Mortos foram identificados como Lázaro Luís de França Ferreira e Shakespeare Costa de França (Foto: Sejuc/Divulgação).

Dois detentos são encontrados mortos em cela do Complexo Penal Alcaçuz

Dois detentos foram encontrados mortos dentro do Presídio Rogério Coutinho Madruga, conhecido como o Pavilhão 5 do Complexo Penal Alcaçuz, na madrugada desta segunda-feira, 26 de fevereiro. Os corpos de Lázaro Luís de França Ferreira e de Shakespeare Costa de França estavam enforcados com lençóis e pendurados em grades.

Lázaro Luís de França Ferreira, de 34 anos, estava preso desde 2014. Já Shakespeare Costa de França foi preso em 2017 e chegou a escapar da penitenciária durante a rebelião de janeiro do ano passado, mas foi recapturado. Dos dois respondiam pelos crimes de tráfico de drogas, homicídio, assalto e porte ilegal de armas.

Essas foram as primeiras mortes na Penitenciária de Alcaçuz depois do massacre de janeiro de 2017, quando 26 presos morreram durante briga entre facções criminosas rivais.

A Secretaria de Justiça e da Cidadania do Rio Grande do Norte (Sejuc) informou que os dois presos assassinados estavam em uma cela com outros 10 detentos. Ainda não se sabe quem assassinou os detentos.