Notas da Redação

PREFEITOS

Os prefeitos eleitos e reeleitos de 5.472 tomam posse hoje, primeiro dia do ano de 2021. Em 96 municípios, entretanto, os prefeitos eleitos ainda não tiveram seu registro de candidatura deferido e seguem impedidos de tomar posse.

POSSE

A partir de hoje, Mossoró viverá nova experiência administrativa, com a posse do prefeito Allyson Bezerra e vice-prefeito João Fernandes Neto de Melo.  A quase totalidade dos secretários, professores universitários, darão um aspecto de tecnicidade a sua gestão.

CÂMARA

Os novos vereadores de Mossoró serão empossados às 14:30 e, no final da tarde, no Teatro Dix-huit Rosado, empossarão o prefeito Allyson e o vice Fernandinho. O vereador Lawrence Amorim deverá ser eleito presidente da Câmara e, portanto, presidir essa sessão solene.

DISPUTA

Os vereadores da oposição ao prefeito Allyson, em acentuada minoria, não pretendem concorrer com o candidato do Executivo e, dessas forma, não cogitam apresentar chapa, somente para registrar espaço.

INTERPRETAÇÃO

Não é correta a ideia de que Allyson derrotou a família Rosado. Sua vitória foi mais diretamente uma derrota da prefeita Rosalba Ciarlini. Quem acompanhou de perto o desenrolar do processo eleitoral terá visto muitos “rosado” seguindo o novo prefeito.

MATEMÁTICA

Quem também fala em 70 anos de oligarquia não reconhece a eleição de Antônio Rodrigues de Carvalho, que derrotou Vingt-um em 1968, há, portanto, 52 anos nem as eleições de Francisco José Júnior e Cláudia Regina., mais recentemente.

APOIO

O mais importante, no momento, é apoiar administrativamente o novo prefeito e torcer para que sua gestão seja benéfica ao município. Melhor aos radicais de plantão é procurar conhecer mais de perto os principais problemas a cidade e torcer para que sejam resolvidos.

MOMENTO

Há um aspecto na política que ninguém pode fugir, mesmo as grandes lideranças. José Agripino, depois de trajetória vitoriosa iniciada com a prefeitura de Natal, mais de uma vez governador e vários mantados de senador, perdeu para deputado federal nas últimas eleições.

TIBAU

Depois de mais de três dias sem água, em Tibau, a CAERN espera retornar, hoje, com o seu abastecimento natural. Apesar do grande esforço, seus técnicos estão com dificuldades em retirar a bomba que caiu no poço que abastece o município.

CALAMIDADE

A governadora Fátima Bezerra, renovou, nesta quinta-feira 31, o estado de calamidade pública no Estado. A justificativa é o aumento de gastos públicos e a manutenção das atividades públicas para o enfrentamento da pandemia.