DEFESA DE FLÁVIO QUER QUE BOLSONARO DEMITA CHEFE DA RECEITA

Na sexta-feira, comandante do Escritório da Corregedoria da Receita no Rio foi exonerado

O auditor-fiscal Christiano Paes Leme Botelho, exonerado na sexta-feira do cargo de chefe do Escritório da Corregedoria da Receita Federal no Rio de Janeiro, foi só um dentre alguns nomes que a defesa de Flávio Bolsonaro quer que seja substituído pelo presidente.

Os advogados também consideram que o secretário da Receita, José Barroso Tostes Neto, deveria ser afastado por Bolsonaro.

Época