Notice: Undefined property: WP_Error::$ID in /home/omossoroensecom/public_html/wp-includes/class-wp-user.php on line 170

Notice: Tema sem header.php está obsoleto desde a versão 3.0.0 sem nenhuma alternativa disponível. Inclua um modelo header.php em seu tema. in /home/omossoroensecom/public_html/wp-includes/functions.php on line 3942
Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo – Jornal O Mossoroense Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo – Jornal O Mossoroense

Home / Opinião / Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo
foto 02 (1)

Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo

AGRADECIMENTO

A todos que ligaram, passaram e-mails, aos meus irmãos, amigos, alunos, ex-alunos, juristas, teólogos, professores, filhos do grande arquiteto do universo, aos imortais da AMOL, aos imortais da ACJUS, aos imortais AMLERN, aos imortais da ASCRIM. Meu muito obrigado pelas palavras generosas e pela confiança neste escriba provinciano. A todos vocês desejo um Feliz Natal na presença do menino Jesus, esperança dos homens. (Ricardo Alfredo).

LEMBRETE DO APÓSTOLO PAULO (essas palavras moram no meu coração)

“Ut flatus venti, sic transit gloria mundi – Tal como um sopro de vento, assim passa a glória mundana”. (Apóstolo Paulo)

PENSAMENTO

“Quando as lutas perturbam a minha a paz… Eu olho para o Cristo da cruz e volta a bonança”. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

NATAL É…

Mas o anjo lhe disse: “Não tenha medo, Maria; você foi agraciada por Deus! Você ficará grávida e dará à luz um filho, e lhe porá o nome de Jesus. (Lucas 1:30-31)

ORAÇÃO DE NATAL

Se por acaso Senhor, eu tenho sido uma pedra ou mesmo um espinho, no caminho de alguém. Perdão Senhor!

Se as minhas palavras, ações ou atos, o levou a abandonar o bem. Perdão Senhor!

Senhor! Se em algum momento, eu olhei e me encantei com o mal caminho, longe da tua graça. Perdão Senhor!

Se algum dia, agi com indiferença ou perversidade de coração, ao saber que tu es o único brigo, e silêncio fiz. Perdão Senhor!

Se na caminhada me esqueci que era soldado teu, e não fui varonil, Perdão Senhor!

Se transgredi tua lei, e esqueci de amar o próximo. Perdão Senhor!

Senhor! Eu quero ser melhor hoje, do que fui ontem, então faz de mim, o vosso instrumento de amor, cheio de paciência e bondade. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

 

A PALAVRA DO PRESIDENTE AMOL – (Academia Mossorense de Letras)

 

foto 01 (1)

 

EXPLICAÇÃO AOS LEITORES

Certo dia, foi interrogado por um amigo leitor, com seguinte pergunta: Por que um homem com um excelente preparo intelectual, continua crendo na existência de Deus? Amigo, hoje, vou lhe contar o que carrego no coração e que aprendi desde minha infância, ouvido sua voz. Leia com calma.

Um ser poderoso e amoroso

Há um ser, que faz temer todo universo, e para Ele as estrelas cantam.

Há um ser, que criou o universo, o mundo e os céus pela sua a palavra.

Há um ser, que é santo, supremo e de amor eterno.

Há um ser, que criou os anjos, e os colocou em suas mansões celestes.

Há um ser, que criou o espaço e nele colocou o grande universo.

Há um ser, que faz os campos florescerem, e as terras mais isoladas, darem os seus frutos na estação própria.

Há um ser, que cuida de pardais, tão desprezados pelos homens.

Há um ser, que dar serenidade e paz aos serem da terra.

Há um ser, que é senhor do tempo e do progresso do universo e do homem.

Há um ser, que dar luz as estrelas.

Há um ser, que dar paz aos cansados.

Há um ser, que faz o sol brilhar.

Há um ser, que manda chuva para sábios e tolos.

Há um ser, que tem uma glória eterna.

Há um ser, que é justo e bondoso.

Há um ser, que fiel, no que diz.

Há um ser, que faz cair o império do mal.

Há um ser, que humilha o exaltado, o ensinando a brevidade da vida.

Há um ser, que é um Rei amoroso e justo.

Há um ser, que visita, no silêncio, aos fracos, abatidos, caídos pelas ruas, os famintos, os rejeitos, os doentes e sofridos deste mundo, consolados com sua

voz suave, dizendo: és bem-vindos ao meu reino, onde te darei a recompensa da vida eterna.

Há um ser, que deu seu único filho, Jesus, que morreu por todos os homens.

Há um ser, que ensina a vencer, as dores do mundo.

Há um ser, que é vivo e eterno, cheio de amor e compaixão.

E este ser, chamasse DEUS.

CONSOLO DE DEUS

“Jó nunca viu a razão do seu sofrimento. Ele viu Deus, e isso foi o bastante”.

NATAL DE JESUS

 

foto 02 (1)

 

A história de Jesus teve seu início na periferia. Filho de um carpinteiro e uma dona de casa. Família humilde e trabalhadora dos arredores de Jerusalém. Sua família, não tinha bens materiais e nem títulos, por esse motivo, não eram aceitos nos palácios, nem nas igrejas. Não tinha riquezas para apresentar, sua casa era modesta, mais cheia da presença do Rei eterno e do amor ao próximo. Sua mãe, mulher simples, doméstica, e de coração humilde. Seu pai, um carpinteiro, homem bom e temente a Deus.

Nascido em uma família humilde. Como homem, foi capaz de sentiu as dores da opressão e a angústia da escravidão do sistema dominante. Da injustiça fez, a esperança renascer, dar humilhação e da escravidão política e ideológica, fez brotar a perspectiva numa terra seca e árida.

Cresceu com o sonho de liberdade. O menino aprendeu desde cedo a ter feridas na alma, consequência da dor que carregava pela falta de dignidade da pessoa humana, e assim diante do mundo em caos, a sua devoção era os pobres. Sua palavra de conforto era dirigida aos necessitados e marginalizados da sociedade. Como o evangelho de Mateus declara: “ide, e anunciai a João as coisas que ouvis e vedes: os cegos veem, e os coxos andam; os leprosos são limpos, e os surdos ouvem; os mortos são ressuscitados, e aos pobres é anunciado o evangelho (Mt, 11:4-5).

Séculos mais tarde, passamos a comemora o Natal, data do seu nascimento, que é a chamada de Deus aos homens para salvação. O Natal é símbolo do Cristo que nasceu, da salvação deseja e da alegria dos homens que estavam em trevas e viram a luz. A luz que alumiar os homens que estavam em trevas. Sim é natal do amor e da paz, anunciado pelos profetas e confirmado pelos anjos.

Entretanto, o sentido do natal foi esquecido, pois os templos suntuosos celebram o natal dos muros altos, do ritualismo, de rigorosa solenidade litúrgica e dogmática. Das capas e ternos dos sacerdotes abarrotados de fios de ouros, das luzes coloridas e mágicas que brilham com intensidade fascinante e a todos encantam. Enquanto, lá bem longe, a criança desprovida de pão chora, inconsolável por ter sido esquecida e abandona, pelo mundo dos homens. Eis

que assim agem, todos aqueles que servem ao sistema, o qual luta contra a implantação do reino de paz, segurança e igualdade.

E na sua festa de natalício, o espírito de Deus, através de Cristo, nos faz ouvir sua suave voz, dentro do nosso coração, que nos questiona ao perguntar: o que você tem feito pelos que pedem socorro? Qual o seu acordo para ajudar os abandonados? Como temos defendido as causas dos pobres? Seus ouvidos estão atentos clamor dos que sofrem? Tu lutas pela vida, justiça, dignidade? Ouvi-te tua hoje a voz de quem geme pelas dores do mundo?

Eis o natal do mundo: cheios de pompas, músicas emotivas, aplausos e sorrisos, canções e mais canções, louvores encantadores, brinquedos, danças, bebidas, comidas, luzes, lágrimas e abraços. Porém, esquecera-se que o menino Rei, nasceu numa manjedoura, apenas testemunhada por animais e pelos céus. Menino que ao nascer traz ao mundo a mensagem de o reino de Deus estava reivindicando a colônia terra, e novamente seria tudo igual no céus e na terra.

O coração insensível, não pode ver e nem perceber, que o Cristo, está representado no pobre, no humilhando e esfarrapado, nos famintos, nos presos, nos injustiçados e nos doentes. E estes, não são aqueles, em que o verdadeiro natal soa-lhes no coração como esperança da vida num reino que nunca acaba.

Os que festejam o natal do mundo, não são capazes de ouvir o choro de uma criança pobre que grita por pão, justiça e amor. Pão para saciar sua fome; justiça, para ser visto pelos homens e aceitos como humanos vindos da parte de Deus; e amor, pois estão desamparados e aflitos por não ter um pai ou mãe que indique o caminho dos justos.

Natal, é para nos lembrar que Ele, o Rei dos reis, Senhor dos senhores nasceu fora da cidade, desamparado pelo sistema e pelos homens. Assim como nossos irmãos, na África, na Ásia e na América Latina, que gritam por socorro e sentem as dores de saírem de sua terra, de sua parentela, para poderem sobreviver em outro local que não é seu. Humilhando e aflito, estes são aqueles em que o Espirito Santo lhes anuncia o verdadeiro natal do Cristo.

Diante de um mundo caótico, sem rumo, o nosso coração aflito pergunta, quando é natal?

É natal, quando as esquinas, as ruas, as periferias sintam que chegou o tempo de justiça social, de dignidade, de liberdade, de pão e água, pois os ouvidos de Deus e seus olhos estão atentados para o homem bom, que sente compaixão e dar ao pobre com amor.

É natal, quando as vidas humanas dilaceradas, humilhadas, tragas e liquidadas pelas hostes malignas das drogas, pela prostituição e pelo assassinato passarem cantar o hino de vitória do seu resgate.

É natal, quando ao idoso lhe entregarmos o devido respeito, amor e admiração pela sua vida de lutas e conquistas. Quando não permitimos que sejam jogados

nos asilos, como produtos descartáveis. É neles, idosos, que podemos ver a lágrima do Cristo em sua face, quando recebem, apenas um simples abraço.

É natal! Quando as autoridades, aprenderem a partilhar seus milionários salários com quem sofre a dor da fome e da miséria.

É natal! Quando os políticos, passarem a temer ao Eterno e abandonar a ganância, a corrupção e o roubo. Tirando da boca do pobre o seu pão e a dignidade.

É natal! Quando a religiosidade se transformar em amor ao próximo E caridade seja o verdadeiro desejo de servir. Sem ser visto pelos homens, para ser endeusado. Apenas o sonho de servir, a quem precisa e sofre. E assim, deixaremos para trás, o profundo aviso profético: “Este povo me honra com os lábios, mas seu coração está longe de mim” (Mt 15:8).

É natal! Quando empestamos nos olhos ao cego, nossas mãos e pés aos paralíticos, nossa justiça aos injustiçados. Quando partimos nosso pão com o irmão faminto, quando socorremos os desamparados, quando emprestamos nossa voz aos que estão à margem da sociedade.

Portanto o natal é viver na presença e sobre a doce de mão de Cristo como o profeta Amós nos ensina que: Procurai aquele que fez as Plêiades e o Oriom, e torna a sombra da noite em manhã, e transforma o dia em noite; o que chama as águas do mar, e as derrama sobre a terra; o Senhor é o seu nome. (Amós 5:8). E jamais esqueçamos: Jesus e a resplandecente Estrela da Manhã. E sendo assim, devemos dar: Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na terra entre os homens de boa vontade. (Lucas 2:1)4.

MEMORY I

“A cada ano tenho semeado a boa semente, às vezes, com lagrimas, choro e dor. Mais quem me chamou, me disse: “Sou teu forte braço, apenas escreva o que tenho dito”. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

NATAL É…

“E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos a sua glória; como a glória do Unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade” (João 1.14)

FELIZ NATAL

Caros confrades, o natal se aproxima, e com ele vem o tempo de renovar as esperanças, pois o menino Jesus, alegria dos homens, nasceu, e com Ele veio a esperança da vida eterna junto ao pai celeste.

Neste natal, sejamos gratos, pela vida, pelos amigos, pelas pequenas conquistas, pelas lágrimas, pelos sorrisos e principalmente pela misericórdia encontrada no Cristo Jesus. Feliz Natal a todos.

LIÇÕES DA VIDA I – Uma Linda História De Natal

Um dia, Gabriel acordou, muito contente, era a véspera de Natal, pois para ele era uma data muito importante!

Era o dia do Aniversário do Menino Jesus, e também o dia que Papai Noel vinha visitá-lo todos os anos.

Com seus seis aninhos, esperava ansiosamente o cair da noite para voltar a dormir, e no outro dia encontrar em seu pé de meia, o seu presente de Natal, pois nem tinha uma árvore de Natal.

Dormiu muito tarde, para ver se pegava aquele velhinho no “flagra”, mas como o sono era maior que sua vontade, dormiu profundamente.

Mas, na manhã de Natal, percebeu que seu pé de meia não estava lá, e que não havia presente nenhum em toda sua casa.

Seu pai desempregado, com os olhos cheios de água, observava atentamente o seu filho, e esperava para tomar coragem para falar que o seu sonho não existia, e com muita dor no coração, o chama:

– Gabriel, meu filho, vem cá!

– Papai? – O que foi filho?

– O Papai Noel se esqueceu de mim…

Falando isso, Gabriel abraça o pai, e os dois se põem a chorar, quando Gabriel fala: – Ele também se esqueceu de você pai?

– Não meu filho.

O melhor presente que eu poderia ter ganhado na vida, está em meus braços, e fique tranquilo pois eu sei que o Papai Noel não se esqueceu de você.

– Mas todas as outras crianças vizinhas estão brincando com seus presentes… ele pulou a nossa casa…

– Pulou não… o seu presente está te abraçando agora, e vai te levar para um dos melhores passeios de sua vida!

E assim foram para um parque, e Gabriel brincou com o pai durante o resto do dia, voltando somente no começo da noite.

Chegando em casa muito sonolento, Gabriel foi para seu quarto, e “escreveu” para o Papai Noel: “Querido Papai Noel, Eu sei que é cedo demais para pedir alguma coisa, mas quero agradecer o presente que o senhor me deu.

Desejo que todos os Natais que eu passe, faça com que meu pai se esqueça de seus problemas, e que ele possa se distrair comigo, passando uma tarde maravilhosa como a de hoje.

Obrigado pela minha vida, pois descobri que não são com brinquedos que somos felizes, e sim, com o verdadeiro sentimento que está dentro de nós, que o senhor desperta nos Natais.

De quem te agradece por tudo, Gabriel.

E foi dormir com um lindo sorriso nos lábios. Entrando no quarto para dar boa noite ao seu filho, o pai de Gabriel viu a cartinha, e a partir desse dia, não deixou que seus problemas afetassem a felicidade dele, e começou a fazer que todo dia fosse um Natal para ambos…. Se um simples garotinho de seis anos, conseguiu perceber que os melhores presentes que se pode receber não são materiais, porque nós não fazemos o mesmo? Que todos vocês que estão lendo esta mensagem, faça com que cada dia seja um Natal, valorizando a amizade, carinho e todos os sentimentos bons que existem dentro de cada um, e depende somente de nós mesmos para botar para fora… Feliz Natal!

PENSAMENTO I

“De repente, parece que tudo se encaixou, tudo deu certo. Alguns dirão: foi sorte! Outros, foi o acaso. Então, você sorriso, diz: chegou o tempo de Deus”. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

QUER ME ENCONTRAR! ESTOU NO ABRIGO DE DEUS.

SALMO 91

1. Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.

2. Direi do Senhor: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.

3. Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa.

4. Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel.

5. Não terás medo do terror de noite nem da seta que voa de dia,

6. Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia.

7. Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas tu não serás atingido.

8. Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios.

9. Porque tu, ó Senhor, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação.

10. Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.

11. Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.

12. Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra.

13. Pisarás o leão e a cobra, calcarás aos pés o filho do leão e a serpente.

14. Porquanto tão encarecidamente me amou, também eu o livrarei, pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome.

15. Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei.

16. Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.

NATAL É…

Ser observado pelo Rei do universo: “E, estando Jesus assentado defronte da arca do tesouro, observava a maneira como a multidão lançava o dinheiro na arca do tesouro; e muitos ricos deitavam muito. Vindo, porém, uma pobre viúva, deitou duas pequenas moedas, que valiam meio centavo. E, chamando os seus discípulos, disse-lhes: Em verdade vos digo que está pobre viúva deitou mais do que todos os que deitaram na arca do tesouro; porque todos ali deitaram do que lhes sobejava, mas esta, da sua pobreza, deitou tudo o que tinha, todo o seu sustento”. (Marcos 12:41-44)

DIA DO EVANGÉLICO EM PORTO DO MANGUE

 

foto 03 (1)

 

Na cidade de porto do mangue, área litorânea do Vale do Açu, o dia do evangélico já está incluído em seu calendário oficial. O evento ocorrerá no dia 27 de dezembro, que é uma sexta-feira na praça central de Porto do Mangue. As atrações principais são Esthefeson Carlos e o pastor Carlos Jorge.

NATAL É…

“Por isso o Senhor mesmo dará a vocês um sinal: a virgem ficará grávida, dará à luz um filho e o chamará Emanuel”. (Isaías 7:14)

MOSAICOS DO SÉCULO III SÃO ENCONTRADOS EM SINAGOGA

Descoberta indica presença judaica em Golã

 

foto 04 (1)

Mesmo que não esteja bem conservado e o espaço seja pequeno, a identificação dos desenhos ficou quase impossível, porem foi possível perceber as pernas de vários animais e pássaros.

A pergunta é qual a importância desta descoberta? A descoberta é importante por indicar a presença judaica em Golã ainda que não haja informações suficientes sobre o século III naquela região, como explicou o arqueólogo Mechael Osband

PENSAMENTO II

“Não estou sozinho, tenho um amigo, Jesus Cristo, que me levou ao abrigo de Deus”. (Teólogo Ricardo Alfredo)

ANIVERSARIANTES DA ACJUS

 

foto 05 (2)

 

Confrades, que esta data, se multiplique, e que a alegria dos nossos encontros, sejam cada vez mais cheios de paz, amizade e ternura diante dos homens e do criador. Parabéns.

NATAL É…

“Isto servirá de sinal para vocês: encontrarão o bebê envolto em panos e deitado numa manjedoura”. (Lucas 2:12)

O PROCURADOR DALLAGNOL PROCESSA O MINISTRO DO STF GILMAR MENDES POR CHAMAR LAVA JATO DE “ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA”

 

foto 06 (1)

 

Numa atitude desproporcional o Ministro do STF fez uma série de ofensas contra os integrantes da força-tarefa. (Grifo nosso: a justiça dia a dia vem perdendo sua credibilidade por falta de comunicação e humildade entre seus membros)

Em um deste episódio, o procurador Deltan Dallagnol está processando o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes pedindo indenização por danos morais.

Numa entrevista, O ministro Gilmar Mendes fez acusou pesadas aos integrantes da operação Lava Jato, classificando-os de serem “uma organização criminosa” formada “por gente muito baixa, muito desqualificada”.

O documento também cita o julgamento de agravo regimental 4435 e do habeas corpus 166373, onde o ministro do STF diz que os integrantes da força-tarefa são “cretinos”, “covardes”, “gângster”, “vendilhões do templo”, “falsos heróis”, entre outras ofensas. (Fonte: gospel mais)

NATAL É…

“E digo isto: Que o que semeia pouco, pouco também ceifará; e o que semeia em abundância, em abundância ceifará” (2 Coríntios 9:6)

MARCO FELICIANO CHAMA TODAS AS IGREJAS PARA DENUNCIAR O “PORTA DOS FUNDOS”

Afirmou o pastor: ”está na hora de uma ação conjunta das igrejas e pessoas de bem para dar um basta nisso. ”

O pastor Marco Feliciano, publicou em todas as suas redes sociais, assim como no YouTube, uma convocação para todas as igrejas com o intuito de denunciar um canal de comédia da porta dos fundos.

A porta dos fundos, utiliza de suas peças de humor como chacota e provocação contra a fé cristã. Nesse contexto, recentemente já disponibilizou no catálogo da “Netflix” um “especial de natal” que põe até cristo como homossexual.

Ademais, segundo ele a justiça não faz seu papel e alega que seria “liberdade de expressão” e diz que está na hora de juntar forças contra esse mau.

Ele argumenta: ”está na hora de uma ação conjunta das igrejas e pessoas de bem para dar um basta nisso. ” (Grifo nosso: a liberdade de expressão também tem limites. E estes limites, se encontram quando a fé, a honra e a pessoa humana é atingida de forma desproporcional e vergonhosa. Claro que o humor deve ter, porém, falta coerência, em diversas brincadeiras de mal gosto.)

PENSAMENTO III

“O natal é uma oportunidade para que possamos olhar o mundo e as pessoas com fé. E aos mesmo tempo, aprendemos a sermos melhores hoje do que ontem. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

PENSAMENTO III

“Estou habitando no Abrigo de Deus” (Teólogo: Ricardo Alfredo)

A PALAVRA DO PRESIDENTE ACJUS

 

foto 07 (1)

 

CEMADERN REALIZARÁ ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA DIAS 22 A 24 DE JANEIRO DE 2020

A CEMADERN – Convenção estadual de ministros da Assembleia de Deus do Rio Grande do Norte realizará dias 22 a 24 de Janeiro de 2020 a AGO – Assembleia Geral Ordinária.

A Convenção estadual será presidida pelo Pastor Martim Alves da Silva, presidente do CEMADERN e ocorrerá no templo sede da IEADERN de Natal.

DAS MAIS LINDAS CANÇÕES CRISTÃS

O Abrigo de Deus – Feliciano Amaral

O que habita no Abrigo de Deus Estará sob as sombras do amor Sobre ele, não virá nenhum mal E em suas asas, feliz viverá

Oh! Eu quero habitar no abrigo de Deus Só ali, encontrarei paz e profundo amor

E delícias sem par, comunhão desfrutar E pra sempre o seu nome exaltar

Os que habitam no Abrigo de Deus Mui felizes pra sempre estarão Anjos guardam suas vidas e saúde E seus pés nunca resvalarão

Oh! Eu quero habitar no abrigo de Deus Só ali, encontrarei paz e profundo amor E delícias sem par, comunhão desfrutar E pra sempre o seu nome exaltar

O que habita no Abrigo de Deus Para sempre seguro estará Caiam mil ou dez mil ao seu lado Mas a ele nenhum mal cairá

Oh! Eu quero habitar no abrigo de Deus Só ali, encontrarei paz e profundo amor E delícias sem par, comunhão desfrutar E, pra sempre, seu nome exaltar

 

O CULTO EM AÇÃO DE GRAÇAS PELO ANIVERSÁRIO DO PASTOR FRANCISCO CÍCERO DE MIRANDA.

 

foto 08 (1)

 

A A. D. de Mossoró, realizará no dia, 16 de dezembro do ano corrente, o culto de ação de graças pelo aniversário do Pastor Francisco Cícero de Miranda. O culto de gratidão será realizado no templo sede da IEADERN de Mossoró.

PENSAMENTO V

“Apenas olhe e veja, quão bom é Deus, para os que, ama o seu nome”. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

A PALAVRA DA PRESIDENTE ALAM

 

foto 09 (1)

 

POEMAS – CLÁSSICOS DAS POESIAS

Último Poema É Natal, nunca estive tão só. Nem sequer neva como nos versos do Pessoa ou nos bosques da Nova Inglaterra. Deixo os olhos correr entre o fulgor dos cravos e os dióspiros ardendo na sombra. Quem assim tem o verão dentro de casa não devia queixar-se de estar só, não devia. – Eugénio de Andrade, em ‘Rente ao Dizer’.

REFLEXÃO – Uma Análise da Boa Semente

Salmo 20 – aprendendo a ter serenidade e perseverança diante das próprias dificuldades.

O salmo 20, escrito pelo Rei Davi, é a pura demonstração de que quem serve a Deus, passa por dias difíceis também. O interessante neste salmo, é que a ideia central dele é um pedido de livramento das suas angústias e o preparo do espírito para se aceitar como pessoa humana, cheio de falhas. E assim, com serenidade e cautela caminhar no mundo dos homens.

No mundo espiritual, este salmo, tem o poder de calmar os inquietos corações diante da provação e do mar tempestuoso.

Este salmo era cantado de pé, diante da congregação e cheio de fé. O qual trazia a tranquilidade plena para a alma cansada das tempestades mundanas.

leia com toda reverência, e sinta a presença do Espírito Santo:

1. O Senhor te ouça no dia da angústia; o nome do Deus de Jacó te proteja.

2. Envie-te socorro do seu santuário, e te sustenha de Sião.

3. Lembre-se de todas as tuas ofertas, e aceite os teus holocaustos.

4. Conceda-te conforme o desejo do teu coração, e cumpra todo o teu desígnio.

5. Nós nos alegraremos pela tua salvação, e em nome do nosso Deus arvoraremos pendões; satisfaça o Senhor todas as tuas petições.

6. Agora sei que o Senhor salva o seu ungido; ele lhe responderá lá do seu santo céu, com a força salvadora da sua destra.

7. Uns confiam em carros e outros em cavalos, mas nós faremos menção do nome do Senhor nosso Deus.

8. Uns encurvam-se e caem, mas nós nos erguemos e ficamos de pé.

9. Salva-nos, Senhor; ouça-nos o Rei quando clamarmos.

Aprendizado teológico do salmo em 4 (quatro) partes:

I- O SENHOR te ouça na angústia (v.1)

Em dias de angustia é difícil encontrar um amigo, porem o senhor é o amigo de sempre, até nos dias de angústia e do desprezo. Veja os exemplos: Pois Ele é socorro bem presente nessas horas (Sl 46.1); Ana clamou ao Senhor e foi ouvida (1 Sm 1.10-19,20); Deus atentou para a angústia de Hagar e a ouviu (Gn 16.11). Depois que conferimos ponto a ponto o grande amor de Deus. Devemos compreender que não estamos sozinhos nesta jornada chamada vida.

II- O SENHOR te socorra. (v.2)

Quando os dias parecem mal, e não há uma saída, uma porta, o maior desejo alma é fugir para ter um descanso. Entretanto, a voz do Santo Espirito nos anuncia que o socorro vem de Deus.

Quando correlacionamos este salmo as sagradas letras podemos perceber as promessas de Deus. Vejamos: Pois o teu socorro só pode vir Dele. (Sl 121.1); Nosso socorro está no nome Dele. (SL 124.8); Davi sabia bem disso na luta contra o gigante Golias. (1 Sm 17.45,50); A mulher cananéia pediu socorro ao nome de Jesus. (Mt 15.22,25).

III- O SENHOR é a nossa bandeira. (v.5)

Diante de um sistema, dominado pelo mal, o Senhor permite ao seu servo, levantar a bandeira do Espírito Santo e prosseguir em sua caminhada. Assim como, há garantia de que suas orações são ouvidos e aceitas diante do trono do supremo Deus. Vejamos essas promessas nas Sagradas Letras: Para vencer as guerras. (Ex 17.8-16); Para me cobrir com seu amor em comunhão. (Ct 2.4).

IV- O SENHOR nos garante vitória. Devemos confiar somente em Deus. (v.6-8)

Par cada dificuldade, obstáculo e perseguição, o próprio Deus garante a vitória ao seu servo. Por esse motivo, o servo Deus deve ficar esperando, uma resposta confiantemente da parte de Deus. Leia com atenção as vitórias da parte de Deus: Porque Ele mesmo já vencera o mundo. (Jo 16.33); Através da fé. (1 Jo 5.4); Fez muitos de seus servos vencerem lutas pela fé. ( Hb 11.32-34);Somos mais que vencedores em Cristo Jesus.(Rm 8.37).