Farpas

Começou o engalfinhamento na campanha da OAB de Mossoró. A Chapa 10 acusa a Chapa 20 de ser subserviente ao prefeito da cidade, enquanto a Chapa 20 denuncia a Chapa 10 por atentar contra a democracia com um tal de “acordão”, rememorando a história recente entre Robinson Faria e Henrique Alves. O clima pode ser medido pela troca de farpas nas redes sociais e pelo repente do poeta e advogado José Luiz Carlos de Lima no lançamento da Chapa 10, nessa quinta-feira. Genial, como sempre, mas ferino que nem se estivesse num desafio de viola, a apresentação revirou os ânimos nos grupos de WhatsApp, causando reações indignadas dos atingidos e seus correligionários. Na disputa passada, só para lembrar, Zé também exercitou o estilo Gregório de Matos Guerra, e, por irônico que pareça, muitos dos que hoje se queixam, lá estavam aplaudindo; enquanto muitos dos que hoje aplaudem, lá estavam se queixando. Coisas da política.

Meia
A partir de agora, as pessoas e empresas que vendem ingressos para eventos culturais pela internet estão legalmente obrigadas a disponibilizar a meia-entrada em ambiente virtual.

Seminário
Seguem até 30 de outubro, as inscrições para o I Seminário Regional de Inclusão Escolar, no Colégio Diocesano Santa Luzia. Informações no (84) 3316-3766.

Crítica
O empresário José Maria Viana não poupa críticas ao sobrinho afim, Francisco José da Silveira Júnior. A última, veiculada no Twitter, questiona: “Quanto é mesmo q prefeito insano paga p/qualquer revista. Dizer cidade é a melhor, está as mil maravilhas quanto? Ou é de graça pura informação” (sic!).

Pagamento
A pergunta de José Maria é pertinente. Um colega jornalista afirma ter em mãos comprovante do pagamento de R$ 180 mil por uma página na revista Época. Aguardemos a divulgação.

Subserviência
O advogado e professor universitário Edilson França disse a interlocutores que se demitiu do cargo de secretário de Justiça e Cidadania porque não suportava a subserviência do governo ao Ministério Público.

Pedofilia
Todas as investigações nacionais sobre pedofilia incluem Mossoró, constatação nefasta que já deveria ter chamado a atenção das autoridades locais.

Missão
O ministro Dias Toffoli fez muito bem ao cancelar a ida de representantes do TSE à Venezuela, a fim de observar as eleições parlamentares naquele país, depois do veto a Nelson Jobim, escalado como chefe da missão.

Telegrama
O Planalto fez biquinho, mas se era de mandar alguém ideologicamente afinado, só para dizer “Caracas!”, melhor e mais barato mandar telegrama dando os parabéns pela vitória antecipada. Ou alguém duvida do resultado?

Artesanato
A lei que regulamenta a profissão de artesão foi publicada ontem no Diário Oficial e, de acordo com o texto, “presume o exercício de atividade predominantemente manual”. O uso de ferramentas e outros equipamentos é permitido, “desde que visem a assegurar qualidade, segurança e, quando couber, observância às normas oficiais aplicáveis ao produto”.