Bebê morre durante transferência em incêndio na UTI da Januário Cicco

As causas do incidente serão apuradas, mas as demais crianças estão bem

Na madrugada desta sexta-feira, 20, um incêndio iniciado em um dos aparelhos de ar-condicionado da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da maternidade escola Januário Cicco, em Petrópolis, resultou na morte de um bebê. Ele estava em estado grave e veio a óbito quando foi transferido às pressas.

Os funcionários perceberam que um dos aparelhos de ar-condicionado estava pegando fogo, provocando bastante fumaça dentro da UTI. Os bebês internados precisaram ser removidos instantaneamente do local. O bebê próximo ao aparelho, tinha quatro meses, estava entubado e fazendo uso de medicação intravenosa. Embora estável, no momento que os enfermeiros precisaram recolocar a ventilação mecânica e medicamentos, o bebê não resistiu e faleceu.

Ainda não foram divulgadas informações detalhadas a respeito da quantidade de bebês na UTI quando o incêndio aconteceu. No momento, a maternidade possui 23 leitos divididos em duas UTIs e um leito destinado ao isolamento. As causas do incidente serão apuradas, mas as demais crianças que estavam no local, estão bem.