Corpo de Bombeiros de Mossoró são homenageados com a Medalha Major José Osias

Autoridades e civis que prestaram notáveis serviços à sociedade, receberam hoje a “Medalha de Honra ao Mérito Major José Osias da Silva” em uma solenidade realizada nesta terça-feira (02) no Corpo de Bombeiros de Mossoró. Na ocasião, 08 bombeiros militares e 01 oficial da Polícia Militar do quadro da saúde receberam a comenda.

Além das honrarias, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do RN, coronel Luiz Monteiro Júnior, distribuiu 02 kits de combate a incêndio e 02 viaturas administrativas para a Unidade de Mossoró, que atualmente é comandada pelo Capitão Uirá Neves Monteiros, sob a supervisão do Major Alcione Araújo, comandante do Grupamento de Bombeiros do Interior.

O comandante do CBMRN parabenizou os agraciados e frisou, ainda, o incansável trabalho da instituição em prol da sociedade mossoroense. “Parabenizo a todos os guerreiros agraciados e reitero que o cidadão mossoroense pode ter certeza de que temos trabalhado diuturnamente por todos. Por isso, agradeço aqui a nossa Governadora Fátima Bezerra pelo empenho em tornar o Corpo de Bombeiros cada dia mais forte e encorpado”, disse o coronel Luiz Monteiro Júnior.

 

VIAGEM E COMENDA  

Ao lado do Diretor de Engenharia e Operações do CBMRN, tenente-coronel Lucena, o Comando Geral visitou as unidades de Caicó, Pau dos Ferros e Mossoró, no objetivo de avaliar as unidades, entregar equipamentos novos e agraciar os bombeiros militares que foram destaques.

A Medalha de Honra ao Mérito Major José Osias da Silva, maior honraria concedida a militares e civis pelo Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte, foi criada no âmbito da Polícia Militar em 1995, por meio do Decreto nº 12.836, publicado no Diário Oficial do Estado, edição nº 8.658, de 11 de dezembro de 1995.

Quando da emancipação do Corpo de Bombeiros Militar ocorrida em março de 2002, a instituição promoveu alterações nos arts. 1º, 3º, caput e §§ 1º e 2º, 4º e 5º do Decreto nº 12.836 através do Decreto nº 16.323, de 12 de setembro de 2002.

Com as modificações, a Medalha passou a premiar e distinguir personalidades civis e militares que comprovadamente tenham contribuído para o fortalecimento, progresso, desenvolvimento e credibilidade do Corpo de Bombeiros Militar, perante a sociedade potiguar.