Antropóloga discutirá devoções do catolicismo popular no Seridó: “santos, cruzes e almas penadas”

A professora do Programa de Pós-graduação em Antropologia Social da UFRN, Julie Cavignac, é uma das palestrantes confirmadas para o 1° Fórum de Turismo Religioso do Seridó. O evento acontece em modalidade virtual, no período de 27 a 29 de julho, durante da Festa de Sant’Ana de Caicó 2021.

A palestra destacará a importância de levar em conta o componente étnico, o passado e a tradição oral das populações que vivem no Seridó para entender as práticas e devoções religiosas do catolicismo popular na região.

“Nas histórias contadas em Carnaúba dos Dantas ou na comunidade quilombola de Boa Vista dos Negros (Parelhas) é possível encontrar indícios de acontecimentos trágicos que foram retrabalhados pelo tempo: massacres, mortes violentes, doenças contagiosas, fugas, entre outros. São crianças, negros, ciganos, caboclas brabas e indígenas que esconderam nas serras ou que se ‘encantaram’. Nesses lugares, acontecem aparições misteriosas, árvores ficam verdes e cheirosas no meio do sertão seco, marca de que alguém morreu e foi santificado, ruídos se escutam nas serras”, destaca Julie Cavignac.

A antropóloga diz que o mais curioso é que há uma homologia entre esses fenômenos misteriosos, os relatos sobre figuras históricas que se encantaram e a vida dos santos católicos. “Todos seguem um destino semelhante. Os que foram marginalizados pela sociedade morreram sem receber os cuidados necessários e seus corpos não foram encomendados. Eles precisam ser visitados, pagam-se promessas, graças são alcançadas”, comenta Julie.

Para a palestrante, as práticas rituais, os relatos de mistérios e os milagres descritos nos folhetos de cordel exemplificam um catolicismo que escapa dos cânones da Igreja e revelam uma versão local da história na qual ressurgem elementos de uma etnicidade reprimida pelos séculos da colonização e regularmente reelaborada.

Julie Cavignac coordenou o Inventário das Referências Culturais do Seridó (IPHAN), entre 2007-2008, e coordena o projeto de extensão “Museu Virtual Tronco, Ramos e Raízes”.

O Fórum de Turismo Religioso do Seridó é uma promoção da ADESE, Diocese de Caicó e curso de Turismo da FELCS-UFRN. Os inscritos também poderão submeter trabalhos para apresentação durante o evento. Inscrições e programação detalhada estão disponíveis em doity.com.br/forumturismoreligioso