Governo Municipal perde Josivan Barbosa

O secretário municipal de Planejamento, Josivan Barbosa, deixou a gestão Francisco José Júnior (PSD). A exoneração está prevista para ser publicada hoje, no Jornal Oficial de Mossoró (JOM), em edição extraordinária. No lugar do professor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) assume o controlador-geral do Município, Fábio Lúcio, que acumulará as duas pastas, temporariamente.

Oficialmente, o motivo da saída de Barbosa foi necessidade de retomar funções na Ufersa, após orientação do Governo Federal para que o Ministério da Educação (MEC) convoque, para sala de aula, professores cedidos a outros órgãos públicos.

Nos bastidores, porém, comenta-se que o professor encontrava dificuldades para executar a função para qual foi convidado: planejar tecnicamente a gestão Francisco José Júnior, que teria cedido à pressão política em detrimento da austeridade.

Além disso, não encontrou mais espaço, na atual gestão, para o projeto político de disputar a Prefeitura de Mossoró, em 2016. A ideia chegou a ser estimulada, no começo do ano, pelo Palácio da Resistência, que agora bloqueia a pré-candidatura.

Outro motivo é o envolvimento de Barbosa na sucessão na Reitoria das Ufersa, cargo que ocupou por oito anos. Ele se desligou da Prefeitura para se dedicar à coordenação da campanha a reitor da professora Ludimila Serafim Carvalho de Oliveira.

A docente é pré-candidata contra o reitor Arimateia Matos, que disputará à reeleição, em abril de 2016. Barbosa, inclusive, já demonstrou publicamente sua postura de oposição ao criticar a gestão de Matos, em entrevista à FM 95, semana passada.

FIM DO CICLO
Josivan Barbosa ocupava a Secretaria Municipal de Planejamento desde fevereiro deste ano e, segundo a Prefeitura de Mossoró, estava cedido ao município por um ano. O professor comentou sua saída do secretariado de Francisco José Júnior.

“Foi um período de intenso aprendizado. Quero aqui agradecer ao prefeito Francisco José Júnior pela confiança e me colocar à disposição da administração para continuar colaborando com o que for possível”, disse, em nota oficial.

Segundo Josivan Barbosa, ele retorna à sala de aula no reinício do semestre letivo e aos projetos de extensão dos quais participa, “em um momento em que o Governo Federal também está passando por dificuldades financeiras, precisando mais do que nunca dos seus servidores”.

Também em comunicado oficial, Francisco José Júnior agradeceu ao professor Josivan Barbosa pela colaboração e disse compreender e admirar seu compromisso com a Universidade.

“Faz parte do perfil de Josivan, ter esse compromisso. Conversamos bastante sobre essa decisão, entendemos as razões e só temos a agradecer o seu comprometimento. Acreditamos que continuaremos com o seu apoio como pesquisador e cidadão para continuarmos trabalhando por Mossoró”, disse.