quinta-feira , 23 de maio de 2019
Home / Destaques / Notas da Redação

Notas da Redação

SANDRA

A vereadora Sandra Rosado foi eleita para integrar o Conselho Universitário (Consuni) da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Os demais conselheiros são Kallio Gameleira (OAB-Mossoró), padre Charles Lamartine (Diocese Santa Luzia) e Edilson Gonzaga de Souza Júnior (Maçonaria).

 

Presidente da comissão, vereadora Sandra Rosado criará cronograma para dar celeridade nas avaliações

PAGAMENTO

Servidores estaduais da Segurança Pública e os que recebem até R$ 5 mil das demais categorias e de 30% para quem ganha acima desse valor receberão, hoje, o pagamento integral dos seus salários. O pagamento corresponde a 54% da folha do Estado.

SURPRESA

Causou surpresa a declaração do secretário estadual de Agricultura e Pecuária, Guilherme Saldanha, de que a solução para o problema das exportações de drogas pelo Porto de Natal exsite e está encaixotada há pelo menos dois anos. “Já tem um scanner vindo do Porto de Suape-PE, há dois ou três anos.

UNIÃO

O empresário Tião Couto (PR) que vinha evitando declarações políticas, passou a defender a união das oposições em torno de um nome e de um projeto que possam garantir a vitória na eleição que elegerá o futuro prefeido de Mossoró. E, acredita que seu nome poderá ser o escolhido.

SUCESSÃO

Em Natal, o prefeito Álvaro Dias entende que para disputar a reeleição precisar trocar de partido. Quando foi indicado para ser candidato a vice-prefeito ao lado de Carlos Eduardo, tinha o apoio do MDB que deixou de existir. Poderá filiar-se ao PSB ou ao PDT, onde assumiria a presidência do partido.

APOIO

Para receber o apoio da governadora Fátima Bezerra o prefeito Álvaro Dias precisa se desligar do grupo Alves, logo, sair do MDB. Os amigos de Álvaro torcem por essa decisão e lembram que a governadora Fátima admitiu apoiar o prefeito, desde que ele deixasse o MDB.

PARALISAÇÃO

O Brasil poderá assistir ao maior movimento de paralisação na educação nesta quarta-feira (15). A paralisação ocorre em repúdio ao corte de 30% no orçamento discricionário de 2019 para todas as universidades e institutos federais anunciados pelo Ministério da Educação. 

ASFALTO

Por conta dos cortes na educação o governo Bolsonaro pode ter ressuscitado os movimentos de ruas, antes de completar cinco meses de administração. É a também chamada oposição extraparlamentar, experimentada por Fernando Collor e, por último, pela ex-presidente Dilma Rousseff. Seria melhor o presidente não brincar com fogo.

PARTICULARES

Algumas escolas particulares anunciaram que vão suspender as aulas nesta quarta-feira, dia de protestos organizados por entidades estudantis e de docentes. Os sindicatos estão orientando os professores a participar das manifestações em defesa do ensino superior.

SIGILO

Leonardo Rodrigues de Jesus, o Léo Índio, primo de filhos de Bolsonaro, teve seu sigilo quebrado. Está entre os ex-funcionários do gabinete do atual senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), quando o parlamentar era deputado estadual na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

TEMER

Por unanimidade, a 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu habeas corpus ao ex-presidente Michel Temer e a João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, amigo do emedebista. Para os ministros, uma prisão provisória, quando não há execução da pena, não pode se basear em “meras conjecturas”.