Brasil tem 21 mil mortes causadas pela covid-19

OSegundo país no mundo com o maior número de casos confirmados da doença, atrás apenas dos Estados Unidos, o Brasil tem 330.890 mil pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Conforme informações divulgadas pelo Ministério da Saúde nesta sexta-feira (22), são 21.048 vítimas fatais.

Neste cenário, o avanço da pandemia de coronavírus no Ceará é alarmante. O estado ultrapassou o Rio de Janeiro e ocupa o posto de segundo da federação em números de casos de covid-19, atrás apenas de São Paulo. A última atualização do boletim epidemiológico da pasta apontou 34.573 casos confirmados e 2.251 mortes por conta da doença.

Apesar das tentativas do governador Camilo Santana (PT) de implantar um isolamento social – que deverá se estender em todo o estado até 31 de maio – moradores relatam grande circulação de pessoas. Em Fortaleza, capital cearense, o prefeito Roberto Cláudio (PDT), determinou lockdown em toda a cidade, mas alguns bairros têm descumprido as regras.

“Nós cearenses estamos muito assustados, apesar do governador ter implantado o lockdown, na periferia ele não está sendo efetivo. A gente tem bastante aglomerações, feiras livres acontecendo, gente na rua. Em determinados bairros que têm vida própria, frequentando como se nada tivesse acontecido”, comenta Jonathan William dos Santos.

Professor de formação, ele perdeu seu emprego em um café na cidade, e se mantém em isolamento desde o início da pandemia. Ele conta estar dedicando seu tempo aos estudos de pós-graduação e que quer retornar às salas de aula quando a crise passar. “Não peguei o auxílio emergencial para não tirar de ninguém. Consegui guardar um pouco de dinheiro e agora estou estudando para me preparar melhor para depois da pandemia.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *