domingo , 16 de junho de 2019
Home / Opinião / Toque Esportivo / Toque Esportivo – O esporte nosso de cada dia.

Toque Esportivo – O esporte nosso de cada dia.

Abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, foi espetacular, competição realizada em alto nível técnico com sucesso e, festa de encerramento, sensacional, ao estilo brasileiro. E agora, acabou as Olimpíadas e voltamos ao esporte nosso de cada dia. Esporte rico em talento, porém pobre nos investimentos. Em um país gigante, de dimensões continentais sair desta competição com menos de 20 medalhas conquistadas, é pouco, quase nada. Menos do que o “quebrado” do primeiro colocado Estados Unidos que somou 121 subidas ao pódio. O Brasil, total, 19 vezes. Que a pressão feita antes, durante e agora, ao fim dos jogos, não fique nos esquecimento nos próximos dias, que as cobranças sejam permanentes de agora em diante para despertar, são só as polícias públicas para o esporte de forma mais efetiva, como também chuchar a iniciativa privada no sentido de voltar suas atenções para o setor, afinal, benefícios existem para aqueles que assim procederem. Enfim, o Brasil venceu o desafio de sediar mais um grande evento esportivo, porém ainda envergonha em seus resultados no aspecto competitivo, por falta de apoio aos clubes e aos atletas.

ABC REAGE E AMÉRICA PERDE NA SÉRIE C

Enquanto se festeja o sucesso dos Jogos Olímpicos pelo Brasil, também tem luta difícil no Campeonato Brasileiro da Série C para os dois potiguares. Na corrida da reta final da primeira fase, o ABC conseguiu reagir e segue vivo, já o América, esse teve mais um tropeço e se complica.

Contando nos dedos os pontos necessários para se manter na competição, o alvinegro superou o Fortaleza, 2 a 1, enquanto o América perdeu para o ASA, 2 a 0. Os dois já estão em fase de afunilamento e o alvirrubro corre sério risco de, mais uma vez, cair ainda na primeira etapa do certame. Já o time da cartilha, retornou ao G4 e respira sem aparelhos.

ESTREANTES

Duas, das novas apostas do Flamengo para o restante do Campeonato Brasileiro da Série A, corresponderam no final de semana. O centroavante Leandro Damião e o jogador Diego, foram os autores dos dois gols que deveram a vitória ao time rubro-negro por 2 a 1 contra o Grêmio. Claro, o torcedor fica na expectativa de que não seja fogo de palha, e que a dupla continue fazendo seus gols e levando o time a vitória por um longo tempo.

TROPEÇO

O líder Palmeiras, da Série A do brasileirão, tropeçou contra a Ponte Preta, apenas empatando quando já tinha o placar a seu favor, 2 a 2, e assim permitiu que a concorrência encostasse. Ingredientes que tem dado o tom da competição desde o início, ou seja, com situação sempre indefinida no G4. Em um campeonato por pontos corridos, esse é o tempero certo para garantir a emoção até o final.

OURO

Finalmente veio o perseguido ouro Olímpico para o futebol brasileiro que agora já tem o título máximo em todas as competições que disputou. O que é melhor, jogando um futebol alegre, principalmente depois de ser duramente criticado. Fica a esperança para a recuperação da seleção principal, já podendo até aproveitar alguns medalhistas olímpicos em sua próxima convocação.

DUPLA

Uma dupla, por exemplo, já faz por merecer espaço na seleção principal de futebol do Brasil. Cito aqui os jogadores Gabriel de Jesus e Gabriel, como estão chamando o “Gabigol”. Se eles conseguirem junto aos mais experientes manter a postura até aqui apresentada, certamente irão fazer sucesso e brigar por vaga no time do treinador Tite, que viu tudo de perto na conquista da medalha de ouro.

CONFIRMADO

Quando escrevi a nota sobre os jogadores da seleção do ouro Olímpico, não tinha conhecimento da convocação de Tite. Eis que, saiu sua primeira lita desde que assumiu o cargo e, para o jogo contra o Equador, Eliminatórias Copa do Mundo, o técnico da seleção principal chamou os dois atacantes em uma relação de oito que estava nos jogos Rio 2016. Terá uma boa base. Agora é com eles, claro, juntando em tempo de treinar e entrosar.

NO RN, Alecrim decide com o ABC o estadual sub-19 de futebol.

VALE vaga na Copa São Paulo de Juniores que acontece no início do próximo ano.

EM Mossoró, mais uma vez, nomes ligados ao esporte tentam vaga na Câmara Municipal.

O ano vai passando e, nada de notícia sobre o futuro do estádio Nogueirão: reforça ou permuta?