sexta-feira , 19 de outubro de 2018
Home / Opinião / Notas da Redação (page 11)

Notas da Redação

Notas da Redação

FÁTIMA

26139038750_4cfa36f2ab_k (1)

A senadora Fátima Bezerra esteve em Porto Alegre, RS, acompanhando o julgamento do ex-presidente Lula pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região. A senadora é consciente do efeito que esse resultado poderá ter em sua candidatura ao governo do Rio Grande do Norte.

DAVOS
O presidente Michel Temer, na Suíça, ia sendo informado pelos assessores do andamento do julgamento de Lula. Preferiu não emitir opinião sobre o assunto, mas seus acompanhantes não conseguiam esconder a satisfação com o resultado em desfavor de Lua, no TRF-4.

PRESIDENCIÁVEIS
Preferindo a cautela, os presidenciáveis Geraldo Alkmin, PSDB e Rodrigo Maia, DEM, Cristovam Buarque, PPS evitaram comentar a decisão do TRF-4 no caso Lula. Jair Bolsonaro, PSC, festejou o fato. Álvaro Dias e Marina Silva consideraram o julgamento como emblemático.

LULA
Logo após o resultado, Lula declarou que não desiste de sua candidatura e concorrerá ao cargo de presidente da República. No momento, é difícil se fazer uma avaliação de sua real situação política. Somente depois de algumas pesquisas é que as perspectivas serão melhor entendidas.

TRANSFERÊNCIA
Não conseguindo transpor as dificuldades que enfrenta e, por isso, não podendo ser candidato a presidente, o partido dos trabalhadores terá dificuldade em substituir seu líder maior. Dependendo do candidato ao cargo, a transferência de Lula é menor que seus votos pessoais.

MDB
O partido acredita que existe a tendência de lideranças emedebistas mais ligadas a Lula façam o “caminho de volta”, com o MDB apoiando presidenciáveis mais ligados ao centro. Assim, tanto candidatos de extrema direita como os de tendência mais à esquerda perderão apoios.

HOSPITAL
O governador Robinson Faria assinou, ontem (24), ordem de serviço para a construção do Hospital Regional da Mulher, em Mossoró. São R$ 104 milhões, parte do projeto Governo Cidadão, com recursos do Banco Mundial, para construção e compra de equipamentos.

RENÚNCIA
Crescem os rumores de que o governador Robinson Faria renunciará ao cargo até o dia 6 de abril, prazo da Lei Eleitoral para desincompatibilização. Consciente da incapacidade de recuperar a situação do Estado, disputaria, mais uma vez, o cargo de deputado estadual.

VICE
Com a renúncia de Robinson, o vice-governador Fábio Dantas assume o cargo para concluir o mandato, mas sem concorrer à reeleição. O compromisso que Fábio deseja da Assembleia Legislativa é quem depois, seu nome seja indicado para Conselheiro do Tribunal de Contas.

Notas da Redação

SUCESSÃO

Fernando Collor

O senador Fernando Collor de Mello, que derrotou Lula na primeira eleição direta para presidente em 1989, mas que foi afastado por meio de impeachment aprovado no Congresso Nacional, confirmou que será novamente candidato a presidente da República.

DEFENSOR
Mesmo fazendo parte da bancada de oposição ao governador Robinson Faria, o deputado José Dias tem sido um forte defensor do pacote fiscal encaminhado pelo Executivo. Justifica que o momento é de extrema gravidade e, sem as reformas, não será possível a recuperação do RN.

AGRIPINO
José Agripino acompanhou de perto o desfecho do problema político entre Geraldo Melo, ex-presidente de honra do MDB, que pretendia ser candidato ao Senado e Garibaldi Alves. Sem a candidatura de Geraldo, Agripino e Garibaldi repetirão a dobradinha pela reeleição ao Senado.

CANDIDATURA
Quando solicitou afastamento do MDB, como filiado e como Presidente de Honra, Geraldo deixou a interrogação se disputará uma cadeira ao Senado por outra legenda. Depois de seu nome aparecer como 2º colocado em pesquisa estimulada para o governo, alguns partidos estão cortejando o ex-senador.

TEMPO
O curto tempo que resta para a eleição de 2018, em 7 de outubro, dificilmente haverá candidatura capaz de derrotar um dos dois atuais senadores, Agripino e Garibaldi. Somente um “estouro” na candidatura de Fátima Bezerra ao Senado seria capaz de modificar o quadro.

ESCOLHA
O empresário Tião Couto deixou o PSDB alegando falta de espaço político. A primeira exigência foi o rompimento do partido com o governador Robinson Faria. Não foi atendido. Procurou as lideranças nacionais e também não foi ouvido. Deixou o tucanato e assinará ficha em outro partido.

ESCLARECIMENTO
O Governo do Estado teve o cuidado de esclarecer que a demissão de 86 servidores da UERN não faz parte do pacote fiscal “RN Urgente”. Os 900 servidores que serão demitidos estão entre os cargos comissionados e celetistas. As demissões da UERN foram determinadas pelo STF.

INVERNO
As últimas chuvas caídas em todas as regiões do Rio Grande do Norte têm animado os agricultores que não suportariam mais um ano em regime de estiagem. As chuvas também confirmam as previsões da Emparn que falam em inverno igual ou superior aos anteriores.

PAGAMENTO
Enquanto a Assembleia discute o pacote de reformas encaminhado pelo Executivo, o Governo do Estado avisou que em 6 de fevereiro encerrará o pagamento dos servidores, referente ao mês de dezembro. Estão em dia os servidores da educação e os da administração indireta.

ILUMINAÇÃO
O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio, instituiu o programa “Luz pela Paz”. As lâmpadas comuns serão substituídas por lâmpadas de vapor de sódio’, luminárias de LED com o objetivo de melhorar a iluminação pública e garantir mais segurança ao cidadão.

ROBOT
Os cientistas estão construindo um robot, o “ Medidor de Poder”, uma base de dados que reúne informações sobre leis, o patrimônio dos políticos, as doações recebidas pelas campanhas, os projetos de lei já propostos e os gastos com cotas e emendas parlamentares.

LULA
Mossoró participará do movimento nacional em defesa da candidatura de Lula, com a instalação do Comitê Popular em Defesa da Democracia e do Direito de Lula ser candidato, segunda-feira (22), na Praça Rodolfo Fernandes.

Notas da Redação

SUCESSÃO
A tensão política está atrasando o andamento das eleições de 2018. Além do que se observa em nível nacional, o Rio Grande do Norte convive com uma das maiores crises, tanto na área administrativa quanto na política, imobilizando as lideranças responsáveis por esses setores.

RETROVISOR
O eleitor não aceita mais as justificativas de governantes que responsabilizam os antecessores pelo caos que administram. Na pior das hipóteses, eles teriam a responsabilidade de, pelo menos, evitarem que a situação se transformasse em calamidade.

CRÍTICA
Ontem, no programa Repórter 98, apresentado por Felinto Rodrigues, o senador José Agripino foi perguntado sobre a diferença entre a Paraíba, sempre bem no aspecto político- administrativo e o RN, em crise permanente. Resposta: “a sucessão de bons governantes”.

DEMISSÕES

José-Agripino-Maia-960x733

José Agripino lembrou que encontrou o Rio Grande do Norte em situação crítica quando assumiu o governo pela primeira vez. Foi obrigado a adotar medidas antipáticas para superar a situação, entre elas, a demissão de 4.000 (quatro mil) funcionários, de uma só vez.

AUTORIZAÇÃO
A Assembleia Legislativa aprovou, ontem, o Governo do Estado sacar recursos do Fundo Previdenciário. Foram 14 votos favoráveis e 9 contráris. O dinheiro restante do Funfir está em aplicações a vencer e somam cerca de R$ 400 milhões, para reposição em 2040.

VOTOS
Votaram contra a autorização do saque do fundo previdenciário os deputados estaduais Carlos Augusto (PSD), Fernando Mineiro (PT), George Soares (PR), Getúlio Rêgo (DEM), Gustavo Fernandes (MBD), Hermano Morais (MDB), Kelps (SDD), Larissa Rosado (PSB) e Márcia Maia.

ROMPIMENTO
Depois da conversa com o senador Garibaldi Filho, Geraldo Melo entendeu que não havia interesse do seu partido, o MDB, em sua candidatura ao Senado. Por conta disso, anunciou sua desfiliação ao partido e buscará outra legenda que se interesse por seu projeto político.

TIÃO
O empresário Tião Couto comunicou pessoalmente ao deputado Ezequiel Ferreira de Souza, presidente do PSDB, que pedirá desfiliação do partido. Mesmo sem definir o cargo que pretende disputar, Tião procura um partido que lhe ofereça mais liberdade de decisão.

ESPAÇO

Se os empresários estão com sede de política, os políticos estão desejosos de empresários que queiram disputar cargos eletivos. Roberto Luis Barcelos, maior produtor mundial de melão, está sendo cortejado por todos partidos políticos do RN para ser candidato ao Senado.

EDUCAÇÃO
O presidente Michel Temer assinou liberação de R$ 21,7 milhões para o fortalecimento e ampliação de vagas nas escolas estaduais de ensino médico em tempo integral. Os recursos fazem parte do Programa de Fomento às Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral.

VEJA
Lula ocupa a capa da revista de maior circulação nacional. A veja traz a foto dos três juízes que julgarão Lula e sentencia: “Lula, na um passo do abismo. Quem são e o que pensam os três juízes que irão decidir o futuro do ex-presidente da República.
¬¬

Notas da Redação

RESPOSTA
A assessoria do senador Garibaldi Filho enviou nota sobre comentários divulgados nesta coluna sobre destinação de emendas parlamentares para a cidade de Mossoró, que divulgamos na íntegra o seu teor:
“A conversa reproduzida pelo blog não ocorreu. A própria prefeita Rosalba Ciarlini e a população de Mossoró conhecem o meu compromisso com a cidade. Continuarei ajudando Mossoró como sempre fiz.

Destaco que aloquei no Orçamento de 2018 quase R$ 6 milhões para a construção do hospital universitário da UFERSA. Esse hospital deverá atender às necessidades não apenas de Mossoró, mas de toda a região.

Observo ainda que, no final do ano passado, destinei R$ 10 milhões para obras hídricas a cargo do Ministério da Integração Nacional, sobretudo as da transposição do São Francisco. ”
Garibaldi Filho.

EXONERAÇÃO
O Diário Oficial do estado publica, em sua edição de hoje, a exoneração de 86 servidores da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, cumprindo decisão do Supremo Tribunal Federal. Em ação paralela o governo estadual realiza auditoria na folha de pagamento da UERN.

EMPRÉSTIMO
No Diário Oficial da União foi publicado a relação dos governos estaduais e prefeituras que estão impossibilitados de contratar novas operações de crédito com a garantia da União. O Rio Grande do Norte, que pleiteou empréstimo da União para pagar salários de servidores está na lista.

ASSEMBLEIA
Está previsto para hoje a votação de três dos projetos que fazem parte do pacote de ajuste fiscal enviado pelo Governo do Estado; a venda de ações da Potigás, novos saques nas aplicações do Fundo Previdenciário e a reestruturação da Fundação Estadual da Criança e do Adolescente.

CARNAVAL
O Ministério Público recomendou a suspensão de gastos com carnaval nos municípios de Tibau, Grossos e Areia Branca, caso as administrações não consigam pagar o salário dos servidores que estão em atraso. Resta a opção do patrocínio pela iniciativa privada.

IRANEIDE
Quanto à Areia Branca, a prefeita do município, Iraneide Rebouças, informou que os salários dos servidores estão rigorosamente em dia e que a equipe de eventos do município está garantindo o sucesso na Capital da Folia da região da Costa Branca.

GREVE
Está difícil o entendimento entre os servidores estaduais da Saúde e o Governo. As propostas para a suspensão da greve não foram aceitas, nem mesmo a antecipação do pagamento dos salários referentes a janeiro 2018. Sexta-feira próxima está marcado apagão no Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró.

REAJUSTE
Os preços do gás de cozinha somente serão reajustados a cada três meses. O anúncio foi feito pela Petrobras que justificou a medida como uma maneira de “suavizar” os repasses da volatilidade dos preços ocorridos no mercado internacional para o preço doméstico.

VOTAÇÃO
Mesmo não acreditando na possibilidade de vitória, os partidos da base aliada pretendem votar a reforma da Previdência (PEC217/16) no dia 19 de fevereiro, no Plenário da Câmara. Em seguida entrará em debate a reforma tributária.

TSE
Foi encerrada ontem, no Tribunal Superior Eleitoral, a lacração e assinatura digital dos sistemas eleitorais que serão utilizados nos municípios que tiveram registros de candidaturas indeferidos e nas eleições que ocorrerão em 2018.

Notas da Redação

DIMINUIÇÃO
A cada reunião com o presidente Temer é anunciado um valor menor na ajuda a ser enviada ao RN. Começou com 900 milhões, passou para 600 milhões, e terminou com R$ 400 milhões, isso se a Assembleia Legislativa aprovar as reformas propostas pelo governador.

INDECISÃO
Depois de cancelar a realização do concurso público de praças da Polícia Militar, alegando falta de recursos, o governo republicou, no Diário Oficial de ontem, edital para realização desse mesmo concurso. Havendo disponibilidade financeira, foi um grande equívoco do Governo.

ESCLARECIMENTO
O deputado Ezequiel Ferreira de Souza fez questão de esclarecer, em pronunciamento divulgado nas redes sociais, que nas mensagens de ajuste fiscal encaminhadas pelo governador Robinson Faria não consta a demissão de servidores.

DESLIGAMENTO
O empresário Tião Couto reafirmou que vai trocar o PSDB, partido ao qual é filiado, por outra legenda. Antes, condicionou sua permanência na sigla ao rompimento com o governador Robinson Faria, o que não aconteceu. Considera-se desprestigiado pela direção partidária.

EMPRESÁRIOS
Tião Couto, Jorge do Rosário e Marcelo Rosado fazem parte do núcleo empresarial que, a partir de Mossoró, pretende mudar os rumos da política potiguar. Embora de origem empresarial, o grupo cita o ex-deputado federal João Maia como uma de suas lideranças.

TROCA
O modo de agir o mesmo em toda parte. O PSD estadual apoia o governador Robinson Faria e aprova as reformas por ele propostas à Assembleia. Como o deputado estadual Carlos Augusto divergiu do partido, foi substituído, na Comissão de Justiça, pelo deputado Galeno Torquato.

CIRURGIA
O vigário geral de Mossoró, padre Flávio Augusto de Melo, foi submetido a cirurgia na cidade de Fortaleza e passa bem. Em poucos dias o padre Flávio estará retornando a Mossoró, reassumindo suas funções diocesanos. Os amigos torcem para que a recuperação seja rápida.

EXAGERO
A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, considerada uma das maiores amigas do ex-presidente Lula, surpreendeu ao dizer que desconsidera a hipótese dele ser preso; “para prender Lula vai ter que prender muita gente, mas, mais do que isso, vai ter que matar gente”.

CAUTELA
O presidente do TRF-4, desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores esteve ontem, em Brasília, com a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia. Quer garantir a segurança dos magistrados que farão o julgamento de Lula.

AUSÊNCIA
Os petistas estranham o silêncio de antigos aliados, como o PDT e o PSB que já informaram que não participarão das mobilizações petistas pela absolvição e candidatura de lula. “Justiça não se decide no enfrentamento nas ruas e sim nos tribunais”, avisaram.

EMPREGOS
A recuperação da atividade economia no país impulsionará o ritmo de contratações e deverá criar pelo menos 1 milhão de empregos em 2018. O setor de serviços e a indústria devem liderar o processo de contratação ao longo do ano. Entre 2015 e 2016 o brasil fechou cerca de 3 milhões de vagas formais de trabalho.

Notas da Redação

RECEPÇÃO

rosalba

Em tempo de veraneio, hoje será a vez da prefeita Rosalba Ciarlini abrir as portas de sua residência para receber vereadores, amigos e lideranças políticas, numa confraternização que tem tudo para render uma boa conversa política. A prefeita tem se mantido silente em relação ao apoio a candidatos ao governo e ao Senado.

CANDIDATURAS
A sucessão estadual foi discutida durante um certo período como tendo três prováveis candidatos ao governo. O governador Robinson Faria seria candidato à reeleição, concorrendo com a senadora Fátima Bezerra e o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves. Essa foi a primeira projeção imaginada.

ELIMINAÇÃO
A candidatura de Robinson à reeleição foi sendo destruída à medida que aumentava a crise em sua administração. Com mais de 80% de rejeição, não existe a mínima possibilidade de recuperação política nos poucos meses que restam para a escolha do futuro governador do Rio Grande do Norte.

INDECISÃO
Fátima Bezerra e Carlos Eduardo passaram a representar os prováveis candidatos com chances de vitória, talvez, até mesmo em um primeiro turno. A indecisão do prefeito de Natal em assumir a própria candidatura contribuiu para a descrença sobre se realmente estaria disposto a ser candidato ao governo.

CAUTELA
A senadora Fátima Bezerra ocupa a primeira posição em todas as pesquisas eleitorais realizadas até esta data. Avança com cuidado, consciente que precisa conquistar larga parcela da classe média potiguar, além da expectativa do que poderá atingir o PT após o julgamento do ex-presidente Lula no TRF-4.

PMDB
Henrique Alves sempre foi, após a morte de Aluísio, o maior baluarte do PMDB. Garibaldi pode ser o maior eleitor do partido, mas Henrique é o seu principal articulador político. O PMDB apoia a candidatura de Carlos Eduardo (PDT), mas este exige a garantia de que não haverá retrocessos durante a campanha.

EZEQUIEL
No caso de Carlos Eduardo Alves não concorrer ao governo do Estado, o nome de Ezequiel Ferreira de Souza, presidente da Assembleia Legislativa, é o mais cotado para assumir essa disputa. Ezequiel reafirma que seu projeto político é concorrer à reeleição, mas não se recusará a assumir a candidatura.

EMPRESÁRIOS
Setores do empresariado acreditam que substituirão os políticos tradicionais nas próximas eleições, apostando em novo discurso para o desempenho nos cargos que, acreditam, serão eleitos. A equação não é tão fácil de resolver até porque, suas candidaturas dependem de filiação a um partido político

SENADO
O senador Garibaldi Alves não parece muito entusiasmado em repetir a dobradinha com o senador José Agripino, na luta pela reeleição. Ao que parece, o ex-governador Geraldo Melo também não é o seu nome preferido. A escolha poderá ser o empresário Luiz Roberto Barcellos, da vitoriosa empresa Famosa.

LÍDERES
Existe uma plêiade de nomes, vitoriosos na área empresarial, vontadosos em ajudar aos seus Estados, também na área política. Resta saber se será possível formar um partido contando com a participação de Flávio Rocha, Tião Couto, Luiz Roberto, Marcelo Alecrim, Amaro Sales e outros do mesmo setor.

RENOVAÇÃO
Quando se fala em renovação acredita-se que o eleitor quer mudar o voto da eleição anterior. No caso do Senado, a disputa será com José Agripino e Garibaldi Alves, ex-prefeitos de Natal, ex-governadores do RN e senadores há vários mandatos. É possível derrota-los, mas não será fácil construir essa vitória em menos de nove meses.

ASSEMBLEIA
As mensagens do governador Robinson Faria enviadas à Assembleia Legislativa ainda não serão votadas na sessão de hoje. Nesta terça-feira haverá somente a leitura das mensagens aprovadas nas Comissões para votação nas próximas sessões, sendo grande a expectativa dos servidores públicos sobre o resultado final.

Notas da Redação

ELEIÇÕES

Parlamentares do partido dos trabalhadores acompanham com interesse o processo de julgamento do ex-presidente Lula, dia 24, no Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Sem Lula na campanha, haverá dificuldades para reeleição ou eleição de novos representantes.

UNIÃO
Forçado pelas circunstâncias, o governador Robinson Faria foi obrigado a sair do isolacionismo político a que estava acostumado e convidou bancadas federal e estadual e representantes do Judiciário. Constatou o óbvio que é a possibilidade de unir Forças quando se trata de defender o RN.

DIFICULDADE
Para se ter uma ideia do tamanho das dificuldades, somente no item referente a folha de pagamento o Estado precisa reduzir cerca de R$ 90 milhões. Hoje, a folha bruta é de R$455 milhões, sendo R$ 219 milhões com os ativos, de onde essa importância terá de ser retirada.

PARTIDO
É possível que surja algum fato novo, pois em política, tudo é possível. No momento, o mais provável é que a vereadora Sandra e a deputada Larissa Rosado permaneçam filiadas ao PSB. De qualquer forma, até o mês de abril poderão tomar posição diferente.

RESULTADO
O senador Garibaldi Alves ficou satisfeito com o encontro com correligionários, em Tibau, na residência da vereadora Izabel Montenegro. Não conseguiu o apoio oficial da prefeita Rosalba Ciarlini, mas teve oportunidade de reatar o diálogo com lideranças políticas da região.

OPINIÃO
O desembargador Cláudio Santos, pretenso candidato ao governo do Estado, declara que a greve dos policiais foi um movimento político. Com os salários em dia, o desembargador não passa pela triste experiência de ficar sem dinheiro para manutenção da própria família.

TIBAU
Depois das presenças do senador Garibaldi Alves, deputado federal Walter Alves e dos deputados estaduais Ezequiel Ferreira e Gustavo Carvalho, espera-se a vinda da senadora Fátima Bezerra e da deputada Zenaide Maia. Os amigos preparam a recepção.

ÁGUA
As poucas chuvas caídas no RN foram insuficientes para o aumento do volume d´água nos reservatórios. Na última sexta-feira, o Instituto de Gestão de Águas do Estado, Igarn, detectou que o nível da barragem Armando Ribeiro Gonçalves caiu de 11,74% para 11,5%.

APAGÃO
A população voltará a sofrer as consequências da greve dos servidores da saúde. A partir de amanhã, 15, às 6 horas, os atendimentos médicos no Hospital Walfredo Gurgel serão reduzidos aos casos de urgência e emergência. A triagem será feita por uma equipe médica.

CANDIDATURA
Está decidido. Qualquer que seja o resultado do julgamento no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre, a candidatura do ex-presidente Lula será lançada no próximo dia 25. Mesmo sujeita a impugnação, o PT não tem outro nome. É Lula até o fim.

HISTÓRIA
Os historiadores Geraldo Maia e Wilson Moura contribuem para a história de Mossoró e Rio Grande do Norte, com publicações no site deste jornal. Hoje, Geraldo aborda o tema “Os rastejadores no serão Nordestino”, enquanto Wilson, “O passado de uma gente que fez história”

Notas da Redação

CENTENÁRIO

Vingt Rosado

A coluna registra, hoje, o centenário de Jerônimo Vingt Rosado Maia, considerado pelo ex-governador Cortez Pereira como a maior vocação política que o Rio Grande do Norte já teve. Vingt, como era chamado, dedicou toda sua existência a trabalhar em favor do RN e sobretudo por Mossoró.

FÁBIO
O vice-governador Fábio Dantas tem sido o principal articulador no processo de votação dos projetos de lei encaminhados à Assembleia Legislativa pelo governador Robinson Faria, pelo fato de estar desgastado junto aos deputados estaduais, como é o caso de Robinson.

PRESSÃO
O presidente Temer é acusado de negociar liberação de emendas parlamentares em troca de votos no Congresso Nacional. No RN, há denúncias de deputados estaduais sendo ameaçados com a retirada de apoios políticos nos municípios e demissão de indicados para cargos de confiança.

SINDICALISTAS
No auge das manifestações, um telefonema vindo da Governadoria para alguns líderes sindicais esfriou o calor da manifestação. Caso não se retirassem, juntamente com a claque barulhenta, ¬¬¬¬¬perderiam as funções gratificadas que ocupam no Governo. O efeito foi imediato.

SURPRESA
O governador Robinson Faria mostrou-se surpreso com os votos contrários à convocação extraordinária da Assembleia dos deputados Larissa Rosado, Márcia Maia, Fernando Mineiro e Carlos Augusto, este, da bancada situacionista na Assembleia Legislativa.

CARLOS
O deputado estadual Carlos Augusto, correligionário e filiado ao mesmo partido político do governador, votou com a oposição. O Diário Oficial do Estado deverá publicar, ainda hoje, a demissão de todos os cargos indicados pelo deputado, quando correligionário do governo.

LARISSA
Em relação à convocação extraordinária, a deputada Larissa Rosado pode tomar suas posições com total independência. Não possui vínculos com a administração Robinson Faria e votará conforme sua consciência. Larissa tem sido intransigente defensora da Universidade Estadual.

FILIAÇÃO
Parece decidido que o vice-governador Fábio Dantas e a deputada Cristiane Dantas não terão o PSD, partido do governador Robinson, como escolha para filiação partidária. Fábio prefere ¬¬–assumir a direção estadual de outra legenda, com independência para tomar decisões futuras.

UERN
Nos corredores da Universidade Estadual comenta-se que a pressão exercida pelo Governo se deve ao fato da indicação dos cargos comissionados serem de exclusiva indicação dos meios universitários. Fossem indicação do governador o caso seria visto por um ângulo diferente.

EDUCAÇÃO
A secretaria de Educação determinou a abertura de sindicância para averiguar denúncias de que professores da rede estadual não estavam cumprindo o horário, mas dividem o salário com outros professores que, de fato, são os responsáveis pela ministração das aulas.

GARIBALDI
O senador Garibaldi, esteve ontem, em Tibau, sendo recepcionado pela vereadora Izabel Montenegro. Concedeu entrevistas e reafirmou o apoio à reforma da Previdência proposta pelo presidente Temer e, também, às mensagens enviadas à Assembleia pelo governador Robinson Faria.

WALTER
O deputado federal Walter Alves acompanhou o pai, senador Garibaldi, na visita que fez a Tibau. Dizem que prefere outro candidato a governador que não Carlos Eduardo; o palanque ficaria pesado com candidatos a senador, governador, deputado federal e deputado estadual da família Alves.

SEGURANÇA
Embora não se fale em tranquilidade, os senadores José Agripino e Garibaldi acreditam que o pouco tempo que falta para a eleição é fator de mais segurança para suas reeleições. Somente um crescimento excepcional da candidatura Fátima Bezerra ao governo poderia alavancar outros nomes, como o da deputada Zenaide Maia.

Notas da Redação

ASSEMBLEIA

alern

Os deputados estaduais do RN agiram certo ao negar tramitação em regime de urgência de projetos de ajuste fiscal encaminhados pelo governador Robinson Faria. Pela importância das matérias não seria prudente a aprovação sem aprofundamento do debate.

MANIFESTANTES
Servidores públicos estaduais não puderam acompanhar a sessão do plenário nas galerias da Assembleia. Temendo que a sessão fosse tumultuada, a Mesa Diretora proibiu o acesso e, ainda fora do prédio da Assembleia, hostilizaram deputados simpáticos às medidas.

TRAMITAÇÃO
Entende-se que o governador tinha conhecimento de tudo que poderia acontecer, mas optou por outros meios mais fáceis, como o saque de recursos do Fundo da Previdência. Esgotada a fonte, os problemas continuaram minando a economia estadual que chegou ao ponto em que se encontra atualmente.

VOTOS
Quatro deputados estaduais votaram contra a aprovação do regime de urgência dos projetos encaminhados pelo executivo estadual, Fernando Mineiro, Márcia Maia, Larissa Rosado e Carlos Augusto.

PCdoB
O voto da deputada Cristiane Dantas (PCdoB), favorável às mensagens encaminhadas à Assembleia Legislativa pelo governador Robinson Faria, é a prova de que o seu marido, vice-governador Fábio Dantas, não acompanhará seu partido no rompimento com o governo.

PARTIDO
A bem da verdade, o vice-governador Fábio Dantas e sua esposa, deputada estadual Cristiane Dantas nunca foram comunistas nem tinham o controle do diretório estadual. Vários partidos já estão lhes oferecendo legenda. Os dois terão simplesmente escolher qual a melhor opção.

MOTIVO
Os dirigentes do PCdoB procuravam motivo para o rompimento com Robinson Faria, optando por participar da coligação de apoio à candidatura da senadora Fátima Bezerra ao governo. A extinção da Secretaria de Esportes, dirigida por um dos seus membros veio bem a calhar.

PAGAMENTO
O governador Robinson Faria reafirma o compromisso de pagamento hoje, 12, aos servidores da Segurança – policiais civis, militares e bombeiros, além de agentes penitenciários ligados à pasta da Justiça e Cidadania. As demais categorias, inclusive médicos, terão que esperar fluxo de caixa.

GARIBALDI
O senador Garibaldi Alves Filho estará hoje em Tibau. Será recepcionado pela presidente da Câmara, vereadora Izabel Montenegro que agendou uma série de contatos entre amigos e admiradores do senador, que busca reorganizar seus apoios para sua candidatura à reeleição.

DECLARAÇÃO
A declaração de apoio de Garibaldi ao governador Robinson, classificando as medidas de ajuste fiscal anunciadas como “inevitáveis”, deixa seus amigos preocupados. No primeiro momento, os servidores públicos estaduais não aceitam a imposição das medidas propostas.

ENTREVISTA
O vereador Rondinelle Carlos será o entrevistado de hoje no programa Observador Político que, no mês de janeiro, está sendo apresentado na FM 93, Rádio de Resistência de Mossoró. Após o dia 15 de janeiro deverá retornar a apresentação também na TV Mossoró.

CARNAVAL
A Prefeitura de Mossoró anunciou que não patrocinará os festejos carnavalescos entre os dias 10 e 14 de fevereiro, alegando questões de segurança pública. É claro que a situação financeira também recomenda o máximo de economia no que pode ser considerado supérfluo.

Notas da Redação

EXPECTATIVA
Acabou a greve da polícia. A população espera que a violência e a criminalidade diminuam no Rio Grande do Norte. Além do pagamento dos salários em dia, o governador promete investir mais no setor e garantir melhores condições de trabalho aos que atuam na segurança pública.

DESENTENDIMENTO
O empresário Tião Couto, vice-presidente estadual do PSDB, entrou em rota de colisão com outros dirigentes estaduais, como o presidente do diretório estadual, deputado estadual Ezequiel Ferreira e o deputado federal Rogério Marinho. Até abril mudará de legenda.

INTERESSES
De início, a direção estadual estimulou Tião a disputar o cargo de governador do Estado, pois uma candidatura a deputado federal prejudicaria a reeleição do deputado Rogério Marinho. A ideia não avançou, pois, o empresário mossoroense não teria o controle do seu futuro político.

ROMPIMENTO
No final de 2017, Tião Couto fez um alerta aos dirigentes estaduais do seu partido. Exigiu o rompimento do PSDB com o governador Robinson Faria, condição para continuar filiado à legenda. Isso não acontecendo, preveniu, assinaria em partido onde fosse ouvido.

NACIONAL
O empresário Tião Couto avisou que mudará de partido, mas, antes, procurará contato com a direção nacional do partido, sobretudo com o governador Geraldo Alkmin. Será difícil vencer a queda de braça anunciada entre um deputado federal e outro deputado estadual.

NOME

Patrícia
A apresentadora Patrícia Abravanel, filha de Silvio Santos e casada com o deputado federal Fábio Faria, revelou em seu Instagram que fez um sorteio para escolher o nome da filha do casal: “vou na fé que o nome da milha é Jane”, escreveu.

PRAZO
No dia sete de abril de 2018 termina o prazo para os candidatos estarem filiados a um partido político. A regra é válida também para os que desejam trocar de legenda, o que oferece uma certa tranquilidade aos candidatos que estejam insatisfeitos com seus partidos políticos.

COMPOSIÇÕES
Definido o nome da senadora Fátima Bezerra como candidata ao governo, falta saber quem será seu concorrente principal. A possibilidade de Robinson Faria disputar a reeleição parece =não existir mais e muitos já duvidam da candidatura do prefeito Carlos Eduardo a esse cargo.

ESPERANÇAS
As primeiras chuvas chegam ao Rio Grande do Norte num momento crítico, com 16 cidades em colapso de abastecimento. As previsões meteorológicas apontam para um bom inverno em 2018, mas a situação de calamidade no abastecimento exige a chegada imediata das chuvas.

QUESTIONAMENTOS¬
O que está acontecendo n¬¬o Brasil, onde um juiz federal de 1ª instância torna sem efeito um ato de nomeação de um ministro pelo presidente da República? Ou ainda, onde a presidente do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia é impedida pelas facções de visitar um presídio, ¬¬ em Goiás?
.
REAJUSTE
Aposentados e pensionistas do INSS que ganham acima do salário mínimo terão o menor reajuste em seus benefícios desde a implantação do Plano Real. Com efeito retroativo a 1º de janeiro, o aumento será de apenas 2,07%.

CANDIDATURA
O deputado Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados que chegou a afirmar não ter tamanho suficiente para disputar a presidência da República, mudou de ideia. No dia 28 de fevereiro, na convenção nacional do DEM que será apresentado como candidato ao Planalto.