Hemonorte encerra Outubro Rosa com palestra sobre câncer de mama

A importância do diagnóstico precoce do câncer de mama foi o tema da palestra de encerramento das atividades do Outubro Rosa, que aconteceu ontem, no auditório do Hemonorte, em Natal.

A palestra foi ministrada pelo oncologista da Liga Norte-Riograndense contra o Câncer, Moisés Schots, que falou sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama, ressaltando a importância do conhecimento do próprio corpo para identificar possíveis alterações e procurar sempre o serviço médico, quando encontrar qualquer anormalidade.

De acordo com Moisés Shots, existem vários fatores de risco para o surgimento do câncer de mama como a idade, fator genético, tabagismo, obesidade e consumo de bebidas alcoólicas. “Quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maior é a chance de cura”.

Durante o encontro, os participantes puderam esclarecer dúvidas sobre a doença e conhecer um pouco mais sobre as formas de prevenção e tratamento.

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), foram registrados em 2014 no RN 660 novos casos da doença. Além disso, o câncer de mama, entre os tipos de cânceres, é a doença que mais mata no Brasil e no mundo.

Ao término da palestra os participantes receberam um cordel, do poeta Antônio Vilar, sobre o Outubro Rosa. Logo após, os servidores do Hemonorte participaram de um lanche em comemoração ao Dia do Servidor Público.