sexta-feira , 6 de dezembro de 2019
Home / Destaques / Autoatendimento torna ônibus em Mossoró mais prático e seguro
Mecanismo também permite integração entre dois itinerários
Mecanismo também permite integração entre dois itinerários

Autoatendimento torna ônibus em Mossoró mais prático e seguro

Enquanto Fortaleza (CE) atinge a marca de 60% dos ônibus com autoatendimento, 100% da frota em Mossoró dispõe do serviço. Por meio dele, o passageiro utiliza o transporte coletivo sem pagamento em dinheiro, mediante crédito digital no cartão Passe Fácil, recarregável na unidade do Mossoró Card, na Av. Cunha da Mota, 160, Centro (subida da ponte).

Em que pese a superioridade numérica da frota de Fortaleza, o autoatendimento em todos os ônibus revela a proporção da tecnologia do transporte coletivo de Mossoró, embora ainda aceite pagamento em dinheiro. O Passe Fácil – que permite praticidade e segurança, sem espera por troco ou risco por uso de cédulas – é viabilizado por outro recurso tecnológico nos ônibus: a bilhetagem eletrônica.

É o dispositivo que recebe as informações do cartão recarregável, através de leitor ótico, processa o pagamento e destrava a catraca. E ainda permite que o cliente usufrua mais uma vantagem em Mossoró – a integração, que é o uso de dois ônibus, num intervalo de uma hora e meia, para itinerários complementares, mediante uma única tarifa.

“Aliado a isso, também dispomos de biometria facial, que é a identificação do titular do cartão, seja ele Passe Fácil, Carteira de Estudante e de Gratuidade, através de leitura ótica. Esses recursos colocam o transporte coletivo de Mossoró munido de tecnologias presentes em grandes centros urbanos”, comenta Waldemar Araújo, diretor da Cidade do Sol, concessionária do serviço de ônibus em Mossoró.

Aceitação

Clientes do transporte coletivo em Mossoró aprovam a inovação. É o caso de Wallison Martins, estudante da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa). “É bacana, porque melhora para o estudante. Para não andar com dinheiro físico, utilizo a carteirinha”, diz. Já a estudante de curso técnico Clara Fernandes usufrui de outro benefício.

“Utilizo de segunda a quinta-feira, é uma opção mais rápida e segura. Além disso, usa o integração, que é mais um benefício. Teria que pagar quatro passagens e pago duas, fazendo a integração no trajeto nas linhas Universidades e Abolição”, conta.