quarta-feira , 23 de agosto de 2017
Home / Cotidiano / Atendimentos no Caps Infantil são suspensos por falta de ASG
Prédio onde funciona serviço está muito sujo e pais relatam aparecimento de animais peçonhentos (Foto: Cacau).
Prédio onde funciona serviço está muito sujo e pais relatam aparecimento de animais peçonhentos (Foto: Cacau).

Atendimentos no Caps Infantil são suspensos por falta de ASG

Servidores do Centro de Atenção Psicossocial Infantil (Caps I) suspenderam os atendimentos desde a última sexta-feira, 11, em protesto contra a falta de um Assistente de Serviços Gerais (ASG) para realizar a limpeza da unidade. No começo do mês, o pai de uma criança atendida no Caps I denunciou que a falta de limpeza no prédio fez com que aparecesse uma aranha caranguejeira em uma das salas.

“É um absurdo que o Caps Infantil fique abandonado desta forma. Nossas crianças merecem ser atendidas de forma digna, em um ambiente, no mínimo, limpo e livre de ameaças como animais peçonhentos. Agora, suspenderam os atendimentos, o que prejudica o tratamento dos nossos filhos”, disse Sidney Barroso.

Contactada, a assessoria de comunicação da Secretaria Municipal de Sáude informou que o município enfrenta um problema com insuficiência de ASGs disponíveis e, por isso, tem adotado o sistema de revezamento para limpeza de órgãos e unidades de saúde e que tenta conseguir um profissional exclusivo para o Caps Infantil.

A assessoria declara ainda que a falta de ASG não é motivo para que os servidores suspendam os atendimentos e que eles serão notificados.

“Os profissionais que não foram trabalhar vão receber falta e serão notificados. Já a contratação de mais ASGs deve ocorrer quando o município receber os recursos provenientes dos royalties de petróleo, quitando os pagamentos em atraso com as empresas terceirizadas”, informa a assessoria.