Ética e trânsito

O jurista Luiz Flávio Gomes publicou o artigo “Trânsito: sociedades atrasadas fazem leis, mas não as cumprem”, no qual apresenta dados alarmantes da Organização Mundial da Saúde (OMS). De acordo com a entidade, 1,25 milhão de pessoas morreram de acidente de trânsito no mundo em 2013, cinquenta mil delas somente no Brasil. LFG comenta que a legislação brasileira é adequada a quase todos os padrões de segurança da OMS, quatro de cinco, assemelhando-se em termos legais aos países de primeiro mundo, que têm baixos índices de mortes nessa área. Nosso problema, diz ele, decorre da “crise do império da lei”, defeito “muito grave nesses países de baixa formação ética e de cidadania”.

Planície
Cláudia Regina declara ser vítima de terceiros, ou seja, de Rosalba Ciarlini. Fafá Rosado, ontem unha e cutícula com a ex-governadora, declarou que a desafiará nas urnas. Na planície, parodiando meu avô, é que a gente conhece amigo, inimigo, gato, cachorro, periquito, papagaio. No poder, só alegria!

Djalma
O escritor Roberto Lima de Souza convida para o evento da União Brasileira de Escritores em homenagem ao centenário de Djalma Maranhão, dia 11 de novembro, às 19h30, no Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte, em Natal.

Processo
A capa da Veja, sobre a qual comentei domingo, ainda vai render muito pano pra manga. O ex-presidente Lula, retratado com roupa de presidiário em que as listras são feitas com nomes de delatores, ingressou com ação pedindo reparação por danos morais à Editora Abril. Na Câmara, o deputado Zé Geraldo, do PT paraense, rasgou a revista ao discursar na tribuna.

Polêmica
A Secretaria de Estado da Saúde não renovou o contrato com a equipe de neurocirurgiões que cobriam o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM). Até aí, tudo bem. O problema é que entrou na jogada, por meio de uma licitação “emergencial”, um grupo de fora, com médicos destacados para plantões de 13 dias ininterruptos, o que contraria as leis trabalhistas e as recomendações do Conselho Regional de Medicina (CRM).

Ilegalidade
O denunciante, que terá o nome preservado, informa que a licitação será questionada judicialmente e que a situação revolta funcionários e médicos, com os quais estaria solidária a direção do HRTM.

Auditoria
O PSDB não encontrou indícios de fraude nas eleições de 2014. A informação foi dada pelo ministro Dias Toffoli, no plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). De acordo com a Agência Brasil, “Há um ano, após a divulgação do resultado do segundo turno, vencido pela presidenta Dilma Rousseff (PT), o partido pediu ao Tribunal autorização para fazer auditoria própria do processo de votação”.

Greve
Não deu para sentir efeito da greve dos petroleiros, ao menos em Mossoró.

Ruminar
Chego à redação e encontro sobre a mesa de trabalho, com a devida dedicatória, o livro Ruminar, do poeta David de Medeiros Leite, obra bilíngue (português/espanhol) editada numa parceria entre a mossoroense Sarau das Letras e a espanhola Trilce Ediciones.

Inelegibilidade
Para ser candidata à Prefeitura de Mossoró, a ex-governadora Rosalba Ciarlini enfrentará uma grande batalha judicial. Afora o debate sobre as consequências da multa prestes a ser aplicada no TSE, a Rosa teria, segundo seus adversários, condenações por improbidade em órgãos colegiados, o que, se for verdade, a inviabiliza em relação à Lei da Ficha Limpa.