Jogadores do Fla promovem festa com mulheres e bebidas; clube estuda multa

O Flamengo viveu ontem um clima de tensão. A diretoria cobrou os jogadores por uma festa realizada na última terça (27) em casa no bairro de Vargem Grande, zona oeste do Rio de Janeiro. O “evento” contou com a presença de atletas do elenco e de mulheres.

Diversos relatos sobre o abuso de bebidas alcoólicas e uma foto com os carros dos jogadores estacionados na residência se espalharam pelas redes sociais. Inclusive, a casa em questão já pertenceu ao funkeiro Mr. Catra.

Os dirigentes não esconderam a irritação assim que tomaram conhecimento do caso. O treino da manhã foi fechado aos jornalistas e o diretor executivo de futebol Rodrigo Caetano comandou a reunião com os jogadores.

O fato de os atletas ignorarem a má fase do Rubro-Negro com a chance praticamente nula de obter uma vaga no G-4 do Campeonato Brasileiro deixou os cartolas inconformados. Punições são analisadas pelos comandantes do departamento de futebol. Existe a certeza nos bastidores de que os participantes serão multados e as medidas anunciadas até esta quinta-feira (29).

O clima é pesado no clube e o objetivo principal da administração Bandeira de Mello é o de evitar a exposição dos jogadores no péssimo momento da temporada.