Justiça determina conserto imediato do tomógrafo do Hospital Walfredo Gurgel

Justiça determina conserto imediato do tomógrafo do Walfredo Gurgel

Agindo de forma mais rápida do que aconteceu com o tomógrafo do Hospital Regional Tarcísio Maia, a Justiça determinou que a empresa responsável pela manutenção do tomógrafo do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal, faça o conserto imediato do aparelho.  A decisão judicial determina ainda que o Governo do Rio Grande do Norte arque com os custos do reparo após apresentações de notas fiscais, sob pena de bloqueio judicial.

A decisão da Justiça aconteceu em antecipação à tutela requerida pelo Ministério Público do RN em Ação Civil Pública. O Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel possui dois tomógrafos, mas os dois estão quebrados.
A 6ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal estabeleceu o prazo de cinco dias para a recuperação do tomógrafo, tendo em vista que o problema limita-se à reposição de peças reposição.
Como o HWG admite que o tomógrafo estará em funcionamento a partir de amanhã, a decisão da  Justiça autorizando a transferência do tomógrafo que está encaixotado nas dependências físicas do Hospital Regional de Caicó, poderá ser revista.
Em nota, o Hospital Walfredo Gurgel informou que um dos aparelhos de tomografia voltará a funcionar amanhã quinta-feira (25). Entretanto, o outro aparelho da unidade que está quebrado há mais de um ano continuará sem previsão de reparo.