sábado , 23 de fevereiro de 2019
Home / Opinião / Notas da Redação (page 11)

Notas da Redação

Notas da Redação

DEBATE

Como em eleições anteriores, o sistema Bandeirantes foi o primeiro a realizar debate entre os principais candidatos a presidente da República. Por exigência da lei eleitoral, oito dos principais concorrentes participaram do evento o que restringe o tempo destinado a cada postulante ao cargo.

LULA

A proibição da justiça, impedindo a participação de Lula no debate, foi uma sinalização de que sua candidatura também será vetada no Tribunal Superior Eleitoral. O partido dos trabalhadores deverá confirmar a dupla, Fernando Haddad como candidato a vice e Manuela na posição de candidata a vice-presidente.

RESPEITO

No debate de cinco blocos transmitido pela Bandeierantes, os candidatos se mostraram cautelosos e evitaram provocações pessoais. De uma maneira geral, Jair Bolsonaro foi poupado e Geraldo Alkmin o mais pressionado pelos entrevistados que veem no ex-governador as maiores possibilidades de crescimento.

NEY

O ex-deputado federal Ney Lopes divulga nota explicando os motivos de sua desistência em ser candidato a senador, nas eleições deste ano: “a sólida armadura partidária montada em função de interesses próprios somente concedeu espaço na eleição de 2018, no RN, para quem fosse dono de partido.

SANDRA

Ainda no fim desta semana a veradora Sandra Rosado definirá sua candidatura ou desistência em concorrer mais uma vez à Câmara dos Deputados. Sandra tem conversado e escutado amigos e correligionários que sempre lhe acompanharam na trajetória política do Rio Grande do Norte.

ANTECIPAÇÃO

A Assembleia Legislativa autorizou, mas o Tribunal de Contas do Estado proibiu o Governo do Estado realizar operação de antecipação de receitas dos royalties pretendida pelo governador Robinso Faria para efetuar pagamento de funionários públicos estaduais.

SOBRENOME

Alguns candidatos estão receosos que os sobrenomes possam interferir negativamente em suas candidaturas. A deputada Zenaide retirou o Maia e ficou sendo chamada Zenaide senadora e, agora, Doutora Zenaide enquanto  Carlos Eduardo trocou o Alves pela número 12, do partido. Muitos outros seguem o exemplo.

MOSSORÓ

Ao que parece. o processo político sucessório começará a movimentar Mossoró a partir de amanhã. Os candidatos organizam suas equipes e várias reuniões estão agendadas com lideranças locais. A campanha deverá radicalizar entre Carlos Eduardo e Robinson Faria por conta das presenças de Kadu Ciarlini e Tião Couto nas duas chapas.

 

 

 

Notas da Redação

PROPAGANDA

Alguns partidos políticos tentam, junto ao TSE, modificação do item da lei eleitoral referente à propaganda eleitoral, mas nada pode ser feito sem aprovação de novas regras pelo Congresso. Nas eleições de 1988, no RN, três candidatos terão direito a 80% do tempo de rádio e TV.

DIVISÃO

“Estou sendo o Governador de Mossoró”, afirma Robinson Faria em entrevista

 

O candidato Robinson Faria, da coligação Trabalho e Superação, terá o maior tempo, ficando com 3,7 minutos em cada bloco diário de dez minutos. Calor Eduardo, da coligação “100%” ficará com 2,75 minutos e Fátima Bezerra, da “Frente Popular” terá 1,54 minutos.

FINANCIAMENTO

A nova sistemática do financiamento público de campanha serviu de esteio para os partidos políticos atraírem candidatos nas chapas proporcionais. As negociações foram realizadas levando em conta a liberação de recursos para a campanha política de cada candidato.

CANDIDATURAS

A escolha dos nomes para vice-governador de Mossoró pelos candidatos Robinson Faria e Carlos Eduardo permite a divulgação de seus nomes com maior intensidade. Tião da Prest e Kadu Ciarlini estão realizando verdadeiro périplo de entrevistas na mídia mossoroense.

CANDIDATOS

Nas eleições de 2018 os eleitores do RN não têm o que reclamar, em termo de opções de nomes. São 16 candidatos ao Senado da República e 8 candidatos ao governo do Estado. Entre eles, políticos tradicionais e disputantes que nunca participaram de nenhum processo político.

COLIGAÇÃO

O deputado Fábio Faria preveniu o colega deputado Beto Rosado que seria melhor apoiar seu pai, Robinson Faria, que apoiar Carlos Eduardo. Se discordasse, esvaziaria essa coligação, abrindo espaço para o deputado Rafael Mota e dificultando sua reeleição a deputado federal.

VEREADORES

Os vereadores situacionistas, em Mossoró, não votarão nos candidatos a deputados estaduais e federais por simples indicação da prefeita Rosalba Ciarlini. Acertam seus apoios de forma direta, conversando com esses candidatos, pouco importando a coligação a que pertençam.

JORGE

É o caso do vereador Manoel Bezerra que, mesmo sendo tradicional eleitor do Rosalbismo, anunciou apoio a Jorge do Rosário para deputado estadual. Indiretamente, essa posição enfraquece a candidatura do candidato a vice-governador Kadu Ciarlini, filho da prefeita, fortalecendo o adversário.

TOFFOLI

O ministro do STF, Dias Toffoli, esteve em Natal participando do 114º Encontro do Conselho dos Tribunais de Justiça. Ressaltou a importância da magistratura estadual onde são decididos cerca de 80% de todos os processos que estão no Poder Judiciário do país.

ACIDENTE

A Polícia Federal entregou à família Campos relatório sobre hipóteses que possam ter provocado a queda do avião que matou o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos. A hipótese principal é uma “colisão com pássaros” tenha provocado o infausto acidente.

 

Notas da Redação

CONVENÇÕES

Lula e FHC

 

As convenções partidárias homologaram 13 candidatos à Presidência da República. É o maior número desde 1989, quando 22 pretendentes tentaram alcançar o principal cargo do executivo brasileiro. Nesse período, até 1986, o Planalto foi ocupado por um político do PSDB ou PT.

RECUSA

O TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) não reconheceu o pedido do PT para que Lula participe do primeiro debate entre os presidenciáveis organizado pela Band, na próxima 5ª feira. Para o Tribunal, caberia ao próprio Lula buscar benefícios para si e não o PT.

JANOT

As defesas dos empresários Joesley e Wesley Batista pediram ao STF que o ex-procurador-Geral da República e membros do escritório de advocacia Trenchy Watanabe sejam ouvidos no processo que discute a rescisão dos acordos de delação premiada da J&F.

MOSSOROENSES

Há três nomes de Mossoró inseridos na disputa majoritária pelo governo do Rio Grande do Norte. Tião Couto e Kadu Ciarlini disputam a vice-governadoria, com Robinson Faria e Carlos Eduardo, mas existe ainda o Bispo Heró, Bezerra, candidato ao governo pelo PRTB.

VETO

Em 2014, o senador José Agripino vetou o nome da governadora Rosalba Ciarlini, impedindo-a de concorrer à reeleição. Agora, o senador não disputará reeleição, mas mandato de deputado federal. Teria sido vetado por Rosalba e Carlos Augusto, em troca do apoio a Carlos Eduardo.

RADICALIZAÇÃO

A disputa entre os candidatos Carlos Eduardo e Robinson Faria poderá ser mais radical em Mossoró. Tudo por conta dos candidatos a vice, Kadu Ciarlini, filho de Rosalba e Tião Couto, que disputou a prefeitura em 2016 contra a atual prefeita. É possível que isso aconteça.

VEREADORES

Os vereadores mossoroense, como também em outros municípios, não estão seguindo qualquer orientação partidária em relação ao apoio aos candidatos majoritários. Estão se entendendo diretamente com os candidatos, não aceitando intermediação de terceiros.

FECHAMENTO

A Editora Abril anuncia reestruturação na empresa e o encerramento da publicação de revistas femininas, como Elle e Cosmopolitan, Casa Cláudia, Arquitetura e Minha Casa e Boa Forma. A medida implicará na dispensa de funcionários. A empresa não informou o total de demitidos.

RECONSTRUIR

Carlos Eduardo fala em reconstrução do RN. Diz que “não podemos errar de novo. Não é possível que, com tantas riquezas naturais, não se mude essa realidade de empregos perdidos e de insegurança. Vamos economizar, cortar gastos desnecessários e retomar serviços hoje falidos”.

DISCURSO

Fazendo as pazes com o governador, Tião Couto ouviu de Robinson que havia escolhido um nome do setor produtivo, mola propulsora do desenvolvimento e geração de empregos, alinhado com o propósito de fazer o RN avançar com ousadia e experiência administrativa.

SENADO

Fátima Bezerra estará em Brasília durante a semana, participando do esforço concentrado do Senado Federal. Hoje, participa de Audiência Pública com pauta sobre privatizações da Eletrobrás, Aeroporto de Congonhas e Casa da Moeda, entre outros assuntos.

 

 

Notas da Redação

MOSSORÓ

foto_2347

A exceção de Fátima Bezerra, candidatos ao governado investiram em nome de Mossoró, segundo colégio do estado, para companheiro de chapa. Ontem, foi a vez de Robinson Faria anunciar Tião Couto como seu companheiro de chapa, candidato a vice-governador.

ESTRATÉGIA

Robinson marcou um tento nessa escolha. Kadu Ciarlini, filho de Rosalba, é candidato a vice na chapa de Carlos Eduardo. Tião foi o concorrente principal de Rosalba na última eleição municipal. A campanha poderá radicalizar entre Carlos e Robinson, por conta dos candidatos a vice-governador.

SEGURO

Mesmo com todas essas informações povoando o mundo da política é melhor tirar carta de seguro. A candidatura de Tião Couto a vice-governador foi acertada no gabinete político de Robinson. Não é impossível que, durante a convenção, esse nome possa ser substituído.

BENES

Antes da conversa com Tião, o nome escolhido por Robinson era o do ex-prefeito de Lajes, Benes Leocádio. A composição política não foi possível por conta do Partido Trabalhista Cristão que não liberou Benes para efetivar a coligação. Benes continua candidato a deputado federal.

FORTALECIMENTO

A indicação de Tião fortalece a candidatura de Jorge do Rosário à Assembleia Legislativa. Por outro lado, ficará em evidência para o caso de disputar, novamente, o cargo de prefeito de Mossoró. Bom para Robinson, melhor para Tião, qualquer que seja o resultado de outubro.

SOBRENOME

Durante a campanha deste ano a deputada federal Zenaide não poderá usar o seu sobrenome, Maia, como uma das opções ao Senado do partido dos trabalhadores. Os “companheiros” repudiam e têm medo que o sobrenome Maia posse ser vinculado ao senador José Agripino.

DISPUTA

No RN, José Agripino não será candidato à reeleição e disputará cargo de deputado federal. Era preciso facilitar a candidatura de Carlos Eduardo ao governo, justificou. O senador Aécio Neves faz o mesmo, “com o objetivo de ampliar apoio à candidatura de Antônio Anastasia ao governo de Minas”.

PSB

A direção nacional do PSB reconhece o erro na indicação do deputado federal Rafael Motta para presidente do diretório do partido no RN. O partido corre o risco de perder a cadeira na Câmara dos Deputados e na convenção de ontem, não definiu se candidatos majoritários.

CANDIDATOS

Muitos dos nomes não chegarão a ser pronunciados, muito menos identificados, mas existem 13 candidatos a presidente da República. Hoje é o último dia para realização de convenções, o que significa que esse número ainda poderá aumentar em um ou dois candidatos.

HOMOAFETIVIDADE

Numa demonstração de que, no Brasil, o casamento homoafetivo é uma realidade aceita pela maioria, a mídia nacional trata Mônica Benício como viúva da vereadora Marielle Franco. E é nessa onda liberalizante que se inicia no STF nova discussão sobre a legalização do aborto.

ABORTO

O RN está entre os três Estados com percentual da taxa de abortos voluntários em ascensão. Sendo altamente constrangedor, o tema é tratado em sigilo. Em 1974 houve um aumento de 19,2%. Mas, os números se referem a todos os atendimentos, não somente os provocados.

Notas da Redação

PAPA

papa-francisco

 

O Papa Francisco escreveu mensagem ao ex-presidente Lula, com os seguintes dizeres: “A Luiz Inácio Lula da Silva, com a minha benção, pedindo-lhe para orar para mim, Francisco.”  Talvez, mais importante que a própria mensagem, o gesto do Papa em relação a Lula.

ESCOLHA

No Rio Grande do Norte, o eleitor pode até não querer em candidato a governador, mas não pode justificar como descrédito em relação aos nomes apresentados. Com sete candidatos ao cargo, há representantes de todas as áreas e tendências que se possa imaginar.

DENÚNCIA

O governador Robinson Faria, citando nomes, fez graves denúncias aos parlamentares em Brasília. Segundo ele, sobretudo os senadores, articularam junto ao Tribunal de Contas da União para que não fossem liberadas verbas destinadas ao Estado. Ninguém desmentiu.

STEVENSON

O Capitão Stevenson anunciou, ontem (2), sua filiação à Rede Sustentabildade, mesmo que o partido não tenha lhe assegurado a pretendida independência que estava exigindo. Contudo, no período pré-eleitoral, Stevenson ganhou mais notoriedade que quando atuou na Lei Seca.

MAIA

No convite para a convenção do partido dos trabalhadores houve o cuidado de ser omitido o sobrenome da deputada Zenaide, que é Maia. No cartaz está impresso apenas “Zenaide Senadora”. Aliás, a deputada já entrou na de ser chamada apenas de Zenaide. O Maia já era.

VEREADORES

O ex-deputado Carlos Augusto reuniu os vereadores da situação, em Mossoró, para conversar sobre sucessão governamental. Com o filho candidato a vice-governador, Carlos pediu mais empenho na luta pela eleição de Carlos Eduardo Alves.

ELEITORES

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luiz Fux, divulgou o número oficial de eleitores aptos a votar nas eleições de 2018. No próximo dia 7 de outubro 147.302.354 eleitores brasileiros poderão votar nos representantes políticos de sua escolha.

VICE

A senadora Maria Amélia, do PP do Rio Grande do Sul abriu mão de disputar a reeleição e aceitou convite para ser candidata a vice-presidente da República, ao lado do ex-governador Geraldo Alkmin. A opção do partido ficou com candidatos do Sul e do Sudeste.

SAÚDE

Em nível nacional e, também, nas pesquisas realizadas nos estados brasileiros, a principal queixa do eleitor foi dirigida à Saúde Pública. A mídia promove mais notícias relacionadas à segurança, mas a maioria pede aos futuros governantes mais investimentos na saúde.

DENGUE

Por falar em saúde, o n úmero de casos confirmados de dengue cresceu 223% no primeiro semestre de 2018, em relação ao mesmo período do ano passado. Em relação aos casos de Zika e da Chikungunya houve aumento, mas em proporções bem inferiores.

 

 

Notas da Redação

PR

joao-maia

 

O ex-deputado João Maia, presidente do Partido da República, realizou sua convenção estadual, em Natal, oficializando o apoio ao governador Robinson Faria em sua campanha pela reeleição. Coligação também para a disputa proporcional, com Maia puxando a lista de votos.

PSD

No próximo domingo, o Partido Social Democrático (PSD) homologará a candidatura do governador Robinson à reeleição. O encontro será no Hotel Holiday Inn, local escolhido pela maioria dos grandes partidos. Robinson pretende investir pesado na tentativa de alavancar sua candidatura.

MUDANÇA

Num gesto de coragem, Robinson Faria havia escolhido o campus da Universidade Estadual do RN para a realização de sua convenção. Tomando conhecimento que os servidores da UERN organizavam movimentação de protesto determinou, de imediato, a transferência do local.

VICE

Até o momento, o governador Robinson Faria não conseguiu definir quem será seu candidato a vice-governador e, portanto, seu companheiro de chapa. Vários nomes foram lembrados, mas nenhum chegou a ser confirmado, o que poderá acontecer na convenção do domingo.

REAÇÃO

Ao ouvir a presidente da Câmara, Izabel Montenegro dizer a Garibaldi que ele havia perdido o apoio dos vereadores de Mossoró, por conta do candidato a 2º suplente, o vereador Manoel Bezerra a interrompeu dizendo: “fale só por você. Não envolva os demais vereadores”.

FÁTIMA

A senadora Fátima Bezerra desfilou por Mossoró como candidata eleita ao governo do Estado. Seus correligionários acreditam que essa definição poderá acontecer logo no primeiro turno, conforme o que tem sinalizado as pesquisas e pelo que escutam nas viagens pelos municípios.

DIFICULDADES

Rafael Motta e Ricardo Motta, pai e filho, estão com dificuldades para a desejada coligação para as eleições proporcionais. Rejeitados pelos partidos que apoiam Robinson Faria e Carlos Eduardo, torcem por uma intervenção que obrigue o PT a aceitá-los, o que não acontecerá.

PROPORCIONAL

O problema está nas coligações formadas para as eleições de deputados federais e estaduais. A entrada de Rafael Motta poderá tirar a chance de Fernando Mineiro ser eleito deputado federal, enquanto Ricardo Motta tomará o lugar de deputado estadual de outro petista.

ELEITORADO

O RN conta, hoje, com 2.373.619 eleitores, dos quais, 1.161.288, (48,92%), estão em apenas dez municípios. Em três deles, Natal, Mossoró e Parnamirim estão alistados 850.312 (35%). Por isso é que boa parte dos municípios não receberá visita dos candidatos ao governo.

Notas da Redação

FALECIMENTO

Foto Rovena Rosa/Agência Brasil.
Foto Rovena Rosa/Agência Brasil.

 

Morreu, aos 92 anos, o jurista Hélio Bicudo, um dos fundadores do PT. Militante dos direitos humanos, desde os anos 1970, notabilizou-se pelo combate ao Esquadrão da Morte. Foi deputado federal em dois mandatos e vice-prefeito de São Paulo na gestão de Marta Suplicy.

INSATISFAÇÃO

A senadora Gleisi Hoffmann, presidente do PT, discorda da estratégia do partido, no Ceará, que lançará candidato único ao Senado em troca de posição semelhante do MDB que terá apenas Eunício na disputa. E, adverte, poderá entrar com recurso ao Diretório Nacional do PT.

VISITA

Depois de participarem de show em defesa da liberdade de Lula, no Rio de Janeiro, Martinho da Vila e Chico Buarque viajam, amanhã, ao Paraná para visitarem o ex-presidente. A posição de Chico mostra a coerência que sempre teve, não importando a situação em Lula se encontre.

DIOCESANO

Padre Charles Lamartine tem demonstrado competência na condução da direção do Colégio Diocesano Santa Luzia. Substitui o Padre Sátiro Dantas, mas mantém a linha de trabalho do seu antecessor. Os dois são os principais responsáveis pelo crescimento da Faculdade Diocesana de Mossoró.

POLÍTICOS

A aprovação do curso de Direito pelo MEC foi motivo de festa de comemoração que contou, inclusive com a presença dos três senadores do RN, Fátima Bezerra, Garibaldi Alves e José Agripino. O último recebeu destaque especial do Pe. Charles pelo seu envolvimento no projeto, em Brasília.

SUPLENTE

Em sua visita a Mossoró, o senador Garibaldi Alves Filho visitou o médico Bernardo Rosado, proprietário do Hospital Wilson Rosado. O objetivo foi convidar o cardiologista mossoroense para concorrer como segundo suplente da chapa onde disputa a reeleição. Bernardo aceitou.

INDIGNAÇÃO

A presidente da Câmara Municipal de Mossoró reagiu com indignação ao tomar conhecimento da escolha do médico Bernardo Rosado para companheiro de chapa de Garibaldi. Disse ao senador que se sentia traída pela escolha de um desafeto para ser seu suplento. A reação foi seguida por outros vereadores que queriam ser ouvidos sobre o assunto.

 

FÁTIMA

Fátima Bezerra aproveitou a vinda à Mossoró para, além da cerimônia em comemoração ao reconhecimento do curso de direito na Faculdade Diocesana, manter contatos políticos. Sozinha. Os principais concorrentes, Robinson e Carlos Eduardo, não vieram à festa do Colégio.

VICE

O governador Robinson Faria ainda não anunciou seu companheiro de chapa, o candidato a vice-governador em sua disputa pela reeleição. Mais do que um nome, os candidatos desejam alianças que proporcionem mais espaço no programa eleitoral gratuito. Ou apoio financeiro.

STEVENSON

O Capitão Stevenson pode concorrer ao Senado sem a necessidade de filiação partidária. O que poderia ser um ponto positivo para sua campanha poderá atrapalhar o militar que não está sabendo conduzir o processo. Não quer apoiar nem coligar com outros candidatos.

ZENAIDE

A deputada federal Zenaide Maia não está conseguindo “colar” na candidatura de Fátima Bezerra ao governo. As últimas pesquisas mostram que não consegue ampliar suas intenções de voto. No PT, fala-se que pertence ao grupo Maia e que sua posição é oportunista.

KASSSAB

Na tentativa de conseguir o apoio à candidatura pela reeleição do governador Robinson Faria, o ministro Gilberto Kassab telefonou à prefeita Rosalba Ciarlini com esse objetivo. O contato foi antes da escolha de Kadu Ciarlini como candidato a vice-governador com Carlos Eduardo.

BUSCA

O presidente do diretório estadual do PR no RN, ex-deputado foi alvo de busca e apreensão na Operação Trajana, ontem, deflagrada pelo MPF e PF, em investigação sobre irregularidades que podem ter acontecido em obras de rodovias federais. Em nota, João diz estar tranquilo.

Notas da Redação

HENRIQUE

Henrique Alves

O ex-ministro Henrique Alves afirmou que não participará do processo político-partidário deste ano. “Este ano tenho zero articulação política, zero de qualquer ingerência. Apenas muita torcida para que meu MDB seja mais uma vez um partido vitorioso”, declarou.

PARTICIPAÇÃO

Com a indicação de Kadu Ciarlini como candidato a vice-governador, ao lado de Carlos Eduardo Alves, a prefeita Rosalba Ciarlini entrou de cabeça na campanha. Sabe que pouco mais de 60 dias é pouco tempo para tornar o candidato conhecido em Mossoró.

SENADO

Garibaldi Alves, o senador de mais de um milhão de votos, continua sendo favorito nas eleições deste ano. A mudança é que não é mais considerado cadeira cativa, mas deverá conseguir sua reeleição. No caso, o pouco tempo de campanha é favorável ao seu projeto.

GERALDO

Em seu pronunciamento na convenção do PSDB, em Natal, Geraldo Melo defendeu tolerância zero com a corrução e a violência; congressistas e membros dos três poderes sem atuais mordomias e privilégios absurdos.

IMUNIDADE

Geraldo foi aplaudido ao defender o fim do estatuto do desarmamento e modificar a imunidade penal do menor de qualquer idade, que só seria aplicado no primeiro delito. Voltando a praticar delitos o menor perderia a imunidade.

DIFICULDADES

Está claro que o senador José Agripino e o deputado federal Antônio Jácome não serão candidatos à reeleição pelo risco iminente de derrota. Agripino será candidato a deputado federal e Jácome disputará uma cadeira ao Senado. O primeiro deverá ficar entre os mais votados.

DIOCESANO

Pe. Sátiro e Pe. Charles promovem confraternização com os norte-rio-grandenses em comemoração à criação da Faculdade de Direito da Faculdade Diocesana, onde já funcionam os cursos de Ciências Contábeis, Fisioterapia, Gastronomia, Nutrição, Psicologia e Teologia.

IGREJAS

Na pesquisa FIERN/CERTUS a Igreja Católica ficou em primeiro lugar como instituição mais acreditada pelos eleitores. Mas, nas eleições deste ano, a grande guerra eleitoral será entre a Igreja Universal e a Assembleia de Deus que lutam para eleger seus candidatos.

MÍDIAS

É possível observar o papel que terão as mídias sociais nas eleições deste ano. Sabendo da importância desse meio de comunicação, os candidatos contrataram assessorias que ficam encarregadas da multiplicação das notícias veiculadas em torno de seus nomes e projetos.

SAÚDE

A notícia interessa a todos os usuários de planos de saúde. A Agência Nacional de Saúde Complementar revogou, ontem (30) a resolução Normativa que, entre outras mudanças propostas, incluía a cobrança de coparticipação e franquia em planos de saúde em até 40%.

ETANOL

Os preços do etanol nos postos brasileiros recuaram em 18 estados brasileiros e no DF, na semana passada. O da  gasolina recuou em 17 estados e no Distrito Federal, segundo dados da ANP. Nas outras nove unidades da federação houve alta.

Notas da Redação

CONVENÇÕES

Os militantes antigos tiveram saudades das convenções anteriores. Em obediência às regras eleitorais, as candidaturas a cargos eletivos foram homologadas sem as tradicionais bandas de músicas, foguetórios e camisetas. Nem mesmo as disputas entre claques de candidatos.

PSDB

A convenção dos tucanos foi considerada a maior e mais organizadas de todas. Mesmo com divergência de alguns deputados em relação ao candidato ao governo, o Partido oficializou apoio à reeleição do governador Robinson Faria que esteve no evento, ao lado do deputado Fábio Faria.

SENADO

Os convencionais permaneceram no local até o encerramento do discurso de Geraldo Melo. Os que o conheciam para ouvi-lo novamente. Os mais novos queriam conferir se sua famosa verve oratória correspondia à realidade. E, Geraldo, foi constantemente aplaudido.

ALTAR

Em vários Estados, os partidos estão lançando um único candidato, embora a eleição seja para a escolha de dois senadores. A decisão permite que os candidatos ao Senado possam receber votos de outras legendas, que têm outro candidato. A estratégia está sendo chamada de “casamento sem altar”.

ROBINSON

O governador Robinson Faria fez um discurso de candidato vitorioso, mas não era fácil esconder a preocupação com o resultado de uma pesquisa, patrocinada pela FIERN e publicada logo pela manhã. Robinson ficou na 3ª colocação e com elevada rejeição a sua administração.

DESAFIOS

No pronunciamento aos convencionais tucanos, o governador Robinson destacou que desde que entrou na vida pública, em 1986, sempre foi vitorioso; “nunca esmoreci, nunca desisti. Fizemos mais de mil obras em todas as regiões que estão mudando a vida do povo do RN.”

PESQUISA

Para quem ainda não tomou conhecimento da pesquisa realizada pela FIERN/CERTUS poderá acessá-la no site www.fiern.org.br . O questionário é detalhada e mostra não somente os percentuais dos candidatos, mas, também, detalhes que possam influir na decisão do eleitor.

IGREJA

A Igreja católica é a instituição mais confiável para o eleitor, com 50% de referências. O Poder Judiciário, que já esteve em alta, pontuou apenas 8,01%. O Legislativo continua em baixa, com somente 0,99%.

AVALIAÇÃO

A avaliação dos deputados federais é considerada ótima/boa para 7,80%, e ruim e péssima, 44,44%. Em relação aos estaduais, a atuação é considerada ótima/boa para 9,79% e ruim/péssima para 43,12%. Os resultados mostram a descrença para com os atuais representantes no parlamento.

 

SENADORES

A pesquisa identificou isoladamente o desempenho dos três senadores. Fátima Bezerra foi a melhor avaliada, com 34,12% entre ótimo/bom e 25,53% ruim/péssimo. Garibaldi vem em segundo lugar com 21,13% ótimo/bom e 35,60% ruim/péssimo. José Agripino obteve 15,74 de ótimo/bom e 43,83% ruim/péssimo.

LULA

Em relação à pesquisa anterior, realizada em maio/2018, Lula passou de 40,07 para 47,02, Jair Bolsonaro cresceu de 7,73% para 8,16%, Ciro Gomes de 2,98% para 5,39%, Alkmin de 0,85% para 1,06% e Marina caiu de 2,91% para 2,48%.

GOVERNADOR

Para o governo do Estado do Rio Grande do Norte, a senadora Fátima Bezerra aumentou de 25,60% para 29,15%, Carlos Eduardo de 14,54% para 15,39% e Robinson Faria de 5,04% para 6,31.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Notas da Redação

NOTÍCIAS

Com a proximidade das convenções as mídias sociais estão a todo vapor transmitindo ou produzindo notícias que possas chamar a atenção dos eleitores, ou dos próprios candidatos. É o vale tudo que vai ser uma constante na atual campanha eleitoral. É o salve-se quem puder.

SERIDÓ

Geraldo Melo - posse governador
Geraldo Melo – posse governador

 

Sandra Rosado e Larissa Rosado acompanham, hoje, o candidato ao Senado Geraldo Melo a Caicó. Participam da Festa de Santana e aproveitam para contatos com correligionários e amigos da Região do Seridó onde foram votados em eleições anteriores.

CONTATOS

Carlos Eduardo e Kadu Ciarlini, candidatos a governador e a vice, começaram a caminhar juntos, visitando municípios e conversando com as lideranças. Desde ontem estão na Região do Seridó e, em Lagoa Nova marcaram presença em encontro do MDB.

BANCADA

Pelos cálculos até agora projetados a coligação capitaneada pelo PSDB elegerá o maior número de deputados federais e estaduais das próximas eleições. Entretanto, os candidatos não estão fechados em torno dos nomes para as eleições majoritárias de senador e de governador.

PSB

O Partido Socialista Brasileiro está com dificuldades para eleger seus parlamentares. Desde que Rafael Mota assumiu a presidência do diretório estadual, cinco deputados estaduais deixaram a legenda permanecendo apenas o pai, deputado estadual Ricardo Mota.

REJEIÇÃO

As dificuldades do PSB aumentem quando os demais partidos rejeitam coligação com essa legenda, colocando em risco as eleições de Rafael Mota e Ricardo Mota, podendo deixar a família sem mandato eletivo como vem ocorrendo há décadas.

DESISTÊNCIA

O movimento que ensaiou o lançamento de candidatura ao governo do vice-governador Fábio Dantas não vigorou. Não conseguindo unir os partidos de oposição em torno do seu nome, Fábio retirou a candidatura e vai se dedicar à reeleição da esposa, deputada Cristiane Dantas.

REELEIÇÃO

O senador Garibaldi Alves Filho vai perdendo a condição de senador eleito para a de favorito na disputa. A deputada Zenaide Maia e o policial Capitão Stevenson são os responsáveis pela mudança nesse quadro, Entretanto, a maioria dos analistas consideram tranquila a reeleição de Garibaldi.

RESTAURANTE

O restaurante da Assembleia Legislativa volta a ser ponto de encontro de jornalistas, ávidos por notícias das eleições 2018. Depois dos contatos, as informações são colocadas nos blogs, atualizando de imediato os leitores que precisam saber o que está acontecendo no setor.

FÁTIMA

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, representará o ex-presidente Lula na convenção do partido dos trabalhadores, na próxima sexta-feira, quando será homologada a candidatura da senadora Fátima Bezerra ao governo do Estado.

IDOSOS

É o IBGE quem faz a projeção. No Brasil, até 2039, o número de idosos deve ultrapassar o de crianças. Em 2039, a imagem de país jovem irá mudar e em 2060 um quarto da população terá mais de 65 anos e a idade média do brasileiro, nos estados do Sul, chegará a 84,5 anos.

DIMINUIÇÃO

O IBGE também prevê que em 12 estados, entre eles o Rio Grande do Norte, haverá uma diminuição na população. A principal característica dessas unidades da federação é o saldo migratório negativo. No Nordeste, o fenômeno só não acontecerá no estado de Sergipe.