428,9 mil eleitores do RN não comparecem ao pleito neste domingo

O Rio Grande do Norte teve a quarta menor abstenção do país

De acordo com os números divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em todo o estado, 428,9 mil pessoas não comparecem as eleições municipais 2020, o que figura 17,53% de 2,4 milhões de eleitores aptos. O Estado ficou atrás do Piauí, que registrou 15,4%, seguido da Paraíba, 15,7% e Ceará com 16,9%. O Amazonas com 19% ocupa o quinto lugar nessa lista. A média nacional foi de 23,1%.

No RN, 2 milhões de pessoas participaram do pleito. Para Abraão Lopes, especialista em Direito Eleitoral, o número de votantes superou o esperado, visto que prognósticos indicaram uma abstenção maior em virtude da pandemia do COVID-19. Os dados acerca de cada município, ainda não foram publicados pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN), os números estão em processo de compilação e devem ser apresentados em breve.

Nas eleições municipais realizadas em 2016, a abstenção no RN foi de 13,56%, com o não comparecimento de 325,6 mil eleitores aptos. O aumento de 4% nessa taxa foi considerado estável pelo especialista, que associa o acréscimo ao novo coronavírus e a mudança tecnológica (e-Título) no processo eleitoral. Cerca de 13 milhões de brasileiros baixaram o aplicativo, desenvolvido pelo TSE para viabilizar a consulta de informações, mas o sistema sobrecarregou e alguns eleitores tiveram dificuldades para identificar a sessão de votação.

Quanto aos votos, Natal registrou 402,9 mil. Destes, 40,2 mil (9,98%) foram nulos e 18,5 mil (4,6%), brancos. Já Mossoró, segunda maior cidade do Estado, contabilizou 145,7 mil votos, sendo 6 mil, o que representa (4,15%) nulos e 2,2 mil que resulta em 1,57% votos brancos. O TSE não publicou ainda os números gerais de votos nulos e brancos nos Estados.