ESPANTA-EMPRESÁRIO

A expressão “espanta-empresário” foi usada ontem pela Folha de S.Paulo para rotular o governador Robinson Faria, que, segundo o repórter José Marques, “pediu ao Legislativo estadual que aprovasse aumentos do ICMS e ITIV – imposto que incide sobre heranças”, embora na campanha sustentasse que o excesso de tributos no Rio Grande do Norte afasta os investidores. O jornal destaca ainda uma fala atribuída ao deputado Kelps Lima, para quem “O problema é que ele não mandou a nós uma medida sequer de enxugamento e modernização. Zero. Só sacou o dinheiro do fundo previdenciário e mandou um pacote de impostos”.

Pesquisa
A Confederação Nacional do Transporte (CNT) divulga hoje os resultados da pesquisa realizada em 136 municípios de 24 estados, para avaliar Dilma Roussef e seu governo, bem como a visão do povo sobre emprego, saúde, educação, segurança, crise e operação Lava Jato.

Regularização
O reitor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), professor Pedro Fernandes, calcula que serão necessários quatro anos para regularização do calendário acadêmico, em decorrência da última greve. Isso, se até lá não houver outra.

UTI
Recomendável que o Ministério Público – eleitoral, inclusive – documente a solenidade em que o município de Mossoró vai “inaugurar” parte dos leitos de UTI que ele mesmo fechou na Casa de Saúde Dix-sept Rosado. O release fala em nove, cinco agora e quatro depois. Antes da intervenção, eram 12.

Internacional
Guarda Civil Municipal e Polícia Militar com egos em guerra. Coisa de filme americano.

Enem
O pastor e deputado federal Marco Feliciano não fez o Enem e não gostou. “Doutrinação explícita sobre ideologia de gênero para 7 milhões de estudantes – Vergonha!”, escreveu o dito-cujo nas redes sociais. Pois diga!

Antecipação
O prefeito Francisco José da Silveira Júnior declarou que a antecipação dos royalties que vem pleiteando à Petrobras tem o objetivo de construir a prometida estátua de Santa Luzia, na Serra Mossoró. Todo mundo acreditou, menos uns dois ou três pecadores idiotas que imaginavam ser para cobrir o rombo na previdência.

Fogo morto
Dez motéis fecharam as portas nos últimos anos, em nossa amantíssima cidade, de acordo com estudo inédito do radialista Caby da Costa Lima. A lista inclui Bahamas, Casarão, Discret, Love, Replay, Refúgio, Só Love, Espaço Verde, Star, Tahiti, Taí e Top. Será que a crise afetou a libido ou a estrada do contorno voltou à moda?

Desabafo
Não foi o PIG, a elite, a direita nem o tucanato. Foi Lula quem disse que a busca e apreensão na empresa de seu filho é culpa de Dilma Rousseff, por desgoverno ou por orientação ao Ministro da Justiça para que a proteja da Polícia Federal, mesmo que seu antecessor e padrinho seja entregue aos mouros.

Azar
A legalização dos jogos de azar vem sendo defendida pelo ministro do Turismo, Henrique Alves, que afirma haver elaborado uma proposta de lei para o Brasil, baseada nas legislações da Inglaterra, Espanha, Portugal, Argentina e Uruguai. “Dos 194 países que compõem a ONU, 156 têm a legalidade dos jogos de azar. Entre os que não têm, 70% são países islâmicos”, diz o ministro.