terça-feira , 22 de outubro de 2019
Home / Destaques / COAF identifica mais movimentações atípicas na conta de Flávio Bolsonaro
Foto facebook
Foto facebook

COAF identifica mais movimentações atípicas na conta de Flávio Bolsonaro

A revista Veja desta semana revela trecho do relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) a que teve acesso, apontando transqções bancárias do deputado estadual e senador eleito Flávio ]bolsonaro (PSL-RJ) superiores a sua capacidade. Segundo o documento, mais de R$ 632 mil, entre agosto d 2017 e janeiro de 2018 foram movimentados pelo filho do presidente Jair Bolsonaro.

Conforme o documento do COAF, o valor recebido é cerca de R$ 90 mil acima do que Flávio Bolsonaro teria recebido com seu salário de deputado estadual, somando o lucro de sua atividade como empresário, em uma franquia da marca de chocolates Kopenhagen. A revista Veja não adianta se o relatório do Coaf informa ou omite a existência de uma nova fonte de dinheiro, além das duas atividades.

A revista também questiona as declarações do parlamentar que, à TV Record no dia 20 de janeiro, disse que seus rendimentos como empresário foram maiores do que como deputado. No relatório citado na reportagem, nos seis meses analisado, Flávio teria recebido R$ 131 mil com seus salários na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), e R$ 120 mil com a empresa.

O parlamentar segue negando irregularidades, alegando ser vítima de perseguição judicial e midiática. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.