quinta-feira , 27 de abril de 2017
Home / Destaques / BALEIA AZUL – MP investiga caso do “jogo da morte” no RN
Caso é investigado na cidade de Macau após denúncia anônima (Foto: Blog Arafran Peter).
Caso é investigado na cidade de Macau após denúncia anônima (Foto: Blog Arafran Peter).

BALEIA AZUL – MP investiga caso do “jogo da morte” no RN

Na mesma velocidade com que circulam as informações na internet, o Rio Grande do Norte pode ter registrado o primeiro caso concreto do jogo da morte, conhecido como “Desafio da Baleia Azul“.

O jogo que lança 50 desafios, e tem como último a morte por suicídio, pode ter mobilizado uma adolescente do município de Macau.

No decorrer da semana circulou um áudio nas redes sociais com o relato de uma mãe desesperada em busca de informações sobre possíveis casos na cidade litorânea. Uma denúncia anônima deflagrou uma investigação envolvendo a Promotoria de Justiça e o Conselho Tutelar daquele município.

Outros casos suspeitos são investigados em Upanema e Apodi. Pernambuco e Paraíba concentram os maiores números de casos já confirmados do desafio no Nordeste.

O caso de Macau está sendo investigado pela promotora de Justiça Isabel de Siqueira Menezes, que buscou o Conselho Tutelar, a fim de adotar as primeiras providências junto à família da adolescente.

Os detalhes da investigação encontram-se em sigilo, mas a promotoria iniciou um trabalho conjunto de proteção e orientação aos pais e responsáveis por crianças e adolescentes da cidade, no sentido de orientá-los em relação aos perigos no manuseio da internet, principalmente no que diz respeito ao jogo.

Nesta quinta-feira (20), a promotora de Justiça de Macau, acompanhada de Giselda Vasconcelos, Assistente Social do MPRN, e Flávio Ribeiro, presidente do Conselho Tutelar de Macau, foram às rádios locais, a fim de prestarem informações sobre o jogo “Baleia Azul”, buscando esclarecer à população sobre os perigos do uso indiscriminado da internet por crianças e adolescentes, bem como os meios de proteção e ajuda às eventuais vítimas.

A promotoria elaborou um comunicado que será publicado nas escolas, bem como em toda rede de atendimento municipal.

 

COMUNICADO

A Promotoria de Justiça de Infância de Macau e Conselho Tutelar de Macau, orienta aos senhores pais e responsáveis que tenha criança e adolescente, observar mudança de comportamento, situações de isolamento, acompanhe o que eles acessam na internet, horários e tipos de jogos que acessam.

Estamos a disposição da comunidade para as devidas orientações e encaminhamentos que se fizer necessário. Horários de atendimento: Ministério Público 2ª a 5ª – 8:00 as 12:00 e 13:00 as 17:00 6ª feira-8:00 as 14:00 hs Telefone: 3521-2288 Conselho Tutelar-2ª a 6ª feira-8:00 as 12:00 e 13:00 as 17:00hs Trabalha de sobreaviso. Endereço: Rua São José, 53 Centro, em frente ao Lions Clube