Corredor de motocross assassinado com mais de 10 tiros no bairro Leandro Bezerra

O corredor de motocross Edésio Arruda Dantas, o “Branco do Cross”, 36, foi executado com mais de 10 tiros de pistola nove milímetros, na noite da última quarta-feira, quando se encontrava na calçada de um comércio, no bairro Leandro Bezerra, em Caraúbas, região do Médio Oeste.

Segundo informações repassadas pela Polícia Civil, por volta das 19h30, a vítima conversava na frente de um comércio na rua Raimundo Praxedes, quando foi surpreendida por dois elementos que chegaram em uma motocicleta e disparam vários tiros à queima-roupa, matando Edésio de imediato.

O delegado Erick Gomes, titular da DP de Caraúbas, informou que Edésio Arruda já havia sido preso acusado de tráfico de drogas e que um irmão dele também havia sido assassinado.