Polícia


Policiais e bombeiros militares anunciam paralisação para a próxima semana no Estado

Militares decidiram parar atividades em assembleia da categoriaMilitares decidiram parar atividades em assembleia da categoriaEm assembleia extraordinária realizada na última quarta-feira, defronte à Governadoria, em Natal, os policiais e bombeiros militares decidiram por paralisar suas atividades a partir da próxima terça-feira.
De acordo com a Associação de Subtenentes e Sargentos Policiais Militares e Bombeiros (ASSPMBM), a motivação pela paralisação se deu devido à falta de diálogo entre o poder público e a classe militar, que há tempos denuncia as precárias condições de trabalho às quais está submetida.
Outro ponto reivindicado é a aprovação do projeto de lei de promoção de praças, que foi adicionada à pauta de reivindicações mais demandas importantes para a segurança pública, sobretudo à sociedade. Além dos quesitos que correspondem a obrigações do Governo estão o reajuste de 15% do subsídio, que há dois anos não é feito pelo Estado, devido enquadramento dos níveis remuneratórios, pagamento do terço de férias ainda referente a 2012, integralização dos vencimentos dos que foram promovidos e ainda não recebem de acordo com a graduação, revisão da lei e reajuste da Diária Operacional, admissão de etapa alimentação como verba indenizatória,revisão do estatuto da PM em relação à carga horária e substituição do Regulamento Disciplinar da PM pelo Código de Ética.
A paralisação está prevista acontecer em todo o Estado e por tempo indeterminado.

Você está aqui: Home Polícia