domingo , 20 de outubro de 2019
Home / Destaques / Doações para reconstruir catedral de Notre-Dame já ultrapassa R$ 2 bilhões
Foto Facebook
Foto Facebook

Doações para reconstruir catedral de Notre-Dame já ultrapassa R$ 2 bilhões

Enquanto alguns especialistas estimam o prazo de dez anos para a reconstrução da Catedral de Notre-Dame, o presidente Emmanuel Macron calcula que esse período pode ser reduzido a cinco anos.  O otimismo se deve à grande contribuição da iniciativa privada que já disponibilizou recursos que ultrapassam o valor equivalente a R$ 1 bilhão.  Dois grandes empresários franceses do setor do luxo foram os responsáveis principais por essa doação, Bernard Arnault, dono do grupo LVMH, que tem como marcas Louis Vuitton e Dior e a gigante de cosméticos LÒreal.

A companhia francesa de petróleo Total, também participa com 100 milhões de euros e pelo menos dois dos grandes bancos franceses doaram milhões de euros. O Société Générale prometeu 10 milhões de euros e o Crédit Agricole anunciou doação de 5 milhões de euros.

François Pinault, dono do grupo Kering (Saint-Laurent e Gucci), anunciou a doação de 100 milhões de euros (cerca de R$ 440 milhões).

Em relação ao Poder Público, a prefeita de Paris, Anne Hidalgo, anunciou a liberação de 50 milhões de euros (quase R$ 220 milhões) para restaurar o monumento mais visitado de Paris, que recebe por ano mais de 12 milhões de pessoas.