quarta-feira , 25 de abril de 2018
Home / Destaques / Governo do Estado assume gestão do Forte dos Reis Magos
Governo do Estado assume gestão do Forte dos Reis Magos

Governo do Estado assume gestão do Forte dos Reis Magos

O Forte dos Reis Magos, um dos pontos mais visitados pelos turistas na capital potiguar será restaurado. A edificação histórica, que era de responsabilidade da União através do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), a partir de agora passa a ser administrada pelo Governo do Estado.

O termo de cessão foi assinado na quinta-feira (15), pelo governador Robinson Faria e representantes do IPHAN. Com a gestão estadual, o monumento será reformado e está recebendo investimento de cerca de R$ 5 milhões por meio do programa Governo Cidadão. Na solenidade, Robinson recebeu de forma simbólica a chave da Fortaleza.

O equipamento vai passar por obras de restauração de piso, teto e acessibilidade. A duração do termo de transferência é de 20 anos. Neste período, será responsabilidade do Governo do Estado a conservação do imóvel, despesas de uso, guarda e preservação. “O projeto executivo está pronto para ser licitado”, destacou o diretor da Fundação José Augusto (FJA), Iaperi Araújo.

O superintendente do IPHAN no RN, Marcio Alexssander Granzotto, ressaltou que a transferência de gestão “foi uma decisão dos governos federal e estadual como uma política nacional de proteção ao patrimônio. O executivo passa a ser responsável em gerir o equipamento com ações culturais e turísticas para manter a candidatura desta edificação como Patrimônio da Humanidade”.

Participaram da assinatura secretários de Estado, técnicos do IPHAN, além do superintendente da Secretaria do Patrimônio da União no RN, Esdras Queiroz.

História

A Fortaleza dos Reis Magos conta parte da história da capital e de todo o estado do Rio Grande do Norte. Construído para proteger Natal ainda na época da colonização, a fortificação está localizada na Praia do Forte, Zona Leste da cidade.

A construção demorou 30 anos para ser construída e foi concluída em 6 de janeiro de 1598, Dia de Reis. A Fortaleza foi tombada em 1949 e esteve sob administração da Fundação José Augusto até 2013.