CANTADOR POPULAR

Wilson Bezerra de Moura

O poeta popular de hoje já não é como o de antigamente. Os famosos poetas de antes quando de suas cantorias, expressavam um Tom e letras de uma canção que se via e ouvia o verdadeiro sentimento de sabedoria, expressando conhecimento verdadeiramente filosófico.

Era no traduzir de velhos sábios a expressão do sentimento que cada um manifestava um experiência o saber, as vezes mal sabia escrever tornava-se um autentico poeta, diziam até os admiradores, uma sabedoria divina.

Segundo expressão do escritor Mario Moacir Porto, focando nos antigos poetas das regiões Sertanejas, Paraibana, Pernambucana, Cearense, Rio-grandense do norte, foram muitos sábios da Cantoria repentistas que se tornaram  como excelentes repentistas no passado que hoje em dia não se destacam como antes por inúmeros fatores.

A maneira popular moderna dificultou e muito a sabedoria dos velhos e tradicionais debatedores e violeiros tradicionais. A velha literatura foi embotada pelo avanço da modernidade da música moderna popular ao tempo de tirar de circulação o poder de pensar dos sábios poetas primitivos.

Escritores  antigos haja visto o poeta Leonardo da Mota comentado pelo escritor Mario Moacir Porto e até o Professor Raimundo Nonato, entre outros  pesquisadores foram condizente em  comentar a perda da sensibilidade dos antigos cantadores populares frente ao desempenho da modernidade literária.

Figuras da Cantoria antiga já não mais são citados na modernidade grande parte desta gente  são esquecido pelo povo como  no caso do preto escravo da região do Piancó, Sertão Paraibano, considerado na época um Gênio.

O caso do poeta Inácio da Catingueira, um preto, escravo, analfabeto que durou apenas 34 anos de vida, foi na sua região a Catingueira, perto do Piancó Sertão Paraibano figurou como uma forte liderança como um Cantador de forte sabedoria poética popular.

Nossos  escritores da modernidade, Deífilo  Gurgel, um destes, são autênticos em confirmar a sabedoria poeta de uma figura antiga chamada de Fabião das Queimadas um lendário escrevo que foi sucesso na vida cordelista, citado por muitos em nossos tempo modernos Câmara Cascudo,  Raimundo nonato Mario Moacir porto e o próprio Deífilo Gurgel.

Enquanto pudermos somos obrigados a valorizar os antigos  poetas, porque deles emergiram a sabedoria divina que grande parte dos  elementos antigo eram possuidor.

cialis fiyat