sexta-feira , 15 de dezembro de 2017
Home / Opinião / Notas da Redação

Notas da Redação

Notas da Redação

PESQUISA

Diretor da Consult, Paulo de Tarso, apresentou a pesquisa na reunião da Diretoria da FIERN, na Casa da Indústria
Diretor da Consult, Paulo de Tarso, apresentou a pesquisa na reunião da Diretoria da FIERN, na Casa da Indústria

A Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte, por intermédio do seu presidente, Amaro Sales de Araújo, divulgou pesquisa elaborada pela Consult, analisando questões políticas e administrativas do estado. Os números revelados mostram algumas mudanças importantes.

DESGASTE
A opinião sobre as administrações do presidente Michel Temer e Robinson Faria não chega a surpreender por serem fáceis de detectar no contato direto com os cidadãos. Enquanto o presidente amarga uma rejeição de 89,29% o governador é desaprovado por 85,24%.

SURPRESA
No quesito, para a eleição de 2018 é mais fácil votar para Governador ou Senador, em um dos atuais políticos por já conhecer, ou em um candidato novo, empresário ou pessoa de influência que não esteja atuando na política” 52% responderam afirmativamente.

OPOSIÇÃO
Para as eleições de governador e senador, a projeção maior ficou com duas mulheres, a senadora Fátima Bezerra e a deputada federal Zenaide Maia, com os eleitores justificando o voto pela posição das duas nas votações contrárias aos projetos do presidente Michel Temer.
ELEIÇÃO
É sabido que pesquisa é a fotografia do quadro do momento em que está sendo avaliada. Contudo, os senadores José Agripino e Garibaldi Alves devem ficar atentos ao crescimento da candidatura Zenaide Maia ao Senado, ameaçando derrotar um dos dois senadores em 2018.

FÁTIMA
A senadora Fátima aparece nas pesquisas como candidata favorita ao governo. Está em campanha há meses, enquanto o prefeito Carlos Eduardo permaneceu acomodado todo esse tempo, somente agora dando sinais que pretende disputar o governo nas próximas eleições.

NÚMEROS
Na pesquisa estimulada, Fátima Bezerra tem 20,29%$ contra Carlos Eduardo com 11,41. Flávio Rocha, que não é candidato, ficou em terceiro com 6,59% e Robinson Faria, 5%. Também foram votados o desembargador Cláudio Santos, 2% e Tião Couto, 1,41%.

EMPATE
Como são duas vagas para o Senado, a pesquisa quis saber sobre o primeiro e o segundo voto dos eleitores. Para a primeira vaga, Garibaldi tem 15,76%, Zenaide, 12,12% e José Agripino 6,94%. No segundo voto, Agripino, 6,18%, Garibaldi, 3,12%, e Zenaide Maia, 3,12%.

DEERROTA
Repetindo que essa projeção, que tende a ser modificada até o dia da eleição, observa-se que o percentual de votos da deputada Zenaide Maia ultrapassando as do senador Agripino. Somando os votos de primeira e segunda intenções, JÁ fica com 13,12% e ZM com 15,24%.

DESAGRADO
Os peemedebistas tradicionais não escondem a decepção com a atuação do deputado federal Walter Alves. Não é apenas em relação à situação desconfortável em que se encontra o ex-ministro e ex-deputado Henrique Alves, mas ao relacionamento dentro do próprio PMDB.

RISCO
De acordo com as mesmas fontes, o comportamento do deputado Walter poderá refletir na candidatura à reeleição do seu pai, senador Garibaldi Alves, que tem a seu favor, o carisma pessoal e a simpatia do eleitor que, há anos, vem sufragando o seu nome.

UPA
Equipe do ministério da Saúde visitou, ontem, as instalações da Unidade de Pronto Atendimento do bairro Belo Horizonte, UPA-BH. É o primeiro passo para oficialização de convênio com a prefeitura municipal, até hoje, responsável pela manutenção do serviço.

Notas da Redação

TASSO
Mossoró dá seu adeus, hoje (14) ao empresário e político Tasso Rosado, falecido há dois dias, em São Paulo. Em 74 anos de existência, Tasso fixou residência na cidade, constituiu família, foi empresário vitorioso e, durante um período, ocupou uma cadeira no Senado da República.

PRESENÇA
O sepultamento de Tasso acontecerá às 10:OO, com o féretro saindo da Igreja de São Vicente. Os senadores José Agripino e Garibaldi Alves, além de deputados federais e estaduais, prefeita de Mossoró e, sobretudo, o grande número de amigos, participarão da cerimônia fúnebre.

PADROEIRA
A Comissão da Festa de Santa Luzia surpreendeu os fieis que compareceram ao encerramento da festa, na noite da terça-feira (12), com os tradicionais hinos religiosos que sempre foram entoados em louvor à Santa Luzia sendo substituídos por ritmos populares, como o forró.

APROVAÇÃO
Quem considerava o bispo da Diocese de Mossoró, Dom Mariano Manzana, um padre da linha conservadora, pode constatar que o prelado está aberto à mudanças que podem representar o sentimento de mudanças por parte dos católicos de Mossoró, autorizando a linha instituída pelo padre Flávio de Melo.

WALDONYS
Após a mensagem final de Dom Mariano e descerramento das bandeiras no adro da Catedral, foi a vez de Waldonys apresentar o seu show. O artista identifica-se bem com os mossoroenses e, além de compositor e cantor, é sanfoneiro e piloto acrobático.

TCU
O governador Robinson Faria pode comemorar a aprovação de medida pelo TCU que poderá retirar a administração do sufoco financeiro do momento. O Tribunal aprovou medida que possibilita a transferência extraordinária de recursos da União para socorro financeiro aos Estados.

PAGAMENTO
Com o reforço de caixa que poderá chegar ainda este ano será possível colocar em dia o pagamento dos servidores públicos que se encontram em atraso, havendo ainda possiblidade de investimento em alguns setores da saúde, segurança e educação.

JULIANNE
Prossegue o desligamento político da primeira-dama Julianne Faria após desentendimento com o governador Robinson. Ontem, entregou e presidência do PSD Mulher no RN e pediu desfiliação do partido que é presidido pelo seu marido, em nível estadual.

RÉU
O senador José Agripino chegou a acreditar que o STF não receberia a denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o acusando de recebimento de propina relacionada às obras de construção da Arena das Dunas, em Natal. Enganou-se. Virou réu.

REFORMA
O presidente Temer considera que fez seu trabalho em relação à tentativa de reforma da Previdência. Não conseguindo aprová-la, a consequência por essa decisão cairá nas mãos do futuro presidente da República. Em janeiro de 2018 pretende apresenta proposta de Reforma Tributária.

LULA
Corre, em ritmo acelerado, o processo contra o ex-presidente Lula no Tribunal Federal da 4ª Região, TRF-4. A expectativa geral é que a condenação do juiz Sérgio Moro será confirmada esse constituirá em percalço para uma possível candidatura de Lula à presidência da República.

Notas da Redação

FESTA
Mossoró viverá, amanhã (13), sua maior festa religiosa, que também é a maior do estado e a que traz maior número de turistas à cidade. Mais de 100 mil pessoas acompanharão, em procissão, a imagem da santa padroeira pelas ruas da cidade, encerrando período de 10 dias de festividades.

ZENAIDE
É preciso prestar atenção na movimentação da deputada federal Zenaide Maia pelas cidades do RN. A posição de Zenaide contra os projetos de lei encaminhados ao Congresso pelo presidente Temer tem-lhe rendido pontos positivos, com aplausos por onde quer que passe.

PROCISSÃO
A deputada Zenaide aproveitou a festa de Santa Luzia para testar sua popularidade. Aplaudida no interior da Igreja Matriz, ainda ganhou elogio público do padre oficiante da cerimônia. Gostou, e volta amanhã para acompanhar a procissão.

AUDIÊNCIA
Finalmente, o governador Robinson Faria vai receber os professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. A audiência está marcada para a próxima sexta-feira, quando os professores apresentarão suas reivindicações, sobretudo o pagamento em dia dos salários.

CANDIDATURA
Quando admitiu disputar o cargo de senador, Zenaide parecia estar procurando uma solução para o fato do irmão, ex-deputado João Maia, anunciar sua disposição em disputar a reeleição, mas terminou ganhando a simpatia de parte da população que poderá apoiá-la numa disputa pelo Senado.

REELEIÇÃO
Ninguém discute que os atuais senadores, Garibaldi Alves e José Agripino são fortes candidatos com nomes conhecidos por terem disputado eleições para prefeito, deputado estadual, governador e senador da República, mas há quem aposte que os tempos estão diferentes.

INDEFINIÇÃO
O quadro político para 2018 caracteriza-se pela indefinição, sobretudo no que diz respeito aos nomes que disputarão o governo do Estado. Os candidatos estão cautelosos e as alianças que serão efetivadas não estão previamente formadas, como acontecia em eleições anteriores.

CANDIDATURAS
Além do nome da deputada Zenaide como postulante ao Senado, o vice-governador Fábio Dantas, o deputado Ezequiel Ferreira e o empresário Tião Couto e o desembargador Cláudio Santos se articulam para que seus nomes sejam avaliados para disputa de candidaturas majoritárias.

FLÁVIO
O ministro do trabalho, Ronaldo Nogueira, esteve em Natal, ontem e, além da audiência com o governador Robinson Faria, fez questão de acompanhar os empresários Nevaldo e Flávio Rocha em visita às instalações da Confecções Gurarapes, maior empregador privado no RN.

MOSSORÓ
A cidade se encontra nessa situação de imprevisibilidade em relação às eleições majoritárias. É difícil saber quem estará com quem, ou seja, como estarão as estruturas de apoio aos candidatos, embora seja fácil imaginar que situação e oposição à Rosalba apoiarão candidatos diferentes.

ASSEMBLEIA
Dezesseis personalidades receberão na manhã de hoje, na Assembleia Legislativa do RN, Medalhas do Mérito Legislativo, Social e Cultural. Este ano a Casa concederá, pela primeira vez, a Medalha do Mérito Educacional “Noilde Ramalho” que durante muitos anos dirigiu a Escola Doméstica de Natal.

PESQUISA
No Nordeste, pesquisas eleitorais mostram mudança nas posições dos candidatos a presidente da República. O Instituto de Pesquisas e Estratégias mostra o presidente Lula na frente, com 49% das intenções de voto, Ciro Gomes em segundo, com 17% e Bolsonaro em terceiro, com 16%.

CONDENÇÃO
Voto vencido em algumas decisões no TSE, o ministro Gilmar Mendes advertiu os candidatos, principalmente Lula e Bolsonaro, sobre a possibilidade de condenação por abuso de poder econômico e campanha antecipada, com possibilidade de cassação de eventual diplomação.

Notas da Redação

REPERCUSSÃO
É mais importante para o governo de Robinson Faria avaliar os reflexos produzidos pela atual crise política do que os motivos que provocaram a súbita reforma no secretariado. Afinal de contas, seu governo está terminando e não pode permanecer somente administrando crises.

COORDENADOR
A posição do deputado Fábio Faria na coordenação política de Robinson, incluindo Mossoró nessa ação, não trará mudanças significativas, pois ele já exercia essa tarefa. Será positivo para sua reeleição à Câmara dos Deputados, pois terá contato mais direto com as lideranças.

ESVAZIAMENTO
Durante os três primeiros anos de governo, Robinson investiu maciçamente nos programas sociais da Sethas, secretaria dirigida pela sua esposa, Julianne Faria. Por mais competente que seja o substituto, Vagner Araújo, não terá a mesma atenção dispensada à antecessora.

ENTREVISTA
Depois de entrevistar advogados que defenderam e/ou criticaram a reforma trabalhista, o programa Observador Político conversou, na sexta-feira (8), o juiz do trabalho, Dr. Hamilton Vieira Sobrinho, que esclareceu com segurança alguns dos pontos mais polêmicos da reforma.

MINISTRO
O ministro da saúde, deputado Ricardo Barros, voltará a Mossoró até o final deste mês. Vem, conforme prometeu em sua última visita, assinar convênio entre Governo Federal e Prefeitura para manutenção da UPA do Belo Horizonte, até hoje, mantida totalmente pelo município.

TSE
O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, será o próximo presidente do Tribunal Superior Eleitoral, substituindo o atual presidente, ministro do STF Gilmar Mendes. O mandato de Fux vai até agosto do próximo ano, quando será substituído pela ministra Rosa Weber.

REFORMA
Eleito presidente do diretório nacional do PSDB, o governador de São Paulo, Geraldo Alkmin, anunciou que o partido fechará questão na votação da reforma da Previdência. Mesmo com o partido fazendo oposição ao governo Temer, a reforma é um assunto de interesse nacional.

CAPAS:
Enquanto delações premiadas continuarem recebendo crédito ilimitado, notícias sobre fatos delatados ocuparão as manchetes. A VEJA traz foto de Lula com o ex-presidente Líbio Kadaf e a delação de Palocci de que o PT recebeu US 1 milhão para campanha de Lula em 2002.

A revista ÉPOCA mostra sua preocupação com a reforma da Previdência, alertando “O Brasil Rumo à Pindaíba. Se não aprovar logo uma reforma da Previdência, o Brasil terá somente trocados para investir nas áreas em que tanto precisa. E mostra um pires com alguns trocados.

Na mesma linha, a ISTOÉ diz em sua capa, “O Futuro do Brasil nas Mãos do Congresso. Objetivos eleitoreiros estão movendo os parlamentares na votação mais decisiva de nossa história. O projeto que muda as aposentadorias combate privilégios e garante o funcionamento do sistema. Se deputados e senadores deixarem passar essa oportuidade, a economia segue de volta ao colapso.

Notas da Redação

NATURALIDADE
O Diário Oficial publicou as mudanças no secretariado tornadas necessárias com a renúncia da primeira-dama Julianne Faria. Tentando mostrar naturalidade, o governador justificou a necessidade de alinhamento de gestão às novas medidas que precisam ser implementadas.

MOSSORÓ
No início do governo, Robinson indicou Mairton França para secretaria de Recursos Hídricos, por indicação do prefeito Francisco José, depois substituído pelo ex-prefeito de Assú, Ivan Júnior. Na reforma atual, Mossoró ficou fora das indicações do governador.

APOIOS
Falta a Robinson Faria base política sólida em Mossoró. Houve tempo em que esteve bem identificado com um grupo político local, mas rompeu o entendimento para apoiar Francisco José. O investimento fracassou e não conseguiu mais recuperar a posição política perdida.

VEREADORES
Mesmo assim, alguns vereadores e ex-vereadores tentam atrair a simpatia do governador Robinson Faria e defendem entusiasticamente sua administração. O que eles não entendem é a falta de reciprocidade por parte de Robinson.

PERDA
O respeitado jornalista Paulo Tarciso considera que “Robinson Faria vai ter que rebolar muito para evitar o fim antecipado do seu governo com a surpreendente saída da titular da Sethas Julianne Faria……Robinson perde a única voz com que podia contar na equipe de governo”.

TEATRO

Reforma do Teatro Lauro Monte será retomada
Reforma do Teatro Lauro Monte será retomada

Não se sabe se agora é para valer mesmo, mas o Governo do Estado abriu licitação para a reforma do Teatro Lauro Monte Filho, em Mossoró. O valor da obra é de R$ 5.133.199,53 e as propostas serão recebidas até o início de janeiro de 2018.

PSDB
A cúpula do tucanato potiguar ofereceu uma colher de chá ao empresário Tião Couto que, afinal é o presidente do diretório municipal do partido em Mossoró. Tião fará parte do diretório nacional do partido, ao lado de Rogério Marinho, Ezequiel Ferreira e Márcia Maia.

AFASTAMENTO
O deputado federal Rogério Marinho trabalha para que Tião Couto não seja candidato a deputado, mas seja candidato a outro cargo eletivo, apoiando seu próprio nome para deputado federal, em Mossoró. Só existem duas possibilidades, senado ou governo do Estado.

ESCOLHA
Faltam menos de onze meses para a eleição do futuro governador. O prefeito Carlos Eduardo e a senadora Fátima Bezerra são os dois mais prováveis candidatos com chances de irem a um segundo turno. Mas, outros trabalham na tentativa de viabilização de seus nomes.

SENADO
O ex-deputado federal Wanderley Mariz, filho do ex-governador e ex-senador Dinarte Mariz, decidiu voltar à vida pública e anuncia sua candidatura a senador. Wanderley adianta que, para presidente da República, apoiará o nome do deputado federal Jair Bolsonaro.

CONFIANÇA
Economistas consideram que, mesmo que o Congresso não aprove a reforma da Previdência, a inflação não atormentará o brasileiro em 2018. E citam o atual preço do dólar, os índices do Ibovespa, e o Índice de Preços ao Consumidor que encerrará o ano em torno de 3.8%.

FORÇA
O “Centrão” ocupa mais espaço na Câmara dos Deputados e deverá indicar o deputado Carlos Marun, do PMDB-MT, para substituir o deputado Antônio Imbassahy, do PSDB, na Secretaria do Governo. Marun tem trânsito livre com os deputados e com o presidente Michel Temer.

Notas da Redação

CRISE

Julianne Faria

É de amplitude maior do que se imagina a crise que se tornou pública, na madrugada de ontem, envolvendo não somente o aspecto político-administrativo do governo Robinson Faria, mas atingindo o aspecto familiar, com a renúncia da esposa da Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social.

COMUNICADO
Causou estranheza o afastamento da primeira-dama Julianne Faria haver sido comunicado em suas redes sociais, nas primeiras horas da madrugada de ontem, e com o governador Robinson em Brasília, tratando de assuntos administrativos.

RECUPERAÇÃO
Não deu tempo para o governador comemorar a avaliação do Tesouro Nacional em relação às contas do Estado do RN, que alcançou nota B no Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais do Tesouro Nacional. Os governos estaduais com nota A ou B têm acesso a crédito da União.

REFORMA
A saída de Julianne criou condições para Robinson realizar uma minirreforma no secretariado, substituindo algumas pastas e remanejando outras. No aspecto político, abriu mão da coordenação, que foi repassada ao filho, deputado federal Fábio Faria.

EXEMPLO
A atitude de Julianne Faria, em termos proporcionais, foi comparada a da esposa do então prefeito de Mossoró, Francisco José, Amélia Silveira que, nas redes sociais, abriu debate pública sobre o rompimento entre o marido e o governador Robinson.

EXPLICAÇÕES
Julianne divulgou nota de agradecimento aos que participaram de sua atividade, deixando de citar o governador Robinson nesse documento. Robinson agradeceu a ajuda recebida pelos que deixaram o governo ou foram por ele substituídos. Com o tempo, o assunto será melhor esclarecido.

VAGNER
Bacharel em Ciências Contábeis e especialista em Gestão Pública, Vagner Araújo substituirá a Julianne Faria na Sethas. Vagner, que é mossoroense de nascimento, já foi secretário de Trabalho (1994 e 2001) Planejamento (2003 a 2009), Casa Civil (2009 a 2010), além de cargos na prefeitura de Natal.

POSIÇÕES
Para se ter uma ideia das dificuldades do presidente Temer em aprovar a reforma da Previdência, basta ver o comportamento da a bancada do RN. Os deputados Beto Rosado e Walter Alves, indicaram dirigentes do governo federal, mas votarão contra o projeto.

PESSOAL
O voto contrário à reforma da Previdência do deputado federal Walter Alves, antes um defensor de mudanças nas regras previdenciárias, seria mais uma posição pessoal para mostrar sua insatisfação e a do senador Garibaldi Alves com o presidente Michel Temer.

REQUIÃO
Depois de Ciro Gomes foi a vez do senador Roberto Requião visitar o Rio Grande do Norte. Participou, em Natal, do lançamento da “Frente em Defesa da Soberania Nacional”. A senadora Fátima Bezerra e o deputado Fernando Mineiro participaram do evento.

BANCO
Após o desligamento de 9,4 mil empregados e fechamento de 402 agências, o Banco do Brasil prepara nova reformulação. Entre as medidas, pretende reforçar os escritórios digitais, tendo em vista que, atualmente, 72,1% do total de acessos às contas é feito via Internet.

TIRIRICA
A posição do deputado Tiririca lembra o filme “A volta dos que não foram”. Tiririca anunciou a renúncia, mas continua deputado federal. Deixará a política somente a partir de 2019. Talvez esteja faturando menos como parlamentar do que poderia receber como profissional do riso.

Notas da Redação

CIRO

Ciro Gomes

O ex-ministro e presidenciável Ciro Gomes esteve ontem em Mossoró. Veio proferir palestra na Universidade Federal Rural do Semiárido, no programa da Semana Ativa do Administrador. O evento é promovido pelo Centro Acadêmico de Administração da UFERSA.

CANDIDATO
O prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, filiado ao mesmo partido de Ciro Gomes, aproveitou para se apresentar em Mossoró, como pré-candidato ao governo do Rio Grande do Norte. Fez uma visita à prefeita Rosalba Ciarlini que o recebeu, mas preferiu não abordar temas políticos.

CAMPANHA
O prefeito Carlos Eduardo vinha tratando a sucessão com extrema cautela, evitando precipitar o início da campanha política. Entretanto, todos sabem que pretende anunciar sua candidatura no próximo mês de janeiro, programando uma série de contatos políticos, a partir dessa data.

LANÇAMENTO
Coube a Ciro Gomes a lembrança dessa candidatura ao afirmar que Carlos Eduardo tem todas as condições para governar o RN e, se esse for o seu desejo, o partido dará todo apoio a sua candidatura. Tudo se processando dentro do processo natural da política.

SANDRA
Com a vereadora Sandra Rosado, o prefeito Carlos Eduardo manteve contato telefônico, ainda na chegada à Mossoró, e disse do seu interesse em manter contato com o grupo político da vereadora do qual faz parte a deputada estadual Larissa Rosado.

BISPOS
A mobilização dos professores da UERN e dos médicos do Rio Grande do Norte ganhou força com o apoio recebido dos bispos do RN, Dom Jaime Vieira Rocha, Arcebispo de Natal, Dom Mariano Manzana, da Diocese de Mossoró e Dom Antônio Carlos Cruz Santos, da Diocese de Caicó.

AUDIÊNCIA
Além de nota em defesa da UERN, os três prelados estão pedindo audiência ao governador Robinson Faria para tratar do impasse criado com médicos e professores. Os três adiantaram que, no encontro, estarão acompanhados de representantes dos Padres do Estado.

TERRORISMO
As dificuldades na área da saúde, no RN, são visíveis e sentidas pela população. Mesmo assim, o secretário George Antunes resume tudo isso em uma colocação bem simplista, dizendo da existência de terrorismo na mídia potiguar contra as ações da saúde pública no estado.

RECUSA
Ficará difícil para o governador Robinson Faria negar a solicitação dos padres da Igreja católica. Entretanto, o movimento capitaneado pelos religiosos poderá ser acompanhado por pastores das Igrejas Evangélicas que começam a se movimentar em defesa da UERN.

CALAMIDADE
O Diário Oficial publicou, ontem, a prorrogação do estado de calamidade na saúde público do RN. Na prática, isso não terá efeito prático, mas o governo considera que o prazo anterior “não se mostrou hábil à efetivação de todas as ações programadas para a execução de melhorias na saúde pública.”

Notas da Redação

CONTAS
Em parecer que preencheu 55 páginas, o Tribunal de Contas do RN reprovou as contas do governador Robinson Faria referente ao ano de 2016. O governador informou que entrará com pedido de reconsideração logo que seja notificado pelo Tribunal sobre o assunto.

DISTANCIAMENTO
Com tantos problemas a enfrentar vai ficando cada vez mais distante qualquer possibilidade de candidatura à reeleição de Robinson. Os amigos defendem que ele permaneça no governo, participando do pleito com inteira imparcialidade.

RECURSOS
Enquanto os governadores estão com a língua de fora, o Governo Federal acena para uma ajuda de mais de R$ 2 bilhões em recursos para os municípios, mas somente em 2018. Para isso acontecer informa que o apoio só ser possível com a aprovação da Reforma da Previdência

APOIO
Permanecendo no cargo até fim do mandato, existe a possibilidade de Robinson ter candidato a sua sucessão, ajudando de alguma forma o candidato que tiver sua preferência, mesmo de forma discreta, como aconteceu com o apoio que recebeu da governadora Rosalba Ciarlini.

VICE
Entre os mossoroenses, existe a quase certeza de que os candidatos ao cargo de vice-governador sairão da cidade. Isso tem tudo para acontecer, mas não está afastada a hipótese desse nome ser escolhido entre lideranças da área metropolitana de Natal.

BETINHO
Quem se articula para ser indicado por Rosalba para ser candidato a vice-governador é o ex-deputado federal Betinho Rosado. A prefeita mantém silêncio sobre o assunto, mas o ex-deputado tem mantido contatos, em Natal, sobre assunto, tentando viabilizar o nome.

REAÇÃO
Peemedebistas mais tradicionais estranharam o comportamento do senador Garibaldi Alves que veio à Mossoró para a reinauguração do Sesc e evitou conversar com representantes da imprensa. Garibaldi é candidato à reeleição e sabe que, em 2018, deve acontecer alguma coisa diferente.

FILA
No levantamento sobre situação da saúde pública nos estados verificou-se que, no Rio Grande do Norte, 1.135 pacientes aguardam pacientemente na fila de espera para realização de uma cirurgia. Cirurgias de catarata, hérnias, vesícula e amigdalas representam metade dos casos.

GREVE
Essa situação tende a se agravar por conta da greve que vem sendo mantida pela classe médica em greve há vários dias, sem que o Estado atende às reivindicações apresentadas pelos profissionais da saúde.

LULA
A pesquisa DataFolha mostrou consolidação de Lula como primeiro colocado na disputa presidencial e o deputado Jair Bolsonaro como segundo colocado. Havia a aposta de que Lula cairia no momento em que fosse condenado pelo juiz Sérgio Moro, mas aconteceu o contrário.

PROBLEMA
Ao que tudo indica, o julgamento de Lula na 2ª Instância poderá ocorrer antes de possível registro de sua candidatura a presidente. Chamou atenção dos petistas a pressa com que o parecer do relator do processo foi entregue, logo depois da divulgação da pesquisa.

INTERPRETAÇÃO
A declaração de inelegibilidade de Lula pelos tribunais começa a parecer uma tentativa de tirar o ex-presidente da disputa eleitoral no tapetão. Mesmo que existam provas suficientes, seus defensores advogam que não houve nem está havendo o mesmo rigor em relação a outros políticos que se encontram na mesma situação.

Notas da Redação

FALECIMENTO

Marcos Freitas

A coluna registra, com pesar, o falecimento de Marcos Antônio da Rocha Freitas, um cidadão que passou toda sua existência terrena construindo amizades em todos os setores da vida mossoroense. Marcos faleceu em São Paulo, onde se encontrava hospitalizado.

ROBINSON
O governador Robinson Faria está empenhado em conseguir os recursos necessários para o pagamento da folha de servidores estaduais. Sabe que a decisão da liberação do empréstimo junto à CEF passa por decisão em Brasília e está atento a todos os passos dessa tramitação.

ESTADUAIS
Os que pretendem disputar cargos eletivos, com base em Mossoró começam a despontar no noticiário político. No início da semana, foi a vez do empresário Jorge do Rosário, que iniciou na política partidária disputando o cargo de vice-prefeito de Mossoró, ao lado de Tião Couto.

VEREADORES
Até o momento, os nomes das vereadoras Sandra Rosado e Isolda Dantas são os mais falados quando se fala em disputa de cargos de deputados federal e estadual. Porém, nos bastidores da Câmara, tem-se como certo que dois outros vereadores entrarão nessa peleja.

LULA
As pesquisas eleitorais continuam mostrando o ex-presidente Lula em primeiro lugar na corrida presidencial. O Datafolha mostra fortalecimento de sua liderança, com 37% das preferências, enquanto o deputado Bolsonaro mantém isolado a segunda posição, com 19%.

TURNO
Foram 2.765 entrevistas entre 29 e 20 de novembro, em 192 cidades e, no segundo turno, Lula repete a performance e ganha em todos os cenários, havendo ampliado em quatro pontos percentuais sua vantagem em relação à pesquisa feita no fim de setembro.

REFORMA
O presidente Temer joga sua última cartada em relação à reforma da Previdência. Logo mais, vai reunir parlamentares aliados tentando conseguir uma aprovação, um mínimo possível para viabilizar o final de sua gestão. E a do futuro presidente também, dizem os analistas políticos.

INTERROGAÇÃO
Muitos perguntam como é possível Lula manter essa preferência, depois da enxurrada de acusações que lhe são movidas pela justiça. Quase metade dos entrevistados considera que o juiz Moro não provou as acusações contra Lula e mais de 25% não tomaram conhecimento.

TRANSPLANTE
Há 50 anos, o médico Christiaan Barnard realizou o primeiro transplante de coração do mundo, no hospital Groote Chuur, na Cidade do Cabo, na África do Sul. O paciente era Louis Washkansky, 54 anos, que sobreviveu por 18 dias antes de morrer de pneumonia.

CAPAS
Nesta semana as revistas nacionais de maior circulação trataram de assuntos bem diferentes, ao contrário do que costuma acontecer.
A ISTOÉ traz na capa a escolha dos “Brasileiros do ano 2017, com destaque para o juiz Sérgio Moro, além de Henrique Meirelles, Luciano Huck, ACM Neto, Iris Valverde, Juliana Paes, João Carlos Martins, João Paulo Barrera, Milu Vilella, Alan Ruschel e João Carlos Martins.

Na VEJA, uma caricatura do governador de São Paulo, Geraldo Alkmin, com o título “O voo dos tucanos. O governador Geraldo Alckmin assume o comando do PSDB e aproveita a desistência de Luciano Huck para fazer avançar sua candidatura ao Palácio do Planalto”.
ÉPOCA critica a política do Brasil para as crianças de até 3 anos é um deserto de estímulos e o trabalho do governo do Ceará tentando tirar “o atraso nessa área tão crucial para o desenvolvimento do país.”
A revista EXAME completa 50 anos de circulação e destaca “A revolução nos negócios. Ao longo de cinco décadas, Exame retratou a evolução da economia, das empresas e da gestão o Brasil e no mundo. As mudanças não param. Saiba o que está por vir.l”
FALECIMENTO
A coluna registra, com pesar, o falecimento de Marcos Antônio da Rocha Freitas, um cidadão que passou toda sua existência terrena construindo amizades em todos os setores da vida mossoroense. Marcos faleceu em São Paulo, onde se encontrava hospitalizado.

ROBINSON
O governador Robinson Faria está empenhado em conseguir os recursos necessários para o pagamento da folha de servidores estaduais. Sabe que a decisão da liberação do empréstimo junto à CEF passa por decisão em Brasília e está atento a todos os passos dessa tramitação.

ESTADUAIS
Os que pretendem disputar cargos eletivos, com base em Mossoró começam a despontar no noticiário político. No início da semana, foi a vez do empresário Jorge do Rosário, que iniciou na política partidária disputando o cargo de vice-prefeito de Mossoró, ao lado de Tião Couto.

VEREADORES
Até o momento, os nomes das vereadoras Sandra Rosado e Isolda Dantas são os mais falados quando se fala em disputa de cargos de deputados federal e estadual. Porém, nos bastidores da Câmara, tem-se como certo que dois outros vereadores entrarão nessa peleja.

LULA
As pesquisas eleitorais continuam mostrando o ex-presidente Lula em primeiro lugar na corrida presidencial. O Datafolha mostra fortalecimento de sua liderança, com 37% das preferências, enquanto o deputado Bolsonaro mantém isolado a segunda posição, com 19%.

TURNO
Foram 2.765 entrevistas entre 29 e 20 de novembro, em 192 cidades e, no segundo turno, Lula repete a performance e ganha em todos os cenários, havendo ampliado em quatro pontos percentuais sua vantagem em relação à pesquisa feita no fim de setembro.

REFORMA
O presidente Temer joga sua última cartada em relação à reforma da Previdência. Logo mais, vai reunir parlamentares aliados tentando conseguir uma aprovação, um mínimo possível para viabilizar o final de sua gestão. E a do futuro presidente também, dizem os analistas políticos.

INTERROGAÇÃO
Muitos perguntam como é possível Lula manter essa preferência, depois da enxurrada de acusações que lhe são movidas pela justiça. Quase metade dos entrevistados considera que o juiz Moro não provou as acusações contra Lula e mais de 25% não tomaram conhecimento.

TRANSPLANTE
Há 50 anos, o médico Christiaan Barnard realizou o primeiro transplante de coração do mundo, no hospital Groote Chuur, na Cidade do Cabo, na África do Sul. O paciente era Louis Washkansky, 54 anos, que sobreviveu por 18 dias antes de morrer de pneumonia.

CAPAS
Nesta semana as revistas nacionais de maior circulação trataram de assuntos bem diferentes, ao contrário do que costuma acontecer.

A ISTOÉ traz na capa a escolha dos “Brasileiros do ano 2017, com destaque para o juiz Sérgio Moro, além de Henrique Meirelles, Luciano Huck, ACM Neto, Iris Valverde, Juliana Paes, João Carlos Martins, João Paulo Barrera, Milu Vilella, Alan Ruschel e João Carlos Martins.

Na VEJA, uma caricatura do governador de São Paulo, Geraldo Alkmin, com o título “O voo dos tucanos. O governador Geraldo Alckmin assume o comando do PSDB e aproveita a desistência de Luciano Huck para fazer avançar sua candidatura ao Palácio do Planalto”.

ÉPOCA critica a política do Brasil para as crianças de até 3 anos é um deserto de estímulos e o trabalho do governo do Ceará tentando tirar “o atraso nessa área tão crucial para o desenvolvimento do país.”
A revista EXAME completa 50 anos de circulação e destaca “A revolução nos negócios. Ao longo de cinco décadas, Exame retratou a evolução da economia, das empresas e da gestão o Brasil e no mundo. As mudanças não param. Saiba o que está por vir.l”

Notas da Redaçao

PLANO
O governador Robinson Faria enviou à Assembleia Legislativa projeto de lei a implementação do auxílio-saúde para a Fundação Universidade Estadual do RN, regulamentando o benefício, via ressarcimento, sem que haja a criação de nova despesa com pessoal para o Estado.

TEMOR
Os servidores estaduais torcem para que o governador Robinson consiga o empréstimo de R$ 698 milhões junto à CEF. Isso não acontecendo, poderão ficar sem o pagamento do décimo terceiro e, até mesmo, o salário dos dois meses restantes neste ano na folha de pessoal.

GARIBALDI
O senador Garibaldi Filho foi o político que mais se destacou nas mobilizações estaduais do fim de semana. Veio a Mossoró para solenidade do SESC e esteve na sessão solene do Tribunal de Contas do Estado, em Natal. De sobra, alguns contatos sobre eleições 2018.

CANDIDATURA
O desembargador Cláudio Santos continua entusiasmado com a perspectiva de disputar o governo do Estado nas eleições de 2018. Quem pergunta sobre as dificuldades atualmente enfrentadas pelo RN ele responde que tem a receita para colocar no prumo o nosso estado.

MEDALHAS
No próximo dia 14 de dezembro, a Assembleia Legislativa homenageará personalidades que contribuíram para o desenvolvimento do Estado no ano de 2017. Como novidade, este ano, será concedida, pela primeira vez, a Medalha do Mérito Educacional “Noilde Ramalho”.

LARISSA
A deputada Larissa Rosado solicitou ao Governo do Estado benefício nas áreas de Segurança Pública, Abastecimento de Água e Infraestrutura Rodoviária para o bairro Santa Júlia, e loteamento Nova Mossoró, atendendo pedidos da população que reside nessas áreas.

HERMANO

Hermano Morais

No sentido de reforçar a cadeia produtiva da cajucultura no RN, o deputado estadual Hermano Morais apresentou projeto de lei propondo a inclusão de 5% de produtos derivados da cajucultura na merenda escolar da rede estadual, adquiridos através da agricultura familiar.

REFORMA

A reforma da Previdência continua a preocupar setores da vida nacional, mesmo tendo pouca possibilidade de ser aprovada. A Assembleia Legislativa realizará na próxima segunda-feira (4), audiência pública para debater essa reforma, proposta pelo deputado Fernando Mineiro.

GOVERNO
O presidente Temer não desiste e quer aprovar a reforma em primeiro turno nas sessões de terça e quarta-feira próximas da Câmara, o que permitiria realizar a votação em segundo turno em 13 de dezembro. Pelos prognósticos, essa reforma não será aprovada.

COMBUSTÍVEIS
Por mais que a Petrobras tente explicar, o brasileiro não consegue entender os aumentos quase que diários nos preços dos combustíveis. Segundo a companhia, o reajuste é explicado pela variação da cotação do produto no mercado internacional.