Universidades emitem nota de apoio aos estudantes agredidos durante protesto

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) divulgam nota de apoio e solidariedade aos estudantes que foram agredidos durante a manifestação em defesa da melhoria dos transportes coletivos na cidade de Mossoró.

Os estudantes que protestavam contra o aumento de 50% na tarifa de ônibus foram agredidos verbalmente e ameaçados de prisão pelos policiais, além de terem sido atingidos com spray de pimenta, o que levou alguns deles a serem hospitalizados.

O Departamento de Comunicação Social (Decom) da Uern também emitiu nota de apoio aos estudantes. Nos documentos, as instituições ainda pedem providências no sentido de que haja a punição dos envolvidos. Veja a nota na íntegra:

NOTA

“A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) e o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN/Campus Mossoró) considerando os acontecimentos do dia 20 de novembro de 2015 durante manifestação em defesa da melhoria dos transportes coletivos na cidade de Mossoró, onde se verificaram atos de violência física e verbal realizados por policiais militares, vêm manifestar seu apoio e solidariedade aos estudantes agredidos.

Ao mesmo tempo, expressam a defesa intransigente da livre manifestação como condição para fortalecimento da democracia no Brasil, no RN e em Mossoró.

Na oportunidade esperam das autoridades constituídas providências no sentido da apuração rigorosa dos fatos e punição dos envolvidos.”