ESAM – Escola Superior de Agricultura de Mossoró.

Ensino Superior em Mossoró: primeiros passos – Wilson Bezerra de Moura

Chegou a vez do ensino superior, depois de muitos passos na caminhada no ensino fundamental, médio e pedagógico da Escola Normal de Mossoró, dai por diante uma jornada de muita perda de sono preocupados com a educação, que sempre foi questão prioritária e preocupante para todos nós.

É claro, depois de tudo, a Universidade Regional de Mossoró, a primeira luz com a fundação para a Ciência e a Técnica – FUNCITEC, abriu importante espaço para o ensino superior na terra e, através dela, é fundada a primeira Faculdade de Ciências Econômicas, sendo que através desta unidade as perceptivas de outras faculdades, por ser fértil o campo do ensino superior na terra de Santa Luzia.

A cidade crescia geograficamente, exigindo que um ensino superior fosse dado continuidade, sem ser preciso a saída de filhos de abastadas pessoas da terra para outros lugares para estudar. A população, antigamente sem condições financeiras suficientes para deslocar um filho a outras cidades, estados, necessitava que um ensino superior fosse implantado para suprir tamanha precariedade.

As perspectivas ao ensino superior na região eram ótimas, o mercado de atuação reclamava maior exploração no ramo, aparece a Escola Superior de Agricultura de Mossoró – ESAM, para formar profissionais da agricultura, formando e exportando agrônomos para diferentes regiões do nordeste, até que enfim o ramo da agronomia abastecesse prioritariamente profissionais na área agronômica por todo norte e nordeste brasileiro, a par com a Universidade de Viçosa, em Minas Gerais. Hoje a UFERSA, sucessora da ESAM, se constitui num desafio importante no ensino superior da região, com seus inúmeros cursos.

O grande impulso no ensino superior em Mossoró se deu pela década de setenta, com a Universidade Regional, atingindo o ano dois mil, quando aportava outra universidade, a Universidade Potiguar – UnP, instalando-se nas dependências do Colégio Diocesano,  se expandido para prédio próprio, daí por diante prestando relevantes serviços à educação superior em Mossoró e outras regiões do estado e circunvizinhos.

A Faculdade Mater Christi juntou-se no esquema desenvolvimentista na educação às demais existentes no ramo, hoje UNIRB – Universidade da Bahia, enquanto o mercado abria mais espaço a outras unidades, a exemplo da Faculdade Diocesana, entre as demais unidades MERN, IBMEC – e Damásio Faculdade, FACENE, o que, se não me foge à memória, outras unidades de ensino superior contribuem e poderão contribuir para o engrandecimento do  ensino superior, que de fato só  resultará em crescer no futuro.

O que temos a contar por certo é que a batalha foi vencida à custa de esforços e trabalhos de um povo que lutou sempre pelo seu engrandecimento.