sábado , 22 de julho de 2017
Home / Destaques / VIDEO – Filha de paciente terminal faz apelo dramático para que secretário não feche hospital de Apodi
Secretário esteve em Apodi na última sexta-feira e retorno na tarde desta segunda
Secretário esteve em Apodi na última sexta-feira e retorno na tarde desta segunda

VIDEO – Filha de paciente terminal faz apelo dramático para que secretário não feche hospital de Apodi

A abordagem feita por uma moradora do município de Apodi ao secretario estadual de saúde, George Antunes, marcou a passagem do secretário pela cidade no início da tarde desta sexta-feira.

A mulher, identificada como Netinha Costa, fez um apelo dramático ao secretário pedindo que o Hospital Regional Hélio Moraes Marinho não fosse fechado, surpreendendo com o argumento apresentado na tentativa de sensibilizar o secretário.

“Nós somos totalmente dependentes. Não temos unidades particulares, e mesmo se tivéssemos, não teríamos condições de pagar um plano de saúde. Estou aqui falando em nome da minha mãe que é paciente terminal. Estou falando pela minha mãe, e pelos demais. É um absurdo esta unidade ser fechada” destacou Netinha ao abordar o secretário no corredor do hospital regional de Apodi.

O secretário George Antunes argumentou que não há a intenção do governador fechar a unidade. George destacou que há um mal entendido a partir de uma necessidade de encaminhar ajustes estruturais que estão sendo discutidos com as autoridades.

O secretário esteve em Apodi para uma reunião com o prefeito Alan Silveira e representantes do segmento da saúde para discutir o Termo de Ajustamento de Conduta assinado pelo governador Robinson Faria na última sexta-feira, 7,

O TAC fala na necessidade de ajustes para a melhoria das estruturas ou conversão em unidades básicas de saúde ou unidades de pronto atendimento. Durante a reunião o secretário teria afirmado a necessidade de encaminhar os ajustes com a participação do município.

A reunião que não teve uma posição conclusiva acabou ampliando a desconfiança das autoridades locais quanto ao futuro do hospital regional de Apodi, que juntamente com o de Caraúbas, e outros cinco hospitais correm o risco de sofrer reduções ou até mesmo fechamento.

VIDEO – Mais cedo, o governador Robinson Faria emitiu um vídeo ao lado do prefeito de Severiano Melo, Dagoberto Bessa e do prefeito de Caraúbas Juninho Alves, negando que as unidades serão fechadas.

Apesar dos constantes posicionamentos de que os hospitais não serão fechados, não há nenhuma declaração do governador de que os mesmos continuarão com as portas abertas nos atuais moldes de atendimento.

O hospital regional de Apodi atende a população local, e dos municípios de Rodolfo Fernandes, Severiano Melo, Itaú e Felipe Guerra.

Insatisfeita com as indefinições e riscos motivados pelo TAC a sociedade apodiense prepara uma grande mobilização destinada a parar os municípios da região que podem sofrer com as consequências de eventuais mudanças. A mobilização deverá ser realizada na próxima quarta-feira.