Núcleo da Vigilância Sanitária do Distrito Norte I inicia projeto que incentiva o cultivo de hortas nas unidades de saúde

NATAL – O Núcleo da Vigilância Sanitária (Visa) do Distrito Sanitário Norte I, que pertence a Secretaria Municipal de Saúde de Natal, iniciou o Projeto Minha Horta, de cultivo orgânico e urbano nas unidades de saúde de sua área de atuação.

O idealizador da horta é o técnico em saneamento que está lotado no Núcleo da Visa do Distrito Norte I, João Maria Barbosa. Ele explica que a ideia é estimular às pessoas a cultivar uma horta em casa. “Essa horta é bastante simples e econômica. As pessoas interessadas podem procurar o Distrito e pedir orientação para o cultivo”, afirma.

O Núcleo da Vigilância Sanitária do Distrito Sanitário Norte I distribui uma cartilha que ensina o passo a passo de como cultivar uma horta de forma sustentável, com produtos acessíveis.A cartilha tem como objetivo principal demonstrar a importância do trabalho coletivo na construção de hortas orgânicas na comunidade, onde possa ter uma produção de alimentos saudável, livre de agrotóxicos.

O Núcleo também dá palestras e distribui as cartilhas em eventos, como forma de incentivar a produção da horta orgânica. A horta orgânica já está implantada na Unidade da Estratégia da Saúde da Família (ESF) de Nova Natal e da Pompeia.

O técnico João Maria explica que cultivar uma horta orgânica é muito simples e saudável, basta dispor de composto orgânico, farinha de osso, cinza vegetal, garrafas pet ou isopor, sementes e dedicação. “Na horta plantamos alface, rúcula, centro, pimentão, tomate, rabanete, espinafre, manjericão, entre outras, e ervas para controle de pragas de forma natural”.

Horta orgânica
A horta é essencial para a melhoria da qualidade de vida das famílias, principalmente sob o ponto de vista nutricional, como forma de terapia ocupacional, na melhoria do hábito de consumo das pessoas, na economia das famílias e até na manutenção e/ou melhoria da saúde e prevenção de doenças.

É importante destacar, no entanto, que todos os benefícios proporcionados pela horta deixam de existir se forem utilizados agrotóxicos e adubos químicos. As hortaliças contaminadas provocam intoxicações nas pessoas e, especialmente, em pacientes internados e/ou usuários de instituições de saúde, podem causar graves danos à saúde destas pessoas pois, podem alterar os efeitos dos medicamentos.

As hortaliças são ricas em vitaminas e sais minerais, com bom teor de proteínas e fibras, além de outras virtudes dietéticas e até terapêuticas. Por isso, é comum os médicos incluí-las em regimes alimentares e na composição do cardápio diário.