quarta-feira , 13 de novembro de 2019
Home / Destaques / Notas da Redação

Notas da Redação

RESPOSTA

Foto Facebook
Foto Facebook

Aos que perguntam! Geraldo Melo Filho vai substituir no Incra o general João Carlos de Jesus Corrêa, da linha dura. Entretanto, o cargo já se encontrava vago. Não há confronto.

LABORATÓRIO

Houve tempo em que os articulistas políticos do Diário de Natal falavam em laboratório da política quando as projeções começavam a analisar possíveis candidaturas futuras.

QUÍMICA

O resultado da química dos laboratórios políticos ainda não é conclusivo. Antes, por conta do pluripartidarismo. Agora, devido à forte influência das mídias sociais.

EZEQUIEL

A importância política do presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira, por exemplo, é reconhecida, por todos, mas poderá ser maior ou menor dependendo do momento político.

PROJETOS

Ezequiel Ferreira poderá ser candidato ao governo, em 2022, se a governadora Fátima Bezerra não conseguir superar as grandes dificuldades que enfrenta em sua administração.

SENADO

Os amigos de Ezequiel trabalham em duas frentes. A primeira delas, é disputar o cargo de senador, vaga hoje ocupada pelo substituo de Fátima, Jean Paul Prates. Mas, o Governo não está fora de cogitação.

ENTENDIMENTOS

Carlos Eduardo Alves, prefeito de Natal por quatro vezes, pretende disputar novo cargo político, senador ou governador. Sobre o assunto conversa com seu substituto, Álvaro Dias.

MOSSORÓ

Em Mossoró, as conversas estão mais focadas na sucessão da prefeita Rosalba Ciarlini, que ri com o tempo com o desentendimento profundo entre seus adversários.

CADINHO

Todas essas possibilidades, mais outras ainda não debatidas, estão no cadinho da política para que o resultado da reação possa esclarecer melhor as lideranças políticas.

DESPRESTÍGIO

O secretário de Planejamento do Governo do Estado, Aldemir Freire, não atendeu ao convite da Assembleia para prestar esclarecimentos sobre utilização de recursos do Estado.

CONVOCAÇÃO

Por não atender ao convite, o secretário Aldemir foi convocado e, mesmo assim, não atendeu à solicitação da Assembleia que analisa se o secretário cometeu crime de responsabilidade.

GIRÃO

O deputado federal General Girão hipoteca solidariedade do presidente Jair Bolsonaro. Acredita que Bolsonaro está sendo vítima de políticos do PSL com interesses escusos.

MUDANÇA

Conseguindo ganhar o PSL, os bolsonaristas trocarão o nome do partido para Conservador. Perdendo o controle, formarão o novo partido, com esse mesmo nome, Conservador.