domingo , 25 de junho de 2017
Home / Opinião / Toque Esportivo / Toque Esportivo – Potiguar não abre mão da Série D.

Toque Esportivo – Potiguar não abre mão da Série D.

Como previsto, tudo não passava de mero boato, em relação aos rumores de que o Potiguar poderia abrir mão de sua vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Diferente do que foi dito, sem um fundamento aparente, os dirigentes na verdade já estão tomando as primeiras providências, embora a competição só tenha seu início programado para a metade do mês de junho. E o que é melhor, já tem até data provável de reapresentação, 15 de maio, e as primeiras informações sobre treinador. Enfim, as coisas caminham dentro daquilo que se esperava, ou seja, se brigou para conquistar a vaga, que esta seja aproveitada da melhor maneira possível. A diretoria agora corre atrás de novos patrocinadores, já que o brasileirão requer investimentos diferenciados, para quem quer seguir adiante na competição, é claro. Espera-se, por exemplo, um contato com o prefeito Francisco José Júnior que já havia prometido uma parceria master, no caso de algum clube de Mossoró conseguir a vaga no certamente nacional, o que acabou acontecendo com o Potiguar. No mais, colocando um ponto final em qualquer tipo de especulação de desistência, é desejar sucesso e um bom planejamento aos cartolas do Time Macho, convocando os patrocinadores para que abram suas mentes e os bolsos. 

ESPERANDO O ACERTO FINAL

 

O período, para aqueles que encerram suas atividades na temporada 2016 com o fim de suas participações no Campeonato Estadual, é de acerto de contas. Em Mossoró, por exemplo, a semana começou com vários jogadores ainda hospedados na Toca do Leão, sede do Baraúnas no Sítio Florânia. A turma permanecer na cidade esperando o acerto de contas para que possam viajar para seus estados e cidades de origem.

As informações que nos chegam é de que a diretoria do tricolor trabalha em duas frentes. Uma delas aguarda a liberação da parcela da prefeitura, programada para esta semana, espera-se, até a véspera do feriado. Em outra ponta, a direção do clube cuida da venda de um terreno para reforçar seus cofres e pagar aos jogadores e fornecedores. De forma mais urgente, claro, torcemos para que sejam levantados os recursos destinados ao certo com os atletas, afinal, seria interessante poder deixar a Toca do Leão o mais breve possível. Bom para o Leão que diminuirá despesas.

 SEMIFINAIS

Estaduais pelo Brasil em reta de decisão. No Rio de Janeiro, nenhuma surpresa abalou os mais tradicionais campeões. Estarão na semifinal, com confrontos já definidos, Flamengo x Vasco e Botafogo x Fluminense. Senhores, façam suas apostas.

SURPRESA

O time do ABC, dispensa comentários em relação a sua péssima qualidade, porém, no saco de laranjas estragadas foi possível salvar uma. Destaque aqui é para o jogador Nando, que fez a diferença na reta final e no segundo turno, assumindo inclusive a artilharia do Campeonato Estadual com 13 gols. Esse sim, é uma boa referência.

PLANEJAMENTO

Como já foi dito, o Globo começou seu planejamento para o segundo semestre. O treinador Luizinho Lopes continua no cargo e já começou a traçar como pretende trabalhar, dizendo que terá um bom tempo para esse planejamento.

A proposta, diz ele, é implantar estilo europeu, trabalhando o time da divisão de base até o profissional.

DEMITIDO

Sempre o lado mais fraco. O dirigente tem a caneta e o dinheiro, contrata errado e, quando perde, culpa o treinador. Esse enredo é conhecido e acaba de ser aplicado no treinador Falcão, do Sport Club do Recife, após a eliminação do time na Copa do Nordeste. E olha que essa eliminação só aconteceu nos tiros livres da marca do pênalti.

MORAL

Sem moral. O futebol brasileiro anda em baixa mesmo. Para ter um jogador na seleção, a CBF precisa abrir uma frente de batalha. Isso mostra também a falta de interesse do próprio atleta que não faz o mínimo esforço. A briga da entidade é com o Barcelona que não quer liberar Neymar para a Copa América.

FRASQUEIRÃO. Seu jogo da final com o América, avisa o ABC, é no seu estádio.

RECLAMANDO muito. Assim tem sido o início de temporada de Felipe Nasr na Sauber. F1.

PILOTO brasileiro se sente prejudicado pela equipe. Fórmula 1 também tem trairagem.

DIREÇÃO da federação de futsal em disputa judicial no Rio Grande do Norte.