Sérgio Oliveira

Crise, sem crise. Eis o Coríntians de Caicó fazendo o caminho oposto de alguns clubes que afinam o discurso da crise nacional para antecipar que não montarão um time competitivo para o Campeonato Estadual. A equipe caicoense, que em outras épocas até falou em se licenciar e abandonar por um tempo o futebol profissional, hoje arranca na frente da concorrência, define treinador e, até fala em entrar no Campeonato Estadual com um grupo capaz de disputar vagas no Campeonato Brasileiro da Série D, Copa do Brasil e Copa do Nordeste. Bom, essa é a ideia na teoria, resta aguardar a prática em campo. Mas, pelo menos já tem uma ideia mais ousada, quando se fala em time do interior. Agora, o que é fato positivo, é saber que a choradeira das duas últimas temporadas não fará parte do roteiro caicoense para a temporada 2016, tomando como base essa atitude da definição do treinador vindo do Sudeste do país.

DESCOMPROMISSO

Mais uma cena que caracteriza bem o descompromisso de alguns atletas com o seu clube e, nenhum respeito pela torcida. Mesmo vivendo uma sequência de derrotas, os jogadores do Flamengo encontraram motivos para festejar. Caíram na farra, regada a bebida e mulher, em uma casa no Rio de Janeiro. A diretoria cobra explicação e o clima ontem era tenso na Gávea. É por isso que lembro sempre o comportamento profissional de Zico, ídolo do próprio Fla, e Roberto Dinamite, do Vasco da Gama.

PRISÃO
Em Pernambuco, a Polícia Civil cumpriu ontem vários mandados de prisão, com busca e apreensão, de membros e equipamentos de torcidas organizadas. E tem que ser assim mesmo, pressão total contra os bandidos que querem, e estão executando, a violência principalmente dentro dos estádios de futebol. Cadeia neles.

AUSÊNCIA
Nove equipes divididas em dois grupos, um de quatro e outro de cinco, comporão a disputa do Campeonato Estadual de Futsal. Entramos, entre outros, representantes das cidades de Areia Branca, Lajes, Touros, São Gonçalo, Macau e, nenhuma, infelizmente, de Mossoró. A cidade do já teve perde mais um espaço.

EXTRADIÇÃO
O ex-presidente da CBF, José Maria Marin, denunciado e investigado por envolvimento com corrupção no futebol, e preso na Suíça, concorda com sua extradição para os Estados Unidos. Inicialmente ele lutava contra, mas resolveu não mais resistir. Fica então a dúvida: Será que ele resolveu atender sua família e delatar possíveis comparsas? Aguardemos, pois.

SEM ALTERAÇÃO DA SITUAÇÃO

Na segunda tentativa Paraná Clube e ABC conseguiram jogar e, no placar final, 0 a 0, o que significa, infelizmente, que a situação segue a mesma para o representante potiguar. O próprio Paraná, que jogou em casa, também ficou no prejuízo, pois acumula mais uma derrota na série sem vitórias no Campeonato Brasileiro da Série B.
Voltando ao ABC, é dizer que este segue na zona do rebaixamento com chances cada vez mais diminutas de se livrar. Infelizmente a situação é quase irreversível, embora o tal fio de esperança e luz no fim do túnel ainda fomente essa possibilidade. Usando um ditado popular, eu diria, o ABC está arquejando.

ACLAMADO

Como já noticiamos na coluna de ontem, por aclamação o América-RN já tem novo presidente, empresário Beto Santos. Entre suas primeiras decisões, já disse que pretende ter o elenco de 2016 definido ainda na primeira quinzena de dezembro. Situação facilitada, evidentemente, pelo fato de possuir alguns contratos ainda em vigor.

SANTOS pressionou e a CBF cedeu. Final da Copa do Brasil é adiada.
NAMORADA de R$ 1,1 milhão. Repassado a gata de Marco Polo del Nero, presidente da CBF.
PROMESSAS de novo campeão na Fórmula 1, são renovadas para 2016.
ECONOMIA será de quase dois milhões com saídas de Ceni e Luís Fabiano do São Paulo.