Domício Arruda – Ajuda da Natureza

A09F038A-3D96-448C-B064-5723D36175C0

Diante de um perigo tão próximo e  iminente, a tudo se recorre. Os crentes apelam para forças sobrenaturais. Que tragam auxílio, paz de espírito e esperança.

Mesmo descuidada, maltratada, vilipendiada, vale recorrer à natureza. Ela também é mãe. E sábia, nos perdoará.

Estudos do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachussets) indicam que a propagação da pandemia depende de condições climáticas. É maior em temperaturas e umidade mais baixas.           Como toda virose respiratória que explode no inverno.

Nos países do hemisfério norte, sem poder celebrar a chegada da primavera, as pessoas esperam que o verão se apresse. E venha fervendo.

Do mesmo estado da Nova Inglaterra, da praia de Cape Cod, outra notícia auspiciosa para quem mora em balneário de mares tépidos.

A água salgada vai nos salvar.

Dr. Jeffrey Spillane, especialista em pulmão, cirugião torácico e surfista amador, acredita que a salvação está ao nosso alcance, nos oceanos.

Um estudo australiano sobre sinusites comparou a população em geral com a comunidade de pegadores de onda e constatou que houve menor incidência da doença em quem faz um gotejamento nasal, natural e constante com água salgada.

E recomendou a milenar prática indiana do Lota.

B817C886-AE5C-4758-B38A-BA18070805B2A explicação é que o exercício da yoga fluidifica o muco, fazendo-o fluir pelas cavidades nasais.

O sal tem propriedades antibacterianas que podem ajudar no tratamento das infecções oportunistas que seguem as viroses.

Nossas bisavós sabiam disso. Ordenavam gargarejos para qualquer resfriado.


O uso da solução salina ajuda a aumentar a velocidade dos cílios da mucosa nasal, promovendo a remoção do muco e, com ele, os alergênicos e irritantes que causam problemas respiratórios.

Nestes tempos de isolamento social e distanciamento das praias, se não podemos ir ao mar, que suas águas salgadas possam entrar em nossas narinas, criando um ambiente inóspito para o coronavírus.

*** Como fazer o Lota:

(Há uma vasilha própria, chamada Lota, que pode ser substituída por outra que tenha bico adaptável à narina).

5FD9E22D-4AC3-4EC3-B788-CF59A60B14E0Aqueça, em um vaso, meio litro de água filtrada ou mineral até ficar levemente morna (o Lota, por ser de porcelana, pode ser colocado diretamente no micro-ondas para aquecer a água)

Adicione uma colher de chá rasa de sal de cozinha e misture bem até dissolver. (pode pingar três gotas de extrato de própolis na água).

Coloque a água com sal no Lota até encher

Encoste o bico do aparelho numa das narinas de modo que se encaixe perfeitamente.

Incline a cabeça para frente e para o lado, deixando a boca entreaberta, e respire pela boca devagar

Vá inclinando o Lota para que a água entre pela narina e espere que ela saia pela outra narina

Use todo o conteúdo de um lado e assoe o nariz devagar

Repita o procedimento do outro lado

Em seguida, assoe o nariz vigorosamente várias vezes, sem tapar nenhum dos lados

Território Livre – Tribuna do Norte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *