segunda-feira , 22 de julho de 2019
Home / Destaques / Notas da Redação

Notas da Redação

PREVIDÊNCIA

Embora a governadora Fátima Bezerra não deseje conversar sobre reforma, a situação da Previdência no RN está insustentável. Somente com os professores, as aposentadorias e pensões chegam a R$ 100 milhões. Com os professores em atividade ficam em R$ 54 milhões.

PREVIDÊNCIA II

A análise mais recente, divulgada no “RH em Números” mostra que há 15.765 profissionais do magistério da rede púbica estadual na ativa e 21.300 inativos. O número de inativos na Educação cresce a cada dia enquanto diminui o número de professores na ativa.

QUADRILHAS

Foto Reprodução
Foto Reprodução

Em termos de São João, Monte Alegre passou a perna em outros municípios. Com a aprovação de projeto do deputado estadual Kleber Rodrigues, natural desse município, a governadora Fátima sancionou lei que institui a cidade como “Capital potiguar das Quadrilhas Juninas.”

CANDIDATURA

O prefeito de Natal, Álvaro Dias trabalha com a possibilidade de receber o apoio do PT em sua candidatura à reeleição. Na aliança pretendida, governadora Fátima indicaria o nome do candidato a vice-prefeito. Sendo reeleito, poderá pensar em candidatura ao governo.

ILUSÃO

O presidente Bolsonaro pode estar caindo na mesma ilusão do ex-presidente Jânio Quadros. Com amplo apoio popular, Jânio sonhou em passar por cima das instituições e se tornar um ditador no Brasil. O resultado foi desastroso e teve que renunciar ao cargo.

POPULARIDADE

O presidente Jair Bolsonaro está apostando na sua popularidade e desafia constantemente os poderes constituídos. A briga com o Poder Legislativo, totalmente desnecessária, é exemplo da inabilidade política da equipe de assessores do presidente.

RAINHA

Sobre o Poder Legislativo, Bolsonaro reclamou que o parlamento quer deixa-lo como Rainha da Inglaterra. Bolsonaro referia-se ao Projeto de Lei na Câmara que transfere a parlamentares o poder de indicar integrantes de agências reguladoras.

AGENDA

Na edição desta semana, a revista Veja alerta que o Congresso vai apresentar agenda de propostas para o país. Rodrigo Maia anuncia pacote que inclui mudanças no FGTS, autonomia do Banco Central, simplificação de impostos e redução dos juros bancários

BESTEIROL

Após ser demitido da Secretaria de Governo da Presidência da República, o general Carlos Alberto dos Santos Cruz não saiu atirando, mas disse que o governo de Jair Bolsonaro perde tempo com “bobagens” quando deveria priorizar questões relevantes para o país. Arrasou.

SELIC

Pela décima vez seguida, o Banco Central não alterou os juros básicos da economia com o Comitê de Política Monetária (COPOM) mantendo a taxa Selic em 6,5%. Na Inglaterra, ontem, o Banco centra manteve a taxa básica de juros em 0,75% ao ano.