezembro, 14%. Em maio de 2020, subiu para 18%. Agora, está em 17%.

Na primeira pesquisa, 41% avaliavam a atuação dos parlamentares como regular. Depois, 42%; 45%; 38%; 47%; e agora, 43%.

32% consideravam o desempenho do Congresso ruim ou péssimo. Depois, 38%; 35%; 45%; 32%; e agora subiu para 37%.

Na primeira pesquisa, 5% não souberam responder; 4% nas duas pesquisas seguintes; 3%; depois 4%; e agora, 4% de novo.

Veja a pesquisa Datafolha com avaliação do STF
Veja a pesquisa Datafolha com avaliação do STF

O Datafolha também perguntou sobre o desempenho dos ministros do Supremo Tribunal Federal. Em dezembro, 19% consideravam o desempenho dos ministros ótimo ou bom. Em maio, 30%. E agora, 27%.

Na primeira pesquisa, 38% responderam que a atuação era regular. Depois, 40%. E agora, 38%. Em maio, 39% avaliaram como ruim ou péssimo. O índice caiu para 26%. E agora está em 29%.

Na primeira pesquisa, 4% não sabiam. Depois, 5%. Agora, 6%.

O Datafolha entrevistou, por telefone, 2.065 pessoas na terça (11) e na quarta-feira (12).

Fonte G1 –  Jornal Nacional