97 pessoas foram presas no RN por assalto, tráfico de drogas, homicídio e outros crimes

A ''Operação PC 167'' foi coordenada pela Delegacia Geral de Polícia Civil ontem (26)

Nesta quinta-feira, 26, a Polícia Civil do estado do Rio Grande do Norte prendeu 97 pessoas na ”Operação PC 167”, deflagrada para o cumprimento de mandados de prisão que estavam em aberto. Coordenada em todo o estado, a ação envolveu 1 mil policiais.

De acordo com a Polícia Civil, os casos mais registrados foram 42 presos que respondem por assalto, 22 em decorrência do tráfico de drogas, 13 por homicídio e 4 por praticarem violência doméstica. Os demais envolvidos foram detidos por outros crimes.

Ben Hur Cirino de Medeiros, delegado geral adjunto da Polícia Civil, informou que dos 97 detidos, 81 são considerados muito perigosos. “Nós tínhamos que tirá-los do convívio da sociedade. Pois é o povo que rouba pra comprar droga, que trafica e que mata. E que chega em casa e agride a mulher”, declara Medeiros.

A atividade aconteceu neste mês, pois como afirma o órgão, dezembro reúne muitas ocorrências em razão do aumento de ações criminosas realizadas no período de festas. Segundo a Polícia Civil, a operação envolveu diversas cidades do RN e várias delegacias regionais.