Foto Cedida

Três mulheres e homem são presos instalando chupa-cabra em banco de Natal

Três mulheres e um homem foram presos em flagrante,  instalando chupa-cabras em caixas eletrônicos de um banco, na avenida Engenheiro Roberto Freire, em um shopping zona Sul de Natal, bairro de Ponta Negra,na noite desta quinta-feira, 9.

De acordo com a Polícia Militar, duas mulheres, conhecidas por já praticar este tipo de delito, foram identificadas pelas filmagens do local, enquanto instalavam os aparelhos. Elas usavam um equipamento para segurar os cartões nos terminais – uma espécie de “chupa-cabra”, com a diferença de que os criminosos não conseguem ter acesso aos dados e às credenciais dos clientes.

 

Ao chegar no local, a polícia encontrou os suspeitos e apreendeu junto deles o chupa-cabra e um veículo, possivelmente utilizado para cometer os crimes. As mulheres, entre 22 e 31 anos, agiam oferecendo ajuda aos clientes, depois que os cartões ficavam presos nas máquinas.  Segundo o shopping, foi a quinta vez que as três agiram no local. Em uma das ocorrências, o cliente teve prejuízo de R$ 11 mil.

O homem tem 22 anos e foi denunciado pelo Ministério Público à comarca de Parnamirim, na Grande Natal, como responsável pela morte do policial militar João Batista de Souza, de 55 anos, cabo da reserva da PM, em maio do ano passado.

A polícia encaminhou os detidos para a Delegacia de Plantão, onde as mulheres foram liberadas e o homem ficou preso.