A espera de décadas

A Polícia Militar foi às ruas combater estudantes de altíssima periculosidade que andavam por aí armados até os dentes com faixas, cartazes e idealismo para cometer o crime hediondo de protestar contra algo inatacável: o necessário aumento de 50% no preço da passagem de ônibus, por ordem do Executivo e aprovação no Legislativo em regime de urgência urgente muito mais que urgentíssima. Os homens da lei agiram com firmeza ao encarnar as dores da prefeitura, da Câmara e da empresa de transportes urbanos que tanto serve a Mossoró. Apreenderam materiais de propaganda, deram catiripapos nuns dois ou três sujeitos, além de meterem spray de pimenta como quem distribui refresco nos olhos dos outros. E, pasmem, os envolvidos no movimento ainda se queixaram desse tratamento humanitário vip. Sinceramente, não entendo, e perguntaria aos meus botões, se agora não estivesse de camiseta, por que alguém em sã consciência faria isso contra uma administração pura, imaculada, que vai até construir uma “estauta” de Santa Luzia? Por qual motivo esse povo faz chafurdo com o nome da Câmara, que, em devoção ao altíssimo, sempre se ajoelha e diz “amém”? E a Ocimar, galera? A Ocimar Transportes Geniais, que acabou com a espera de décadas? Sim, acabou, a prova está aí: se não fosse a iluminada presença de seus 35 veículos fantasmas entre nós, esses estudantes concluiriam o ensino superior, o mestrado, o doutorado e pós-doutorado sem a maravilhosa oportunidade de reclamar e apanhar da polícia.

Solidariedade
Agora falando sério, como diria Chico Buarque, a equipe do jornal O Mossoroense solidariza-se com o ex-colega de redação Cláudio Palheta Júnior, repudiando a agressão injustificada que sofreu quando exercia o direito legítimo de protestar contra o aumento da passagem de ônibus. Cláudio foi atingido por spray de pimenta e chegou a ser hospitalizado.

Corra!
A Meia Maratona Sesc de Revezamento teve as inscrições estendidas até o dia 25, no site www.sescrn.com.br. O evento será realizado dia 28, às 16h30, com largada do Sesc Mossoró.

Segurança
O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) comunica que lançará segunda-feira, em Brasília, o livro Violência e Segurança Pública em 2023: cenários exploratórios e planejamento prospectivo.

Postura
Perceptível a mudança de Tassyo Mardonny no plenário da Câmara. Vereador da base governista, já não defende com tanta ênfase o prefeito e, para completar, vem fazendo críticas ao governador Robinson Faria. Faz parte, segundo dizem, de articulações para 2016.

Geografic
A revista National Geografic Traveler incluiu o Rio Grande do Norte, na edição de novembro, entre os 20 destinos para se visitar em 2016, com destaque para Natal, onde faz sol “durante 233 dias por ano”.

Maxxi condenação
O Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT/RN) confirmou a sentença que obriga o Maxxi Atacado a pagar R$ 2 milhões por danos morais coletivos. O supermercado do Grupo Walmart descumpriu continuadamente normas fundamentais de proteção à jornada de trabalho dos empregados.

Lucro
A Caixa Econômica Federal teve lucro líquido de R$ 3 bilhões no terceiro trimestre do ano, um aumento de 60% em relação a igual período de 2014. No período de janeiro a setembro, o banco registra R$ 6,5 bilhões de lucro, que representa um crescimento de 23,3% na comparação com o acumulado do ano passado. A informação é da Agência Brasil.

Refis
Prorrogado para 17 de dezembro, o Programa de Recuperação Fiscal (Refis) do município de Mossoró. Além do parcelamento dos débitos tributários, o contribuinte ganha desconto de 50% a 90% nos juros e multas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *