Cadastramento do Programa do Leite registra 2.593 fornecedores interessados

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), concluiu na última sexta-feira o cadastramento de agricultores familiares, médios e grandes produtores interessados em fornecer leite “in natura” para o Programa Leite Potiguar. Foram registradas 2.593 inscrições em 117 municípios.

Este é o primeiro cadastro público para fornecedores de leite em nosso Estado. Atualmente, o governo estadual investe R$ 30 milhões para aquisição do leite em estado natural. Hoje, o programa conta 197 fornecedores.

De acordo com o diretor-geral da Emater-RN, César Oliveira, foram cadastrados no programa 1.846 na categoria agricultor familiar e 693 médios e grandes produtores, em todas as regiões do Rio Grande do Norte. O maior número de inscrições foi registrado nas regiões administrativas de Assu, Currais Novos e Mossoró.

A capacidade de fornecimento do leite, no Estado, de acordo com o cadastramento, é de 173.500 litros ao dia. Desse total, os agricultores familiares são responsáveis por 91.500 litros, enquanto os médios e grandes produtores por 85 mil no mesmo período.

Seguindo as normas do edital, desde ontem extensionistas rurais da Emater-RN realizarão visitas às propriedades para cruzar a documentação e outras informações fornecidas pelos agricultores familiares.