Anestesiologistas reclamam de atraso de três meses no pagamento pela PMM

Anestesiologistas que prestam serviço à Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM) reclamam do atraso de três meses no pagamento. Segundo o anestesiologista Ronaldo Fixina, os profissionais deram entrada na Promotoria de Saúde do Ministério Público (MP/RN) para que seja realizada audiência para discussão do pagamento atrasado e dos juros previstos no contrato firmado entre a Clínica de Anestesiologistas de Mossoró (CAM) e a PMM.

“A primeira parcela da dívida foi paga este mês. No entanto, quando a Prefeitura fizer a reunião no final do próximo mês será para negociar o pagamento dos três meses em atraso: agosto, setembro e outubro. Queremos antecipar esta reunião para a próxima semana”, disse Ronaldo Fixina.

Questionada sobre o pagamento dos 17 anestesiologistas, a assessoria de comunicação da Secretaria Municipal de Saúde informou que, conforme acordado com os profissionais em negociações anteriores, a primeira parcela da dívida, no valor de R$ 120 mil foi paga este mês. Já o pagamento do restante da dívida deve ser discutido em reunião no dia 16 de novembro.

“A segunda parcela, no valor acordado entre o prestador de serviço (CAM) e a Prefeitura, será paga no dia 16 de novembro, quando será feita outra reunião para montar um calendário de pagamento aos anestesiologistas”, informa a assessoria em nota.