Areia Branca e outros três municípios recebem festivais da Força Eólica do Brasil encerrando projeto Caminhos do Vento

AREIA BRANCA/REGIÃO – A Força Eólica do Brasil (FEB) realizou na quinta-feira, 10, o último dos três festivais que marcaram o encerramento do projeto Caminhos do Vento. Essa foi a segunda etapa da iniciativa, sendo a primeira realizada por meio de oficinas educativas onde estudantes de oito escolas dos municípios de Areia Branca, Bodó, Lagoa Nova e Rio do Fogo puderam aprender mais sobre a geração de energia, sobretudo eólica, e sustentabilidade.

Nos festivais, alunos do Ensino Infantil e Fundamental apresentaram os trabalhos confeccionados a partir do aprendizado adquirido durante o Caminhos do Vento. As exposições contaram com apresentações teatrais e musicais e exibições de documentários produzidos pelos próprios alunos, cujo tema principal foi a geração de energia eólica no local onde vivem. Os visitantes puderam conferir, também, trabalhos como jornais, livros, barquinhos de papel, maquetes e birutas.

O primeiro festival foi em Rio do Fogo, no Ginásio Vereador Francisco Ionaldo. Participaram do evento, além de pais, professores e autoridades locais, cerca de 400 estudantes vindos dos colégios municipais Joana de Souza Ribeiro e Maria Paiva e Silva. Um destes foi a jovem Esmeralda, de 13 anos, aluna da escola Joana de Souza Ribeiro, que garantiu ter aproveitado bem a oportunidade de participar do projeto. “Eu adorei fazer parte do Caminhos do Vento, e espero que aconteça de novo ano que vem, porque a gente aprende e tem contato com coisas que não tem sempre aqui na nossa região”, disse.

Já em Areia Branca o festival foi realizado no Ginásio Poliesportivo Professora Rosário Cabral e contou com a participação de mais de 200 alunos das escolas municipais Antônio Gentil Fernandes, Maria Noronha Filgueira e Santo Expedito.

Professora destaca importância do projeto

Para a professora Cátia Simone, da Escola Municipal Santo Expedito, da comunidade rural de Redonda, as lições oferecidas ao longo do projeto Caminhos do Vento irão trazer ainda mais frutos para os seus participantes. “Foi tudo muito bem organizado. O trabalho realizado plantou uma semente que germinou em nossos alunos. Agora essa semente está florescendo de forma muito notável. Essa iniciativa é muito importante, pois demonstra o compromisso da Força Eólica do Brasil com as escolas”, disse a professora.

Por fim, o Festival Caminhos do Vento aconteceu em Bodó, reunindo os alunos deste município e de Lagoa Nova. Dentre os mais de 400 presentes no Ginásio Aristófeles Fernandes, estava o prefeito de Bodó, Francisco Santos. Segundo ele, a iniciativa fortaleceu, ainda mais, os ganhos proporcionados pela geração de energia eólica na região.
“Os parques eólicos já trazem um grande benefício para a região, e projetos educacionais como este complementam os ganhos. Estou muito feliz com o evento, pois foi uma importante contribuição para as escolas da nossa zona rural”, comentou o prefeito.

O último dos festivais Caminhos do Vento contou com a participação dos alunos dos colégios municipais Antônio Miranda de Assunção (Unidade 8), Francisco Jerônimo de Medeiros, Laura Miranda (Unidade 3) e Manoel Catarino Filho.