Moro presta depoimento à PF sobre acusações a Bolsonaro neste sábado

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, vai prestar depoimento neste sábado (2) na Polícia Federal, em Curitiba (PR). Três procuradores indicados pela Procuradoria Geral da República (PGR) também vão para acompanhar o depoimento de Moro.

Moro vai ser questionado sobre as acusações de que o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir em inquéritos relacionados a familiares e no trabalho da Polícia Federal. O ex-ministro fez as acusações ao anunciar a saída do governo.

Na noite de quinta, 30, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, que preside a investigação, determinou a realização da oitiva em até cinco dias, atendendo razões de urgências apresentadas por três parlamentares. A informação é do Estado de São Paulo.

Autorizado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), o inquérito vai investigar se as acusações de Moro são verdadeiras. Caso as afirmações sejam falsas, o ex-ministro poderá responder na Justiça por denunciação caluniosa e crimes contra a honra.

Segundo o Estadão, o objetivo do inquérito é analisar se foram cometidos os crimes de falsidade ideológica, coação no curso do processo, advocacia administrativa, prevaricação, obstrução de Justiça, corrupção passiva privilegiada, denunciação caluniosa e crime contra a honra.